Busca

Tag: Religião


16:29 · 20.01.2017 / atualizado às 11:43 · 23.01.2017 por
Motoromeiros serão recepcionados pelo Frei Marcone Lins (Fotos: divulgação/Santuário)
Motoromeiros serão recepcionados pelo Frei Marcone Lins (Fotos: divulgação/Santuário)

Canindé. Berço da fé franciscana e capital das Romarias, este Município do Sertão Central recebe, na tarde desta sexta-feira (20), mais uma das várias romarias que chegam à cidade todos os anos. O comboio, desta vez, segue de Teresina, no estado do Piauí. Na chegada os devotos se concentram no Santuário onde serão recepcionados.

De acordo com a coordenação de romarias de Canindé, cerca de 80 devotos de São Francisco, de moto, farão o percurso. Esta já é a 14ª edição da romaria de piauienses. Segundo as informações do Santuário, ao chegar na cidade os motorromeiros serão abençoados pelo pároco e reitor da Paróquia-Santuário, frei Marconi Lins. No domingo assistem a santa missa das 7h na Quadra da Gruta de Nossa Senhora de Lurdes.

O Santuário informou que essa é a segunda moto romaria do ano. A primeira também veio do Estado do Piauí. A Secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Canindé Socorro Bastos também irão recepcionar os “motos romeiros” que chegam para reverenciarem o santo mais popular do mundo e que com fidelidade imitou Jesus Cristo.

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

16:15 · 20.01.2017 / atualizado às 16:15 · 20.01.2017 por
Fiéis fazem percurso a pé, de Banabuiú a Laranjeiras (Fotos: José Avelino Neto)
Fiéis fazem percurso a pé, de Banabuiú a Laranjeiras (Fotos: José Avelino Neto)

Banabuiú. Fiéis deste Município, do Sertão Central cearense, comemoraram hoje o dia de São Sebastião. A devoção foi representada através de uma caminhada de sete quilômetros a pé. Os fiéis saíram da praça 25 de Janeiro às cinco da manhã. No percurso, cantavam músicas de louvor, entoavam palavras de fé, pediam chuva ao padroeiro do distrito e rezavam o terço. O ato é uma tradição na cidade.

O percurso é feito a pé. Cerca de 100 pessoas participaram do ato. Os raios do nascer do sol que refletem no branco das vestimentas dos fiéis provocam uma linda imagem, ao contrastar com o dourado seco da vegetação do sertão. Durante a caminhada, eles entoam cânticos de louvor e rezam orações de fé.

Café da manhã é servido aos devotos de São Sebastião ao final da caminhada, em frente à igreja, em Laranjeiras
Café da manhã é servido aos devotos de São Sebastião ao final da caminhada, em frente à igreja, em Laranjeiras

A caminhada já acontece há mais de dez anos. Nos últimos tempos ela passou a se desvincular da paróquia e passou a ser organizada por um grupo de comerciantes que são devotos de São Sebastião. Na chegada, em Laranjeiras, os fiéis foram recepcionados com um café da manhã comunitário. Uma procissão com uma imagem do santo pelas vilas do distrito seguida de uma missa, em memória e agradecimento às graças alcançadas pelos fiéis e atribuídas ao santo, foi celebrada.

O momento é bastante aguardado por fiéis que pagaram promessas e oram em memória dos mortos no acidente fatal entre duas topiques, no ano de 2003, que deixou mais de 20 mortos de Banabuiú, gerando grande comoção local e repercussão estadual.

No Ceará São Sebastião é padroeiro de sete paróquias, duas delas são as de Pedra Branca e Choró, no Sertão Central (as demais são em Monsenhor Tabosa, Nova Olinda, Larvras da Mangabeiras, Mulungu e Auiarés). O santo também é copadroeiro de Aquiraz e Ipauimirm. Além disso a imagem mística de São Sebastião é celebrada em centenas de capelas em distritos e vilas ruais no interior do Estado.

__________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

11:21 · 02.11.2016 / atualizado às 11:21 · 02.11.2016 por
Missa às 6h atraiu grande número de fiéis na Igreja Redonda, em Quixeramobim (Foto: Paulo Simião)
Missa às 6h atraiu grande número de fiéis na Igreja Redonda, em Quixeramobim (Foto: Paulo Simião)

Quixeramobim. No feriado reservado ao dia de finados, familiares que tiveram entes queridos já falecidos lotam os cemitérios, onde realizam suas orações. Nas maiores cidades do Sertão Central, as paróquias organizaram celebrações religiosas. A movimentação é intensa.

Fieis lotaram cemitério central para lembrar entes falecidos em orações (Foto: Paulo Simião)
Fieis lotaram cemitério central para lembrar entes falecidos em orações (Foto: Paulo Simião)

Em Quixeramobim, o dia começou com uma missa celebrada na Igreja Redonda, dentro do cemitério da cidade. A missa foi celebrada pelo padre Antônio. Várias pessoas participaram da cerimônia religiosa. A missa começou com bastante atraso. Os anúncios dos nomes dos falecidos homenageados durou mais de uma hora. Equipes da Pastoral do Dízimo auxiliaram na celebração.

No cemitério Nossa Senhora do Carmo, em Quixadá, a diocese promete realizar quatro missas ao longo do dia. As três primeiras aconteceram nesta manhã, às 6h30, 8h e 10h. No final da tarde deve haver uma nova celebração, marcada para começar às 17h. A assessoria de comunicação da prefeitura de Quixadá informou que, segundo o Departamento Municipal de Bens e Serviços Públicos (Demasp), 23 mil pessoas devem passar pelos cemitérios quixadaenses neste dois de novembro.

Mesmo tendo que conter despesas para conseguir quitar as dívidas deixadas sob a responsabilidade da atual gestão, o prefeito de Quixadá, Wellington Xavier, demonstrou atenção aos familiares quixadaenses em firmar uma parceria com iniciativa privada e a Demasp para realizar a restauração do cemitério.

Cemitério de Quixadá foi restaurado; parceria da prefeitura com iniciativa privada (Foto: Cleumio Pinto)
Cemitério de Quixadá foi restaurado; parceria da prefeitura com iniciativa privada (Foto: Cleumio Pinto)

Missas em horários diferentes também em Pedra Branca. A primeira celebração aconteceu às 6h, no cemitério São Sebastião e a outra às 9h, na igreja matriz. Às 17h uma última celebração deve acontecer no santuário Mãe Rainha.

Em Banabuiú, diferente do que acontecia em anos anteriores, a celebração em memória dos falecidos aconteceu na paróquia Nossa Senhora de Fátima. A falta de estrutura impediu que a missa fosse realizada na parte de fora do cemitério. As visitas ao cemitério acontecem desde às cinco da manhã. O movimento deve se intensificar pela tarde. As visitações ao cemitério da localidade de Laranjeiras prometem atrais um grande número de fiéis.

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

09:39 · 07.10.2016 / atualizado às 09:39 · 07.10.2016 por

Canindé. A Basílica de São Francisco das Chagas, berço da fé deste Município da região central cearense, é palco da segunda maior festa religiosa do Estado, perdendo apenas para os festejos de Santo Antônio, em Barbalha. No local, passam diariamente centenas de fieis que chegam à cidade para pagar promessas.

Devotos tomaram Basílica de joelhos em agradecimento ao santo (Foto: José Avelino Neto)
Devotos tomaram Basílica de joelhos em agradecimento ao santo (Foto: José Avelino Neto)

De acordo com os seguranças que trabalham como voluntários na Basílica, somente na última quinta-feira (6), na abertura da festa, cerca de 800 pessoas entraram na igreja ajoelhados como forma de pagar graças alcançadas. Frei Marcone Lins, pároco e reitor do Santuário, contou, emocionado, uma das formas mais comoventes de promessa paga. “Nas primeiras horas do dia, uma mulher que disse ter vindo a pé de quilômetros de distância, pediu permissão para entrar na igreja de joelhos levando o filho nas costas”, relatou o frei.

A cidade fica praticamente colorida de marrom, cor dos trajes usados por franciscanos que passam por Canindé para reverenciar o santo em alusão às graças alcançadas. Gente como o aposentado Francisco Sousa Santos, 74, que veio de Pindoretama. Como tantos outros, ele também entrou na igreja de joelhos para agradecer a cura de um câncer de estômago, que lhe deixou na cama de uma UTI por três dias. “Foi travada uma luta entre a vida e a morte, mas Ele pediu a Deus me trouxe de volta”, conta, emocionado.

Frei Marcone Lins estima que 300 mil pessoas passem pela cidade durante a festa (Foto: divulgação/Basílica de S. Fco.)
Frei Marcone Lins estima que 300 mil pessoas passem pela cidade durante a festa (Foto: divulgação/Basílica de S. Fco.)

Em suas estimativas, frei Marcone Lins, diz que cerca de um milhão de fiéis visitam a cidade anualmente, cerca de 300 mil só no período da festa. “Somos o segundo santuário franciscano do mundo. Por isso, vem gente até de outros estados, como Pará, Piauí, Maranhão, Amazonas, Tocantins, Acre e até gente que mora na Guiana Francesa”.

Com tanta gente, a “Assis Nordestina”, como a cidade fica conhecida durante o período dos festejos, traduz a dimensão da festa. “A devoção de são Francisco já tem mais de 260 anos nesta região, nasce nas origens da cidade. Então, não é só pela quantidade de romeiros, mas pela sua religiosidade muito típica, muito própria, um franciscanismo que faz com que a própria riqueza de são Francisco se enriqueça ainda mais”, salienta o frei.

O Diário do Nordeste traz, na edição desta sexta-feira, uma matéria sobre a abertura dos festejos de São Francisco. Leia a matéria completa aqui >> Romeiros lotam Canindé para celebrar São Francisco até dia 16

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com

16:30 · 04.10.2016 / atualizado às 16:30 · 04.10.2016 por
Festejos este ano acontece em dia diferente por causa das eleições (Foto: José Avelino Neto)
Festejos este ano acontece em dia diferente por causa das eleições (Foto: José Avelino Neto)

Canindé. Hoje é feriado nesta cidade, no Sertão Central, em louvor ao padroeiro, São Francisco das Chagas. A cada dois anos, por causa das eleições, a festa religiosa tem o calendário alterado. Neste ano, o novenário será celebrado no período de 6 a 16, no Santuário, com missas, caminhadas, procissões, ofícios e confissões sob a temática “Louvado seja, meu Senhor, com todas as tuas criaturas”.

O desafio, neste ano, mediante o agravamento da seca, é assegurar o fornecimento de água para cerca de 300 mil romeiros que devem participar do evento religioso, de cidades cearenses e de outros Estados, como Piauí, Maranhão, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Pará e Tocantins. Não será fácil.

O frei Marcone Lins, reitor do Santuário de São Francisco das Chagas, em Canindé, disse que esteve reunido, por três vezes, com gestores municipais para tratar do fornecimento de água. “Sabemos das dificuldades que se agravam neste ano, mas recebemos a garantia de que não faltará água para atender a demanda dos romeiros. Em 2015, não tivemos problema”, frisou.

Saiba mais sobre os festejos de Canindé este ano lendo a matéria completa >> Canindé celebra São Francisco de 6 a 16

_________

O Diário Sertão Central é o blog oficial do Diário do Nordeste no Sertão Central do Ceará e Maciço do Baturité.

Participe enviando a sua sugestão de notícia, vídeo ou foto através do WhatsApp 55 85 99931 3798, ou através do email: jornalismosertaocentral@gmail.com