Busca

Categoria: Turismo


06:00 · 20.02.2017 / atualizado às 05:50 · 20.02.2017 por

Quixadá
Na última noite do pré-carnaval na cidade o prefeito de Quixadá, Ilário Marques, anunciou publicamente o retorno do Carnaval Popular à Praça José de Barros. O anuncio foi feito no início da festa na Rua Tenente Cravo, no Centro. “Estamos fazendo uma parceria com a iniciativa privada, com o auxílio do bloco Vai Que eu Vou, que conseguiu realizar os quatro eventos do pré-carnaval. Não gastaremos um centavo do dinheiro público”, ressaltou.

Conforme Ítalo Beethoven, um dos organizadores do bloco Vai Que Eu Vou, ele e os outros diretores do grupo formarão uma força tarefa para a realização do Carnaval Popular em Quixadá. Os gastos estimados para o carnaval eram de até R$ 168.949,90.

A mobilização foi iniciada em razão de o gestor municipal ter cancelado a licitação que seria realizada nesta segunda-feira (20), para a contração de empresa responsável pela estrutura e atrações do carnaval público. A decisão foi tomada ainda na quinta-feira (16) atendendo recomendação do promotor de Justiça Marcelo Cochrane, do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca local.

A prefeitura de Quixadá foi uma das 7 no Estado a decretar situação de calamidade financeira e até então, a única delas a cancelar gastos com o carnaval. As outras prefeituras são: Banabuiú, Barroquinha, Itarema, Jaguaruana, Jaguaribara e Várzea Alegre.

Veja mais no Diário do Nordeste > 11 municípios em emergência licitam Carnaval

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

08:00 · 18.02.2017 / atualizado às 08:25 · 18.02.2017 por

Quixadá
Uma programação diversificada com uma noitada de atrações, é o que promete Quixadá neste sábado (18) para quem gosta de folia. Faltando uma semana para o carnaval as opções se multiplicaram na cidade. Dessa vez, além do pré-carnaval popular, no entorno do Boteco do Pablo, tem também o Bloquinho do Badallo, no Badallo Clube, Bloquinho do Baile do Edu na OVNI Club e ainda o tradicional Carnaval da Saudade no Balneário Cedro Clube.

No pré-carnaval as atrações serão o cantor de Quixadá, Caio Brito e sua banda, ainda Léo Frennsy, animando o publico no seu estilo axénejo. O artista é ex-integrante da banda Pagula. Mas quem tem recebido muitos elogios do público é Caio Brito. Da presença no palco ao repertório o cantor de Quixadá agrada puxando todos os estilos de música. O bloco Vai Q Eu Vou faz coro a cada música.

Essa também é a proposta do carnavalesco Rômulo Santaray e da Black Banda no carnaval tradicional no Balneário de Quixadá. Das marchinhas de carnaval ao frevo os brincantes vão amanhecer o dia no espírito carnavalesco. Já no Badallo Clube, a animação ficará por conta do paredão eletrônico da casa, o melhor da região, garantem os organizadores. Na OVNI, o DJ Edu agita o seu Bloquinho e convidados com música eletrônica.

Carnaval na Praça 

Apesar de o prefeito Ilário Marques ter cancelado o carnaval popular na Praça José de Barros, atendendo recomendação do Ministério Público, empresários estão se reunindo para bancarem a festa. Outros, sugerem a continuidade da fórmula do pré-carnaval com os paredões ao lado do palco e atrações locais e regionais. Caio Brito e sua banda são indicados para comandarem a folia.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

06:30 · 16.02.2017 / atualizado às 06:30 · 16.02.2017 por

Quixadá
A Praça José de Barros, no Centro de Quixadá, voltará a ser palco do carnaval popular desta cidade do Sertão Central. A festa é uma marca do prefeito Ilário Marques, reeleito no último pleito eleitoral. O investimento previsto é de até R$ 168 mil com atrações nas quatro noites. Apesar de o município ter decretado Estado de Calamidade Financeira, o evento gera emprego e propicia dividendos para a cidade. No ano passado não foi realizado carnaval na praça.

Logo após reassumir o cargo de chefe do executivo Ilário Marques decretou Estado de Calamidade Financeira. Nos levantamentos constatou uma dívida de R$ 40 milhões, o equivalente a 65% do orçamento anual do Município. A cifra milionária foi destinada em 2016 ao pagamento do funcionalismo público, ainda gastos com gratificações e horas extras, agravando a situação financeira de Quixadá.

As razões que levaram a gestão municipal a determinar situação de calamidade financeira são de natureza pragmática, contábil e financeira. Principalmente na gestão com pessoal e dívidas consolidadas. Seu fundamento está na busca de que o município volte à situação de regularidade junto a lei de responsabilidade fiscal. A emergência se dá pela condição administrativa do município, onde serviços básicos não estavam funcionando e era condicionante decretar emergência e retomar os serviços essenciais como limpeza, saúde e educação, outrora abandonados”, justificou o prefeito.

Quanto ao carnaval, Quixadá é uma cidade com valor turístico gigantesco, reconhecida internacionalmente por esse perfil. A festa está prevista na lei orçamentária e no plano plurianual. “Mesmo na situação de crise, realizada de forma modesta, austera e responsável a iniciativa passa a ser um investimento que potencializa a característica natural para o turismo e o perfil de cidade de comércio e serviços“, acrescentou Ilário Marques.

Veja a reportagem no Diário do Nordeste > 11 municípios em emergência licitam Carnaval

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

07:00 · 15.02.2017 / atualizado às 06:50 · 15.02.2017 por

Canindé
Imponente símbolo dos romeiros e literalmente uma das maiores atrações turísticas do Ceará, com 30,25 metros de altura, a estátua de São Francisco das Chagas, em Canindé (a 118Km de Fortaleza), terá as obras de restauração retomadas. A ordem de serviço foi assinada na tarde desta quarta-feira (14) pela prefeita deste município do Sertão Central, Rozario Ximenes. O prazo para conclusão dos trabalhos é junho deste ano. O valor dos serviços é R$ 93,4 mil.

Fotos > Prefeitura de Canindé

Necessitando de reparos, o monumento religioso e turístico inaugurado aos 4 de outubro de 2005, maior inclusive do que o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, teve os serviços iniciados em 2015, mas as obras foram paralisadas. No início do ano passado o prefeito em exercício, Celso Crisóstomo, havia anunciado o retorno dos trabalhos, mas sua gestão terminou e a recuperação não foi concluída.

Segundo a administração municipal, a imagem do padroeiro de Canindé ganhou revestimento com pastilhas de cerâmica vitrificadas, tamanho 2x2cm, importadas da China. São 789 metros quadrados de ladrilhos, com 2.250.000 peças na cor marrom. Na construção, realizada pela empresa Magna Locações, foram utilizadas 18 toneladas de ferro e 3,5 mil sacas de cimento de 50 quilos.

No interior da estátua de São Francisco, uma escada com 125 degraus leva a um mirante com capacidade para 15 pessoas.

Idealizada pelo escultor de Canindé, Deoclécio Soares Diniz, conhecido artisticamente como “Seu Bibi”, o monumento de concreto teve suas obras iniciadas aos 3 de junho de 2002. O investimento financeiro, de R$ 2,2 milhões, foi disponibilizado pelo Ministério dos Esportes e Turismo, através da Empresa Brasileira de Turismo (Embratur) e pelo Programa de Infra Estrutura do Turismo (Prointur). Canindé recebe a segunda maior romaria franciscana do mundo.

Três milhões de romeiros visitam Canindé a cada ano. A cidade tem uma população de 80 mil habitantes, 60% deles trabalham e sobrevivem de rendas provenientes dos comércios formais e informais na romaria de São Francisco, realizada de 24 de setembro a 4 de outubro, data dedicada ao santo padroeiro. Para os franciscanos a romaria move Canindé e sua economia. ‘’Canindé não pode viver sem São Francisco e nem a fé de seu romeiro’’, disse o pároco e reitor do Santuário-Paróquia de São Francisco, frei Marconi Lins.

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161

11:30 · 09.02.2017 / atualizado às 12:10 · 09.02.2017 por

Banabuiú
O mais animado carnaval do Centro do Estado vai continuar. A nova gestão está chegando com uma série de novidades, a começar pela sua identificação oficial, agora Governo Municipal de Banabuiú (GMB). Vai ter folia nas águas do rio Banabuiú, mela-mela na Praça 25 de janeiro e festa noturna no corredor da folia, na Avenida Queiroz Pessoa. De acordo com a assessoria do GMB todos os espaços serão abertos ao público. Não haverá cobrança de entrada.

A novidade do carnaval à beira-rio será a formação de um piscinão. O nível da água do açude Arrojado Lisboa está muito baixo. A válvula de dispersão está liberando apenas 400 litros por segundo, mas é o suficiente para barrar o curso no período para os brincantes poderem se refrescar do calor. Outra opção será o chuveirão, dessa vez com sistema de tratamento de água. Afinal são esperados mais de 80 mil visitantes, gerando uma economia de R$ 1 milhão para o Município.

A secretária de Cultura e Turismo, Lila Oliveira, e o diretor de Indústria e Comércio, Chrystian Aurélio se reuniram com os comerciantes e barraqueiros, totalizando 30 representantes, e definiu as demandas para o carnaval deste ano. O grupo solicitou a intermediação com os fornecedores dos produtos a serem vendidos, principalmente bebidas, pedindo concessão de prazo para o pagamento. A segurança também foi discutida no encontro realizado nesta quarta-feira (8). O Governo Municipal emitirá laudo para cada barraqueiro.

Veja o vídeo do tradicional mela-mela no entorno da Praça 25 de janeiro, no Centro de Banabuiú

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do WhatsApp 55 88 9 9970 5161