Busca

Tag: indie rock


14:41 · 10.07.2012 / atualizado às 14:45 · 10.07.2012 por
Okereke, o triunfo do Bloc Party...

Morrendo de rir aqui com essa lista aí. Existe mesmo ranking pra tudo, até um para os indies chamaram de seu! Pois 0 Kele Okereke foi coroado o cara mais charmoso do estilo musical.

Segundo o site NME, o frontman do grupo inglês, que lança novo álbum em agosto (“Four”), ficou no topo de votação promovida por uma enquete no site Nerve.

Anand Wilder (WHO?), guitarrista do Yeasayer, ficou na segunda posição, e o vocalista do Passion Pit, Michael Angelakos (HEIN?), foi o terceiro colocado. Pelo o que eu tô vendo essa lista tá meio furada já que a persona mais conhecida é só mesmo o cara do Block Party! kkkk

Entre os dez mais votados também estão: Brian Fallon, do The Gaslight Anthem, Michael Kiwanuka e Ty Segall. Continuo sem saber…

Semana passada, outra pesquisa parecida apontou Annie Clark (HELP!!!), mais conhecida como St. Vicent, a mulher mais sexy do indie rock. Difícil…

Kele em um momento: "LIBERA GERAL, LIBERA GERAL, ENTÃO LIBERAAA!!"

Recentemente o frontman do Bloc Party tem sido notícia por assumir sua sexualidade. Em maio, o cantor estampou a capa da revista gay Attitude Magazine falando sobre como a homossexualidade é vista na Nigéria, sobre seus pais, cultura e disparou: “não podemos ter um pop star gay que seja durão e ousado?”. CLARO QUE PODE, HONEY!!!

E já que começamos falando do grupo, vamos ao que interessa que é mesmo música! A banda lança o disco “Four” em 20 de agosto e logo engata uma série de oito shows em outubro pelo Reino Unido. Resta saber se as apresentações contarão com a presença de Kele.

Recentemente, o cantor disse ao NME que seu futuro era incerto, já que aconteceu de os demais integrantes  entrarem em estúdio sem sua presença. “Espero não ter sido demitido. Não sei o que está acontecendo e estou com muito medo de perguntar”, afirmou.

Pelo menos, precavido ele é. Enquanto não sabe da sua situação na banda, ele corre por trás com o seu projeto solo. O artista lança o EP “The Hunter”, no dia 31 de outubro. Os fãs já têm a oportunidade de conhecer o primeiro single, que ganhou até clipe.

Veja “What Did I Do”, que contou com a participação de Lucy Taylor nos vocais. Pra ser sincera, achei bem fraco o single. E nem porque é meio gay, mas achei muito dance music europeia… Ele mal canta e a letra é quase inexistente. É só esse refrão “What Did I Do”… Muito estranho pra quem veio do indie rock.

YouTube Preview Image