Busca

12:00 · 19.11.2017 / atualizado às 07:00 · 20.11.2017 por

Algumas gravuras do painel de grafite, simbolizando pássaros por liberdade, foram modificadas.

O I Festival Sertão & Diversidade teve sua culminância na noite deste sábado (18) com polêmica e censura. O motivo foi o painel de grafite pintado na parede lateral da praça do Centro Cultural Rachel de Queiroz, no Centro de Quixadá. Tão logo começou a ser postada na redes sociais, a arte, criada por participantes da oficina passou a receber criticas. Algumas gravuras denotavam erotização. A reação negativa levou a organização do evento a utilizar uma espécie de tapa-sexo nas imagens consideradas explicitas. Depois, uma delas foi apagada e a outra recebeu a gravura de uma rosa.

Diante da repercussão e da censura pública o painel colorido ganhou novas formas. Em protesto, o coordenador do Festival, roteirista Geraldo Cavalcanti, se manifestou com uma única frase: Não a todo tipo de violação à liberdade de expressão. Ele se referia à censura ao trabalho artístico, resultado da oficina de grafite. Pressionada, a administração municipal teria exigido a alteração do desenho original. Essa foi a divulgação feita nas redes sociais pela organização do Festival.

O painel de grafite, ao lado do Centro Cultural, tem 30 metros de extensão.

Posicionamento da Prefeitura

A Prefeitura de Quixadá informou que deu todo o suporte e apoio à realização do Festival. Foram aportados apoios financeiro e estrutural à iniciativa, considerando a importância e necessidade do debate proposto pelo projeto. Em nenhuma circunstância foi cerceada qualquer expressão artística e acima de tudo mensagens e opiniões culturais.

Privamo-nos em fazer qualquer juízo de valor sobre as ações desenvolvidas pela organização do evento e seus participantes e às diversas opiniões que circularam nas redes sociais.Destacamos que prefeitura de Quixadá repudia toda manifestação preconceituosa, racista, homofóbica, misógina e de violência e reafirma seu compromisso com os quixadaenses por uma cidade mais amorosa para todos e todas“, acrescento a Nota enviada ao Diário do Nordeste.

Proposta positiva

Mesmo assim, na sua primeira edição, focada no público de lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais (LGBTs), a proposta atingiu seu objetivo. Atraiu a atenção da sociedade para o movimento e para a programação, que teve início na quinta-feira (16) com a participação especial do ator Silvero Pereira e se encerrou na noite deste sábado (19) com a exibição de três filmes do gênero e um show, A vibe, na Praça da Cultura

Na Mandala de prosa, uma das oficinas do Festival, realizada na Faculdade de Educação Ciências e Letras do Sertão Central (Feclesc) foram discutidos vários temas relacionados ao público LGBT. Nos debates foram discutidos: a identidade de gênero e orientação sexual no ambiente escolar; representatividade LGBT no Sertão; sexo, saúde e prevenção e avanços e desafios das políticas públicas LGBT.

Na “Mandala de prosa”, realizada no auditório da Feclesc, o público LGBT discutiu vários temas.

Na programação também teve uma oficina de maquiagem Drag Queen, no Centro Cultural.

O painel de arte em grafite, pintado a muitas mãos, tinha um colorido e temática especial.

Veja também no Diário do Nordeste

Ator Silvero Pereira abrilhanta abertura do Festival Sertão & Diversidade em Quixadá

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

10:30 · 18.11.2017 / atualizado às 10:30 · 18.11.2017 por

Primeiro alerta da Defesa Civil do Ceará é para o monitoramento das pequenas barragens no Interior.

Após um período prolongado de estiagem, de seis anos, a expectativa é de boas chuvas para a próxima quadra invernosa no Ceará. Apesar de a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) apresentar o diagnóstico oficial do Estado somente a partir do início do próximo ano a Coordenadoria Estadual da Defesa Civil do Ceará (Cedec) começou a alertar as prefeituras.

> Defesa Civil alerta sobre riscos em barragens

A preocupação não é por menos. Alguns órgãos especializados em estudos climáticos como a Somar Meteorologia, já detectaram o esfriamento do Oceano Pacífico. Esse fenômeno, preconiza o surgimento do La Niña, sinônimo de mais chuvas no Ceará, principalmente no Interior. E quando chove com mais intensidade há risco das barragens de pequeno porte arrombarem.

> Esfriamento do Pacífico traz esperança de chuva

No ano passado, no Sertão Central, os moradores do distrito de Califórnia, na zona rural de Quixadá, se mobilizaram e realizaram o reparo de uma fissura na parede do açude que abastece a comunidade. No ano anterior (2015), quando havia chovido mais um pouco na região, outros barreiros, como são conhecidos os pequenos reservatórios particulares, romperam. Em um deles, no distrito de Juá, uma força tarefa, dos próprios moradores, realizou os reparos.

Diante dos novos diagnósticos, de um bom inverno, quando ocorrem muitas chuvas, moradores de áreas urbanas, consideradas de risco ou sujeitas a alagamentos, começam a se preocupar. Existem vários pontos na maioria das cidades da região. Quixadá é uma delas, mas de acordo com a administração municipal já está sendo realizado um mapeamento e estudadas estratégias para solução dos problemas.

A preocupação dos moradores das áreas urbanas é com os alagamentos.

As chuvas em períodos de bom inverno costumam deixar ruas e até bairros alagados.

Os moradores que mais sofrem com os alagamentos moram próximo a córregos.

Alguns procuram levar o problema dos alagamentos com bom humor ou protesto.

Nas regiões serranas, como o Maiço de Baturité, o risco maior é de desabamentos. Foto > VC Repórter

Mobilização e meteorologia

Com o alerta da Cedece os coordenadoras da Defesa Civil nos seus municípios deverão começar a se mobilizarem a partir da próxima semana. Por enquanto, o clima está literalmente ameno em todo o Estado, com possibilidade de chuvas isoladas na faixa litorânea e no Maciço de Baturité. Nas demais áreas, céu entre parcialmente nublado e claro ao longo do dia. Esse é o mesmo prognóstico da Funceme para este domingo (19).

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

07:30 · 18.11.2017 / atualizado às 07:40 · 18.11.2017 por

Um vigilante de 50 anos de idade foi baleado no início da noite desta sexta-feira (17) na cidade de Banabuiú, no Sertão Central. A Polícia informou que a vítima estava em um bar, na companhia de amigos quando dois indivíduos armados adentraram o estabelecimento e anunciaram um assalto. O vigilante reagiu à ação dos criminosos mas acabou sendo atingido por um disparo de arma de fogo no tórax.

Os bandidos fugiram roubando o automóvel Fiat Pálio de cor vermelha, pertencente ao vigilante. O veículo foi abandonado a cerca de 10Km do Centro de Banabuiú, na CE-266, no trecho de acesso desta cidade ao município de Morada Nova. Os criminosos, ainda não identificados, continuam sendo procurados pela Policia.

O vigilante foi socorrido pelos amigos ao hospital local e em seguida para Quixadá, mas não corre risco de morte. Ele presta serviço na Escola de Ensino Fundamental e Médio Jacob Nobre de Oliveira Benevides, conhecida como Liceu de Banabuiú, acrescentou uma fonte da Polícia.

Senador Pompeu

Noutro município do Sertão Central, em Senador Pompeu, um homem de 21 anos também foi atingido por um disparo de arma de fogo. De acordo com informações da vítima à Polícia, quando já recebia socorros no hospital da cidade, o tiro foi efetuado por um primo, atingindo seu joelho direito.

O fato ocorreu na noite desta sexta-feira (17), por volta das 22 horas, no Sítio Japão, na residência do avô da vítima e do acusado, na zona rural.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

07:00 · 18.11.2017 / atualizado às 07:05 · 18.11.2017 por

A Associação dos Filhos e Amigos de Quixadá (Afaq) realizará neste sábado (18) no Balneário Cedro Clube, nesta cidade, o baile de confraternização “Velhos tempos, belos dias”.

Segundo a presidente da Afaq, Cristina Fonseca, a festa é promovida em parceria com o Rotary Clube, Lions Clube e a Câmara de Dirigentes de Lojistas (CDL) de Quixadá para homenagear benfeitores e seus familiares.

Seis homenageados receberão a comenda Terra dos Monólitos. Os escolhidos, por votação de todos os associados da Afaq foram Maria do Socorro Moura Lima, José dos Santos Alves, Joaquim Capistrano Costa e ainda in memoriam, José Gomes da Silva, Maria Pordeus Lima de Araújo e José Linhares da Páscoa. Todos prestaram serviços relevantes ao Município.

A presidência da Afaq informou que a festividade tem início programado para as 21 horas, animada pelas bandas Opção Musical e Banda Reprise. O ingresso individual custa R$ 25,00. Parte da renda será destinada à Associação Grão de Mostarda.

Associados e a sociedade de Quixadá participarão da festa de confraternização. Foto > Afaq

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

15:00 · 17.11.2017 / atualizado às 15:15 · 17.11.2017 por

Casais de Aracoiaba que ainda não firmaram oficialmente o matrimônio mas não têm condição financeira de custear a cerimônia conjugal terão a oportunidade de realizar esse sonho pessoal. A Secretaria de Assistência Social Trabalho e Habitação desse município do Maciço de Baturité, com pouco mais de 26 mil habitantes, pretende tornar esse desejo em realidade e, prorrogou as inscrições para um casamento coletivo.

Conforme a secretária de Ação Social, Valdênia Silveira, os casais e noivos em situação de pobreza, cadastrados nos programas sociais como o Bolsa Família, poderão preencher o cadastro até a próxima sexta-feira (24) e assegurar a cerimônia, coletiva, com a presença dos padrinhos, familiares e amigos, que será realizada na cidade. As inscrições estão sendo feitas na própria Secretaria.

O coordenador do casamento coletivo, Reury Queiroz, informou que as inscrições haviam sido abertas no início desta semana mas apenas sete casais haviam se inscrito. Muitos tomaram conhecimento hoje da iniciativa da Secretaria de Ação Social e a procura disparou, por esse motivo o período de inscrição foi prorrogado.

Dependendo do número de casais inscritos, a cerimônia, com a bênção de um pastor para os evangélicos e um padre para os católicos poderá ser realizada no auditório da Secretaria Municipal de Educação, ou se for um número maior, no ginásio poliesportivo da Escola de Ensino Fundamental Pedro Guedes Alcoforado Coronel. O serviço cartorário e religioso serão gratuitos, acrescentou o organizador.

Casamento Coletivo

Inscrições até 24 de novembro
Secretaria de Ação Social de Aracoiaba
Av. da Independência, 134 – Centro
Fone > (85) 3337 5027

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

07:00 · 17.11.2017 / atualizado às 18:05 · 17.11.2017 por

Silvero Pereira fez um show especial na abertura do I Festival Sertão & Diversidade em Quixadá.

O ator cearense Silvero Pereira, que viveu a travesti transformista “Elis Miranda”, que se vestia como “Nonato” para garantir seu emprego de motorista, na novela A Força do Querer, da Rede Globo, abrilhantou a abertura do I Festival Sertão & Diversidade na noite desta quinta-feira (16), na Praça da Cultura, no Centro de Quixadá.

O público que havia se acomodado diante do telão instalado ao lado do Centro Cultural Rachel de Queiroz foi surpreendido com uma performance musical do ator no anfiteatro do espaço cultural. Entre as músicas, todas conhecidas e acompanhadas pela plateia, Sivero Pereira dava mensagens de apoio ao segmento LGBT e repudiava o preconceito.

O Chalé da Pedra, na Praça da Cultura, foi colorido com o simbolo do movimento LGBT.

Na abertura do Festival realizado pela Fundação Assum Preto, através da Escola de Cinema do Sertão, juntamente com o Núcleo de Pesquisas e Experimentos Audiovisuais (NAVI), Instituto Federal do Ceará (IFCE) campus de Quixadá e colaboração do Coletivo Sertão Diversidade, o coordenador do evento, Geraldo Cavalcanti, destacou a importância de se quebrar as barreiras sociais.

O secretário municipal do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Pedro Baquit, a diretora da Casa de Saberes Cego Aderaldo, Paula Geórgia Fernandes e parceiros do projeto, inovador na região, prestigiaram a abertura do Festival que tem uma extensa programação e segue até amanhã (18) na Praça da Cultura, na Fundação Cultural, na Casa de Saberes, na Feclesc e no campus do IFCE.

YouTube Preview Image

Hoje (17) tem oficina de grafite e de drag queen no Centro Cultural Rachel de Queiroz; mandala de prosa com o tema TransFormação Cidadã, na Feclesc; mostra competitiva de cinema e abertura da Exposição Expressão Diversidades na Casa de Saberes Cego Aderaldo durante o dia e à noite, no Centro Cultural, Show de Drags e exibição e resultado I Mostra Competitiva de Cinema Desarme seus Olhos.

Segundo os organizadores, o objetivo do Festival é debater assuntos relacionados a gênero e diversidade por meio da linguagem audiovisual. A ideia é ampliar as discussões sobre a temática a partir da vivência de pessoas Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transsexuais (LGBTs).

Geraldo Cavalcanti abriu o Festival na Praça da Cultura acompanhado dos parceiros.

A programação inclui uma mostra de cinema na Praça da Cultura.

I Festival Sertão & Diversidade

De 16 a 18 de novembro
Programação do Festival
Quixadá – Ceará

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

07:30 · 16.11.2017 / atualizado às 07:30 · 16.11.2017 por

Carros-pipa voltaram a circular pelas estradas do Interior do Ceará com destino às comunidades.

No feriado da Proclamação da República as comunidades rurais assistidas pela Operação Pipa, do Governo Federal, começaram a receber novamente a visita dos carros-pipa. A meta dos pipeiros é repor o abastecimento paralisado havia uma semana até o próximo domingo. “Começamos nesta quarta-feira e não vamos descansar no fim de semana“, comentou o presidente do Sindicato dos Pipeiros do Ceará (Sinpece), Eduardo Aragão.

Ainda de acordo com o líder da categoria o retorno dos pipeiros às rotas estabelecidas pelas equipes da 10ª Região Militar ocorreu devido ao empenho do Comando Militar do Nordeste (CMNE) e da 10ª Região Militar. As reivindicações da categoria foram atendidas na reunião realizada na véspera do feriado. Os comandantes concordaram na substituição do equipamento de rastreamento GPipa, pivô das reclamações, por uma versão mais nova do aparelho.

A reportagem do Diário do Nordeste acompanhou uma das rotas, do Canal da Integração, em Morada Nova, até o distrito de Califórnia, na zona rural de Quixadá. A rota tem 120Km. O carro-pipa despejou 16 mil litros de água em três cisternas orientadas pela apontadora Marly Ferreira de Lima. Era a primeira entrega do dia, comentou o motorista Leandro Eder dos Santos.

O morador Antônio Batista dos Santos, da Califórnia, ficou feliz com o retorno do carro-pipa.

Algumas cisternas já estavam completamente secas. Um alívio quando o carro-pipa chegou.

No Ceará mais de 800 mil habitantes são assistidas pela Operação Pipa federal.

O movimento continua intenso nos mananciais de captação de água autorizados pela coordenação da Operação. As maiores concentrações de carros-pipa parados estão em Morada Nova, no entorno do Canal do Trabalhador; em Orós, no entorno do segundo maior açude público do Ceará; em Madelena, no Açude Umari, de onde passou a ser captada água para abastecimento dos moradores rurais deste município e vizinhos, e em Banabuiú, onde está situado o terceiro maior açude do Estado, o Arrojado Lisboa.

Veja mais no Diário do Nordeste

Carros-pipa voltam a abastecer no Interior

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

06:30 · 16.11.2017 / atualizado às 13:05 · 16.11.2017 por

Quando o posto bancário do Bradesco foi atacado não havia mais dinheiro no caixa eletrônico. Foto > Avelino Neto 

A Polícia Civil começou a desvendar a autoria do roubo ao posto bancário da Bradesco em Banabuiú, no Sertão Central, praticado na madrugada da última terça-feira (14). Apesar do pouco espaço de tempo após o ataque as investigações já estão avançando, revelou uma fonte da Polícia. A unidade de autoatendimento, onde funcionava um caixa eletrônico, ficou praticamente destruída.

Ontem, apesar dos levantamentos iniciais não terem registrado o incêndio de nenhum veículo automotor na madrugada do crime, um automóvel com as características citadas por moradores que viram a ação dos bandidos, os restos de um Volkswagen Fox foi encontrado à margem da CE-153 / BR-122, conhecida como Rodovia Padre Cícero. O carro estava a cerca de 6Km do Centro de Banabuiú, no sentido de Solonópole.

O modus operandi foi o mesmo utilizado nos ataques este ano a outras 46 agências bancárias espalhadas em 32 municípios cearenses, conforme dados do Sindicato dos Bancários do Ceará, com muitos tiros, uso de explosivos e o incêndio de veículos, bloqueando as rodovias e estradas para dificultar a perseguição policial.

Entretanto, dessa vez surgiram alguns fatos curiosos, além do provável arremesso de uma bomba de efeito moral, na varanda do apartamento de uma pousada, no Centro da cidade, o dinheiro do caixa eletrônico destruído pelo uso de explosivos já havia sido roubado no fim de semana. Não foram revelados mais detalhes.

Veja mais no Diário do Nordeste

Dinheiro de banco atacado já havia sido furtado

Quadrilha ataca banco em Jaguaretama, mas foge sem dinheiro

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

08:00 · 15.11.2017 / atualizado às 07:50 · 15.11.2017 por

Um dos mananciais mais movimentados no início desta manhã é o do Canal da Integração, em Morada Nova.

Nesta quarta-feira (15), feriado do Dia da Proclamação da República, mais de 1.700 carros-pipa cadastrados no programa emergencial de abastecimento d’água, a Operação Pipa, estão voltando a circular no Ceará. A confirmação é do presidente do Sindicato dos Pipeiros do Estado do Ceará (Sinpece), Eduardo Aragão.

Os carros-pipa começaram a encher seus tanques com cargas d’água nos mananciais autorizados pela coordenação da Operação Pipa às 5 horas desta manhã. A cada meia hora começaram a sair para as suas rotas. O objetivo é normalizar o abastecimento das comunidades rurais assistidas pelo programa o mais rápido possível.

Eduardo Aragão ressaltou que a paralisação da categoria, a qual se estendeu por uma semana, encerrou graças ao empenho do comando da 10ª Região Militar do Exército Brasileiro, que não mediu esforços para levar e assegurar junto ao Governo Federal as reivindicações dos pipeiros. Todos os equipamentos de rastreamento do GPipa serão substituídos.

Além da mudança da versão anterior do rastreador para o novo modelo, a coordenação da Operação Pipa concordou com a reposição das rotas atrasadas, em razão da paralisação e também encaminhou ao Ministério da Integração solicitação para reavaliação de reajuste dos valores das rotas por quilômetro percorrido.

Veja também no Diário do Nordeste

Comunidades dependem de poços, adutoras e carros-pipa

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161

07:00 · 15.11.2017 / atualizado às 06:55 · 15.11.2017 por

Ator Silvero Pereira prestigiará abertura do Festival Sertão & Diversidade em Quixadá.

A Fundação Assum Preto, através da Escola de Cinema do Sertão, juntamente com o Núcleo de Pesquisas e Experimentos Audiovisuais (NAVI), juntamente com o Instituto Federal do Ceará (IFCE) campus de Quixadá e colaboração do Coletivo Sertão Diversidade, vão realizar a partir desta quinta-feira (16), o I Festival Sertão & Diversidade. O evento, gratuito, seguirá até o sábado (18) no Centro Cultural Rachel de Queiroz, em Quixadá.

Segundo os organizadores, o Festival vai debater assuntos relacionados a gênero e diversidade por meio da linguagem audiovisual. A ideia é ampliar as discussões sobre a temática a partir da vivência de pessoas Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transsexuais (LGBTs). Na programação também estão incluídos debates com cineastas, mandalas de prosa, oficina de drag e grafite, lançamentos de livros, exposição, competição de curta metragens, exibições, apresentações de dança e teatro e shows.

Mostra de cinema

Dentro da programação do Festival vai ocorrer a I Mostra Competitiva Desarme Seus Olhos. Trata-se de competição de curta-metragens de até 60 segundos produzidos por estudantes das escolas públicas de Quixadá. A competição será dividida em duas modalidades: Nível Fundamental II, 8º e 9º Ano e, Nível Médio, 1º e 2º Ano.

A mostra é uma parceria com a Secretaria da Educação de Quixadá e a Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação 12 (Crede 12). Um dos critérios adotados para a mostra competitiva é que os vídeos elaborados pelos estudantes dialoguem com a temática LGBTs. Os vídeos ganhadores serão exibidos durante a programação noturna do festival.

Abertura especial

Ainda de acordo com a organização do Festival o ator cearense Silvero Pereira, que viveu a travesti transformista “Elis Miranda”, que se vestia como “Nonato” para garantir seu emprego de motorista, na novela A Força do Querer, da Rede Globo, estará presente na abertura da programação, com início programado para as 18 horas da quinta-feira (16) na Praça da Cultura, com a exibição do curta Cafundó & Escondido.

I Festival Sertão & Diversidade

De 16 a 18 de novembro
Programação do Festival
Quixadá – Ceará

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Inclua entre os seus links favoritos. Participe do Diário Sertão Central através do telefone (88) 9 9970 5161