Governo avalia tributar mais prestadores de serviços que usam apps

Uma expansão da lista poderia atender, por exemplo, profissionais de consultoria e serviços domésticos