Por que não foi?

31/05/2010 - 14:21 por

Na partida contra o Vitória, o Ceará levou ao Castelão 19.697 pagantes. Ontem, diante do Cruzeiro, foram 19.694. Ou seja, três alvinegros ficaram em casa. E aí, foi você?

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Ceará pode fazer história na quarta-feira

31/05/2010 - 10:55 por

“O sonho tem que continuar”, é assim que o atacante Misael definiu o momento alvinegro, após a vitória diante do Cruzeiro, que consolidou a vice-liderança da Série A para a equipe.

Mas o voo pode ser ainda mais alto. Isto porque, na quarta-feira, data em que o Ceará completa 96 anos, a equipe recebe o Avaí, no Castelão. Em caso de vitória simples, o Vozão dorme na liderança da competição. Isto porque o atual líder Corinthians joga apenas na quinta diante do Vitória, no Pacaembu.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

PC Gusmão no Flamengo?

31/05/2010 - 10:21 por

De acordo com o editor e colunista do jornal carioca Extra, Gilmar Ferreira, o técnico do Ceará, PC Gusmão, é o mais cotado para assumir o Flamengo. PC seria o nome que encabeça a lista de Zico, novo diretor executivo de futebol do clube.

O treinador alvinegro encaixaria-se perfeitamente no perfil traçado em consenso por Zico e a diretoria do clube: jovem, vibrante, trabalhador e que não inflacione muito a folha salarial do clube.

Outro fator a favor de Gusmão, que já treinou o Flamengo em 2004, é o bom relacionamento com o sérvio Petkovic.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Washington está fora dos dois próximos jogos do Vovô

29/05/2010 - 13:44 por

Do Diário do Nordeste

O atacante Washington, está fora dos dois próximos jogos do Ceará. O jogador ficou até ontem em observação em um hospital em Goiânia após uma pancada na cabeça durante o jogo diante do Goiás, na quinta-feira. “A pancada na região craniana foi muito forte. Ele ficará em observação de sete a dez dias. Depois do jogo, ele sentiu muita dor de cabeça, tontura e náusea. Mas no momento o jogador está bem e vamos aguardar os resultados dos exames de tomografia que fizemos”, esclareceu o médico do clube, Paulo Vasconcelos.

O atacante, que tem a chegada em Fortaleza prevista para hoje, está vetado para o jogo de amanhã contra o Cruzeiro, na quarta-feira, diante do Avaí.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Antes de encarar o Fortaleza, Boca é derrotado em Natal

28/05/2010 - 11:33 por

Adversário do Fortaleza em jogo festivo neste sábado (29), o Boca Juniors foi derrotado na noite desta quinta-feira (27), em Natal, pelo ABC.

João Paulo marcou os dois gols alvinegros e ainda desperdiçou um pênalti, defendido pelo goleiro Horst. No segundo tempo, Saavedra marcou de calcanhar o gol de honra dos argentinos.

Assim como acontecerá no Castelão, a partida de ontem também teve entrega de faixas ao ABC, que conquistou em 2010 mais um título potiguar. O jogo teve o pontapé inicial dado pelo ex-atleta Paulo Sérgio, campeão do mundo com a seleção brasileiro na Copa de 1994.

Ficha técnica
ABC 2 x 1 Boca Juniors

ABC
Welington, Ronaldo, Tiago Garça, Leonardo, Renatinho; Basílio, Ricardo Oliveira (Ewerton Cézar), Claudemir, Cascata (Gabriel Pimba); Zulu (Ederson), João Paulo (Felipe Moreira).
Técnico: Leandro Campos

Boca Juniors
Horst, Villafañe; Etcheverria, Ruiz, Santagati (Alfonso); Flores (Mazola), Fernandez, Cabrera (Cuzco), Sanchez (Cañete); Felipe (Acosta), Saavedra
Técnico: Oscar Regenhardt

Local: Maria Lamas Farache “Frasqueirão” (Natal)
Árbitro: Leandro Saraiva
Cartões Amarelos: Leonardo (ABC); Ruiz, Sabtagatim, Mazola (BOC)
Gols: João Paulo (2)(ABC); Saavedra (BOC)

Foto: site oficial do ABC

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Um mês no ar

28/05/2010 - 10:26 por

É com muita alegria que o Time de Fora completa um mês de existência. O primeiro blog do Portal Verdes Mares (esperamos que venham muitos outros) chegou com o intuito de ser mais um espaço para falar do esporte, com foco maior no esporte local, mas com uma visão menos engessada da realidade.

Aqui cabem o bom humor, a análise crítica, a brincadeira. E o resultado tem sido animador. Nesse pequeno tempo, conseguimos mais de 60 mil acessos, com picos que chegaram a sete mil visitas por dia, um ótimo índice para um blog recém-nascido.

Nesse tempo, houve a final do Estadual, o Craque 2010, polêmicas repercutidas aqui e até outras criadas por alguns, que veem em tudo um motivo para apontar falhas.

Satisfeitos? Não estamos. Felizes com os bons indicativos, que denunciam que estamos trilhando um caminho correto. O voo deixou o chão agora, e esperamos ir longe.

Contamos com a ajuda de vocês.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Convocando os alvinegros

28/05/2010 - 9:55 por

Outro dia, publicamos aqui vídeo convidando o torcedor tricolor para o amistoso diante do Boca Juniors. Agora trazemos outro vídeo muito bem editado, mas agora feito por alvinegro, convocando o torcedor a empurrar o Vozão diante do Cruzeiro, no domingo.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Brasil já começa melhor que em 2006

27/05/2010 - 17:03 por

Presidente Lula recebe os jogadores

 

 O resultado final eu não sei. Mas comparando os primeiros dias de “Copa do Mundo” (pelo menos na preparação) com o mesmo período de 2006, a Seleção Brasileira já tem início bem melhor estruturado e mais inteligente. Voltei aos primeiros dias da Canarinha na Copa passada e comparei com o agora, desde a reunião de jogadores, despedida do território brasileiro e chegada à concentração e hotel. As diferenças são contrastantes e o resultado final, apesar de não garantir vitória, é uma seleção, no mínimo, mais concentrada e compromissada. Vamos aos pontos:

   

1- Jogadores se reuniram em território brasileiro. Na Copa de 2006, na Alemanha, houve o contrário. Boa parte dos jogadores se encaminharam 

Ronaldinho (sem delegação) à caminho da Alemanha

 

diretamente à cidade de Weggis (sede da concentração), em seus próprios veículos, sem a mínima congregação com a torcida, com o time, e a própria pátria. Jogadores como Ronaldo, Adriano, Kaká, Dida e Cafu não tiveram contato com o povo e pareciam estar chegando a uma colônia de férias após a dura temporada no futebol europeu. Desta vez, o contrário. A preparação em Curitiba, apesar de não proporcionar treinos coletivos, serviu para a seleção se sentir em casa e ter contato com o calor da torcida. Além disso, o simbolismo da despedida no aeroporto foi importante e colocou os jogadores em clima de Copa. 

   

2- Despedida em Brasília com o presidente. Políticas à parte, a despedida com o 

Seleção reunida à caminho da África

 

 presidente Lula, para mim, foi importante, pois deu aos jogadores a noção da importância da Copa do Mundo para toda a nação. Barack Obama fez o mesmo com os jogadores dos Estados Unidos (e olha que lá nem é esporte nº 1). Por mais que muitos não gostem de Lula, a figura máxima do Governo em contato com os atletas revela simbolicamente um apoio forte e a importância que o futebol tem para a cultura nacional. 

   

3-Hotel sem badalação. Quem não lembra da “baldeação” que era a concentração em Weggis no início da Copa da Alemanha? Treinos com uma arena montada e lotada. Falta de tranquilidade era o que reinava. Os jogadores entraram no clima da festa, é claro. Um dia emblemático foi o da invasão de uma torcedora para abraçar Ronaldinho 

Ronaldo chega sozinho, de carro, à Weggis em 2006

 

 Gaúcho. Muita festa, muita badalação. O resultado? Todos nós sabemos de cor. Agora, “escaldada”, a seleção resolveu se refugiar em um campo de golf, afastado da civilização. A tranquilidade é a palavra de ordem agora para desespero de alguns.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Ceará a um passo da liderança

27/05/2010 - 10:30 por

Por essa nem o torcedor alvinegro mais fanático poderia imaginar antes de começar a Série A. Com o empate do Corinthians contra o Grêmio Prudente, nesta quarta-feira, o Ceará tem a chance, diante do Goiás, de assumir a liderança do Campeonato Brasileiro.

Para isso, o Vozão terá que vencer o lanterna da competição por, no mínimo, dois gols de diferença. Assim, igualaria em número de pontos com o Timão (10), mas ultrapassaria os paulistas no saldo de gols.

Será que dá? Confira a classificação atual da competição, já com os jogos de ontem.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Xô pé frio!!!

26/05/2010 - 18:43 por

Na tarde desta quarta-feira (26), a seleção brasileira embarcou rumo a África do Sul. No caminho, uma breve parada em Brasília para uma foto com o presidente Lula. Boa ideia? Talvez não.

Em 2007, o presidente ganhou uma camisa do Botafogo às vesperas da partida da semi final da Copa do Brasil contra o Figueirense. Resultado: alvinegro carioca eliminado em pleno Maracanã com uma partida recheada de lances polêmicos e, ainda, uma falha do goleiro Júlio César, que defendia o Botafogo.

O Corinthians, time do presidente, caiu para a segunda divisão depois de ter presenteado o petista com uma camisa 10.

Outro time que não escapou foi o Fluminense. Após bela campanha na Libertadores da América, quando o time eliminou o Boca Juniors da competição – o último a ter conseguido tal feito havia sido o Santos de Pelé -, foi a vez de Lula fazer uma visitinha nas Laranjeiras. O Flu perdeu para a LDU e o sonho de conquistar a América foi para o espaço.

A própria Seleção já foi vítima do pé frio presidencial. Em 2006, Roberto Carlos foi o único jogador que deu uma passadinha no planalto. A camisa 6, número usado pelo lateral, foi o presente. O desfecho disso, todos sabemos. Brasil perde nas quartas para a França e o lateral esquerdo foi eleito o principal culpado pela derrota.

Bom, não fosse apenas essa visitinha, a delegação brasileira ainda é chefiada por Andrés Sanches, atual presidente do Corinthians. Andrés declarou ter ido a apenas duas Copas, ambas como torcedor. Em 82 e 98.

Portanto, por via das dúvidas, é melhor começar a acender umas velas aí enquanto há tempo.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores