Cearense Raffael é eleito o melhor da semana na Bundesliga e integra time ideal no FIFA 15

20/05/2015 - 14:02 por

raffael FUTRobben, Ribery, Lewandowski, Marco Reus, Schwensteiger? Não. O melhor jogador da semana na Bundesliga (Campeonato Alemão) é um cearense. Raffael marcou dois gols pelo Borussia Mönchengladbach, na última rodada, e cravou o seu time na edição da próxima temporada da Champions League.

O brasileiro atravessa grande fase e é um dos principais destaques do Alemaozão 2014/2015. Além do título concedido pela própria Bundesliga, o cearense apareceu entre grandes jogadores, como Thiago Silva, Ibrahimovic e Yaya Touré no Team Of The Week (TOTW) desta semana no modo Ultimate Team do jogo FIFA 15 (Xbox One, Xbox 360, PlayStation 3 e 4 e PC).

Quem gosta do jogo  sabe a grande honraria que é constar nesta lista de jogadores considerados raros pelo título de vídeo game.

A habilidade de Raffael já chamou atenção de especialistas em futebol na Alemanha, inclusive, da lenda Lothar Matthaus, que pediu que o jogador fosse convocado para a Seleção Brasileira. Na atual temporada, Raffael marcou 11 gols.

O cearense jamais atuou por um time da terrinha profissionalmente. Ele iniciou sua carreira no Vitória e teve passagens pelo AABB e Sumov, ambos no Futsal, antes de chegar à Juventus da Móoca, time que defendeu no sub-17 e sub-20. O irmão de Raffael, Ronny, também atua no futebol alemão, no Hertha Berlim.

Confira o especial que Bundesliga fez sobre o jogador

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +1 (from 1 vote)

Categoria: Notícia, Vídeos

Comentários

Enviar para o Kindle

Internautas não perdoam goleiro Deola após eliminação do Fortaleza

14/05/2015 - 8:42 por

Uma falha no gol da vitória do Coritiba, nenhuma defesa em 11 pênaltis cobrados e, de quebra, a perda da cobrança decisiva, que causou a eliminação do Fortaleza na Copa do Brasil. Foi APENAS essa a combinação de feitos do goleiro Deola na capital paranaense, nesta última quarta-feira. Como sempre, os internautas não perdoaram as falhas do arqueiro. Confiras montagens mais criativas:

Deola2

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola6

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola7

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola4

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola4

 

 

 

 

 

 

 

 

Deola5

 

]

Deola, o acaba rachaOS CARA EH FODA, VEIHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAO ACABA RACHA AÍ EMBARCOU A BOLA

Posted by C34r4 m1l gr4u on Quarta, 13 de maio de 2015

A zueira não para!Vejam só o tiro de meta do Deola e onde a bola foi parar…#MarcaTeuAmigoAlvinegro e #Compartilha

Posted by Eu Não Escolho, Fui Escolhido – CearáSc on Quinta, 14 de maio de 2015

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +3 (from 3 votes)

Torcedores do Ceará gravam comemoração e flagram momento do gol do Fortaleza

05/05/2015 - 11:15 por

No futebol, o jogo só acaba quando o juiz apita pela última vez. A final do Cearense 2015 deixou isso bem claro.

No entanto, empolgados com a virada alvinegra, 2 torcedores do Ceará não esperaram o término da partida para zoar o adversário. O resultado? Bem, já dá para imaginar. Confira os 2 vídeos:

Juro que estou com pena desse rapaz. Até os 46’30″, o Ceará era Penta. Só que existe uma máxima nesse esporte que o torna único “Só termina quando o juiz apita”. Possivelmente a maior trolada de todos os tempos do futebol. Amo esse esporte.

Posted by Fernando Elpídio on Terça, 5 de maio de 2015

Mais um caso de chupaaaaa

Posted by Eurico Mendes on Segunda, 4 de maio de 2015

 

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 4 votes)

Fortaleza entre os maiores campeões estaduais do século

05/05/2015 - 10:42 por

fecO Fortaleza Esporte Clube aparece entre as equipes mais vezes campeãs estaduais neste século. Em levantamento feito pelo Correio Braziliense, o tricolor cearense é o terceiro da lista, ao lado do Vitória/BA, com 9 conquistas. Quem lidera é o Internacional, com 11 troféus, seguido pelo Rio Branco/AC, com 10. A equipe acreana pode igualar a marca do Colorado, visto que o Estadual deste ano ainda não terminou no AC.

Os estados de Ceará e Rio Grande do Sul são os que têm maior dualismo, com apenas 2 equipes conquistando títulos neste século. Além das 9 conquistas do tricolor cearense, o Ceará levou a taça 6 vezes.

No entanto, o Espírito Santo é o que houve o maior número de campeões diferentes nesses 15 anos, nove.

Veja abaixo todos os campeões do século por estado:
(Estados com * não tiveram ainda definidos o campeão deste ano)

Rio de Janeiro
Flamengo – 7 títulos (2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011 e 2014
Fluminense – 3 títulos (2002, 2005 e 2012)
Botafogo – 3 títulos (2006, 2010 e 2013)
Vasco – 2 títulos (2003 e 2015)

São Paulo
Santos – 6 títulos (2006, 2007, 2010, 2011, 2012 e 2015)
Corinthians – 4 títulos (2001, 2003, 2009 e 2013)
Ituano – 2 títulos (2002 e 2014)
Palmeiras – 1 título (2008)
São Paulo – 1 título (2005)
São Caetano – 1 título (2004)

Minas Gerais
Cruzeiro – 7 títulos (2003, 2004, 2006, 2008, 2009, 2011 e 2014)
Atlético-MG – 5 títulos (2007, 2010, 2012, 2013 e 2015)
América – 1 título (2001)
Caldense – 1 título (2002)
Ipatinga – 1 título (2005)

Rio Grande do Sul
Internacional – 11 títulos (2002, 2003, 2004, 2005, 2008, 2009, 2011, 2012, 2013, 2014 e 2015)
Grêmio – 4 títulos (2001, 2006, 2007 e 2010)

Distrito Federal
Brasiliense – 8 títulos (2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2011 e 2013)
Gama – 3 títulos (2001, 2003 e 2015)
Ceilândia – 2 títulos (2010 e 2012)
CFZ – 1 título (2002)
Luziânia – 1 título (2014)

Santa Catarina
Figueirense – 6 títulos (2002, 2003, 2004, 2006, 2008 e 2014)
Avaí – 3 títulos (2009, 2010 e 2012)
Chapecoense – 2 títulos (2007 e 2011)
Criciúma – 2 títulos (2005 e 2013)
Joinville – 2 títulos (2001 e 2015)

Paraná
Coritiba – 7 títulos (2003, 2004, 2008, 2010, 2011, 2012 e 2013)
Atlético-PR – 4 títulos (2001, 2002, 2005 e 2009)
Paraná – 1 título (2006)
Paranavaí – 1 título (2007)
Londrina – 1 título (2014)
Operário – 1 título (2015)

Mato Grosso do Sul
CENE – 6 títulos (2002, 2004, 2005, 2011, 2013 e 2014)
Comercial – 3 títulos (2001, 2010 e 2015)
Águia Negra – 2 títulos (2007 e 2012)
Chapadão – 1 título (2003)
Coxim – 1 título (2006)
Ivinhema – 1 título (2008)
Naviraiense – 1 título (2009)

Mato Grosso*
Cuiabá – 5 títulos (2003, 2004, 2011, 2013 e 2014)
Luverdense – 2 títulos (2009 e 2012)
Operário – 2 títulos (2002 e 2006)
Juventude – 1 título (2001)
Vila Aurora – 1 título (2005)
Cacerense – 1 título (2007)
Mixto – 1 título (2008)
União Rondonópolis – 1 título (2010)

Espírito Santo*
Serra – 4 títulos (2003, 2004, 2005 e 2008)
Alegrense – 2 títulos (2001 e 2002)
São Mateus – 2 títulos (2009 e 2011)
Vitória – 1 título (2006)
Linhares – 1 título (2007)
Rio Branco – 1 título (2010)
Aracruz – 1 título (2012)
Desportiva – 1 título (2013)
Estrela do Norte – 1 título (2014)

Goiás
Goiás – 7 títulos (2002, 2003, 2006, 2009, 2012, 2013 e 2015)
Atlético Goianiense – 4 títulos (2007, 2010, 2011 e 2014)
Vila Nova – 2 títulos (2001 e 2005)
CRAC – 1 título (2004)
Itumbiara – 1 título (2008)

Tocantins*
Palmas – 4 títulos (2001, 2003, 2004 e 2007)
Gurupi – 3 títulos (2010, 2011 e 2012)
Araguaína – 2 títulos (2006 e 2009)
Interporto – 2 títulos (2013 e 2014)
Colinas – 1 título (2005)
Tocantins – 1 título (2008)
Tocantinópolis – 1 título (2002)

Bahia
Vitória – 9 títulos (2002, 2003, 2004, 2005, 2007, 2008, 2009, 2010 e 2013)
Bahia – 4 títulos (2001, 2012, 2014 e 2015)
Colo Colo – 1 título (2006)
Bahia de Feira – 1 título (2011)

Sergipe*
Confiança – 6 títulos (2001, 2002, 2004, 2008, 2009 e 2014)
Sergipe – 2 títulos (2003 e 2013)
Itabaiana – 2 títulos (2005 e 2012)
River Plate – 2 títulos (2013 e 2014)
Pirambu – 1 título (2006)
América – 1 título (2007)

Alagoas*
ASA – 5 títulos (2001, 2003, 2005, 2009 e 2011)
CRB – 3 títulos (2002, 2012 e 2013)
Coruripe – 3 títulos (2006, 2007 e 2014)
Corinthians – 1 título (2004)
CSA – 1 título (2008)
Murici – 1 título (2010)

Pernambuco
Sport – 7 títulos (2003, 2006, 2007, 2008, 2009, 2010 e 2014)
Santa Cruz – 5 títulos (2005, 2011, 2012, 2013 e 2015)
Náutico – 3 títulos (2001, 2002 e 2004)

Paraíba*
Treze – 5 títulos (2001, 2005, 2006, 2010 e 2011)
Botafogo – 3 títulos (2003, 2013 e 2014)
Campinense – 3 títulos (2004, 2008 e 2012)
Atlético Cajazeirense – 1 título (2002)
Nacional – 1 título (2007)
Sousa – 1 título (2009)

Rio Grande do Norte
América-RN – 5 títulos (2002, 2003, 2012, 2014 e 2015)
ABC – 5 títulos (2005, 2007, 2008, 2010 e 2011)
Potiguar de Mossoró – 2 títulos (2004 e 2013)
Corinthians – 1 título (2001)
Baraúnas – 1 título (2006)
ASSU – 1 título (2009)

Ceará
Fortaleza – 9 títulos (2001, 2003, 2004, 2005, 2007, 2008, 2009, 2010 e 2015)
Ceará – 6 títulos (2002, 2006, 2011, 2012, 2013 e 2014)

Piauí*
Parnahyba – 5 títulos (2004, 2005, 2006, 2012 e 2013)
River – 4 títulos (2001, 2002, 2007 e 2014)
Flamengo – 2 títulos (2003 e 2009)
Barras – 1 título (2008)
Comercial – 1 título (2010)
4 de julho – 1 título (2011)

Maranhão
Sampaio Corrêa – 6 títulos (2002, 2003, 2010, 2011. 2012 e 2014)
Motoclub – 4 títulos (2001, 2004, 2006 e 2008)
Imperatriz – 2 títulos (2005 e 2015)
Maranhão – 2 títulos (2007 e 2013)
JV Lideral – 1 título (2009)

Pará
Paysandu – 7 títulos (2001, 2002, 2005, 2006, 2009, 2010 e 2013)
Remo – 6 títulos (2003, 2004, 2007, 2008, 2014 e 2015)
Independente – 1 título (2011)
Cametá – 1 título (2012)

Amapá*
Ypiranga – 3 títulos (2002, 2003 e 2004)
São José – 3 títulos (2005, 2006 e 2009)
Trem – 3 títulos (2007, 2010 e 2011)
Santos – 2 títulos (2013 e 2014)
Oratório – 1 título (2012)
Cristal – 1 título (2008)
Independente – 1 título (2001)

Roraima*
Atlético Roraima – 6 títulos (2001, 2002, 2003, 2007, 2008 e 2009)
São Raimundo – 4 títulos (2004, 2005, 2012 e 2014)
Baré – 2 títulos (2006 e 2010)
Real – 1 título (2011)
Náutico – 1 título (2013)

Amazonas*
Nacional – 5 títulos (2002, 2003, 2007, 2012 e 2014)
São Raimundo – 2 títulos (2004 e 2006)
Penarol – 2 títulos (2010 e 2011)
Grêmio Coariense – 1 título (2005)
Holanda – 1 título (2008)
América – 1 título (2009)
Princesa – 1 título (2013)
Rio Negro – 1 título (2001)

Rondônia*
Vilhena – 5 títulos (2005, 2009, 2010, 2013 e 2014)
Ulbra – 3 títulos (2007, 2007 e 2008)
Ji-Paraná – 2 títulos (2001 e 2012)
União Cacoalense – 2 títulos (2003 e 2004)
CFA – 1 título (2002)
Espigão – 1 título (2001)

Acre*
Rio Branco – 10 títulos (2002, 2003, 2004 ,2005, 2007, 2008, 2010, 2011, 2012 e 2014)
Vasco – 1 título (2001)
ADESG – 1 título (2006)
Juventus – 1 título (2009)
Plácido de Castro – 1 título (2013)

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: 0 (from 4 votes)

Vídeo mostra parte da comissão técnica do Fortaleza provocando rival Ceará

04/05/2015 - 15:16 por

A euforia pelo título de campeão cearense 2015 teve também doses de provocações de parte da comissão técnica e torcedores do Fortaleza. Em um vídeo que circula nas redes sociais, dirigentes do Leão soltaram um caloroso “Não vai ter penta!”, nos vestiários do Castelão.

No último domingo (3), Ceará e Fortaleza empataram em 2 a 2 e Leão ficou com a Taça, evitando o pentacampeonato do Vovô. O time tricolor venceu o primeiro jogo por 2 a 1 e foi para a segunda partida com a vantagem do empate.

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: -2 (from 4 votes)

Categoria: Vídeos

Comentários

Enviar para o Kindle

Relembre 6 jogos em que Ceará e Fortaleza se deram bem com o Castelão lotado nos últimos 15 anos

28/04/2015 - 11:20 por

Após as derrotas de Fortaleza e Ceará em alguns jogos importantes com o Castelão cheio nos últimos anos, criou-se o mito da ‘síndrome do estádio lotado’. Não faltam exemplos recentes que os principais times locais transformaram o apoio do estádio lotado em grandes resultados para as suas torcidas. Relembre alguns deles. Estamos listando apenas jogos contra times de outros estados. Faça também a sua sugestão!

Confira a lista:

1-Fortaleza 1 X 0 São Paulo – 27/11/2005
Público total – 55.461 – lotação máxima do Castelão na época

2-Fortaleza 2 x 0 Criciúma – 30/11/2002
Público total: 55.010

3-Ceará 2 x 0 Atlético-MG – 18/05/2005
Público total: 55 mil pessoas – lotação máxima do Castelão na época

4-Ceará 1 X 1 Flamengo – 20/04/2005
Público total: 55 mil pessoas – lotação máxima do Castelão na época

5- Ceará 2 X 0 São Paulo – 24/10/2010
Público total: 47 mil pessoas (Capacidade do estádio era 55 mil pessoas)

6-Ceará 3 X 1 Internacional – 13/08/2014
Público total: 49 mil torcedores

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +3 (from 3 votes)

Categoria: Notícia, Vídeos

Comentários

Enviar para o Kindle

Que é isso meu goleiro ?

24/04/2015 - 18:38 por

Goleiro Jean, do Bahia, aparentemente ”treinou” o frango que decidiu Bahia x Ceará, pela final da Copa do Nordeste,  no aquecimento da partida. Veja:

 

 

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: -1 (from 3 votes)

Memes: internautas não perdoam Bahia após derrota para o Ceará

23/04/2015 - 11:36 por

Já virou moda no futebol a criação de montagens engraçadas após vitórias ou derrotas. Depois do primeiro jogo da final da Copa do Nordeste, não faltaram gozações de torcedores por conta da falha do goleiro Jean, que deixou passar chute de Ricardinho e deu a vitória ao Ceará no primeiro confronto.

Veja os melhores memes:

Montagem1

 

Montagem2

 

 

Montagem3

 

 

11037775_1578270692437435_2514737432473266717_n

 

RTEmagicC_Piada-5.jpg

 

piada-4

 

 

 

 

 

 

 

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: +3 (from 3 votes)

Categoria: Montagem

Comentários

Enviar para o Kindle

Aposta: torcedor do Bahia bebe água de vaso sanitário após derrota para o Ceará

23/04/2015 - 10:53 por

Um torcedor do Bahia compartilhou no Facebook  vídeo inacreditável após a derrota do seu time na final da Copa do Nordeste. Lucas Gidi, como é identificado na rede social, apostou que beberia água de um vaso sanitário caso o time fosse derrotado pelo Ceará.

Promessa feita e cumprida. Sem qualquer receio, o torcedor protagoniza a cena, no mínimo, constrangedora.

Confira o vídeo:

O Bahia perde e eu bebo agua da privada :/ agora compartilha essa misera vá

Posted by Lucas Gidi on Quarta, 22 de abril de 2015

VN:D [1.9.22_1171]
Rating: +2 (from 4 votes)

Categoria: Montagem

Comentários

Enviar para o Kindle

O futebol respirou na Arena da Baixada

20/04/2015 - 16:19 por

Torcida do Furacão preferiu ver jogo de crianças na arquibancada, do que o time em campo Foto: Reprodução Facebook

 

Uma cena inusitada aconteceu durante a partida entre Atlético/PR  e Rio Branco/PR pelo campeonato paranaense. O Rio Branco vencia por 3 a 0 na casa do Furacão e a torcida, obviamente, não estava nada feliz.

Eis que em um ataque do Atlético, a bola foi parar na arquibancada. A criança (foto) pegou a bola e começou a brincar. Um fiscal tentou parar a diversão dos torcedores, levando a pelota novamente para o campo. Porém, a torcida então fez um círculo entorno do menino para protegê-lo.

Os torcedores então começaram a cantar:  ”Não é mole, não! A criancinha joga mais que o Furacão!”. Enquanto as crianças jogavam, houve até um pênalti para a equipe rubro negra, que foi devidamente ignorado pela torcida.

O vídeo rolou nas redes sociais e foi publicado por uma internauta no Twitter. Confira a cena abaixo:

 

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: +3 (from 3 votes)

Time de fora?

Time de Fora é o espaço online da arquibancada. Democratizando opiniões e sacadas, o blog traz plurais, engraçados e afiados pontos de vista do futebol cearense e do esporte em geral.