Busca

Onda de assaltos a transportes escolares no Interior deixa estudantes apavorados

09:30 · 16.04.2018 / atualizado às 09:50 · 16.04.2018 por

Ataques constantes a ônibus escolares no Interior do Ceará estão deixando muitos estudantes apavorados. Alguns deixaram de ir às aulas nos últimos dias. São relatos feitos por vítimas de assaltos praticados na semana passada em Ocara e Canindé. Aproximadamente 200 alunos e professores foram assaltados. Os alvos dos bandidos, armados e encapuzados, eram telefones celulares e notebooks, mas também levaram dinheiro.

Um dos assaltos coletivos ocorreu no início da noite da última terça-feira (10), na localidade de Jurema dos Vieira, na zona rural de Ocara. Cerca de seis assaltantes renderam  o motorista do ônibus escolar e em seguida fizeram um arrastão. “Quem não entregava o celular, mesmo não tendo, apanhava na cara, levava tapa“, comentou uma aluna. “Havia aproximadamente 120 alunos nos dois ônibus“, completou.

O número de vítimas só não foi maior porque um terceiro ônibus com estudantes do ensino fundamental,  já havia deixado a maioria dos passageiros nas suas casas. Mesmo assim uma caminhonete S10 que transportava feijão e dois motociclistas foram rendidos pela quadrilha. As motocicletas não foram roubadas, provavelmente porque já haviam roubado muitos celulares.

Ataques em Canindé

Um dia antes, na segunda-feira (9) 40 alunos da rede pública de Canindé também tiveram seus telefones celulares e alguns notebooks roubados. O transporte escolar foi abordado pelos assaltantes na localidade de Santana do Cal. Conforme relatos de vítimas, a ação criminosa foi similar a realizada na terça-feira, em Ocara. As duas cidades ficam a mais de 100Km de distância uma da outra, mas a Polícia não descarta a possibilidade de ser a mesma quadrilha. Rodovias novas interligam as duas regiões.

Investigadores da Polícia Civil em Canindé também tomaram conhecimento do ataque a outros dois ônibus, também transportando estudantes, um deles do município vizinho, Madalena, que retornavam de Fortaleza para o Interior. A tentativa ocorreu na BR-020, na localidade de Campos Belos, em Caridade. Os assaltantes chegaram a efetuar vários disparos de arma de fogo nos pneus, mesmo assim os motoristas conseguiram fugir. Os criminosos usavam motocicletas.

Em protesto contra a onda de assaltos um grupo de estudantes, acompanhados de professores e moradores realizou uma passeata pelas ruas de Canindé, passando pela delegacia da Polícia Civil, Fórum de Justiça, finalizando o ato na Câmara de Vereadores, onde um integrante do movimento utilizou a tribuna livre para apresentar as reivindicações. Eles exigem mais presença da Polícia Militar nos distritos de Caiçara e Bonito, áreas onde os ataques estão ocorrendo.

Os estudantes de Canindé encerraram o protesto diante da Câmara Municipal.

Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité. Participe do Diário Sertão Central através do telefone e whats app (85) 9 8755 0154

Comentários 0

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *