Torcidas Organizadas se mobilizam e criam uma Federação

29/04/2011 - 10:25 por

FETECE

Na próxima sexta-feira (06), as principais lideranças das maiores torcidas organizadas da capital estarão reunidas e efetivando a criação da Federação das Torcidas Organizadas do Estado do Ceará (Fetece).

Neste primeiro momento, a Torcida Organizada Cearamor (TOC), Torcida Uniformizada do Fortaleza ( TUF), Movimento Organizado Força Independente (M.O.F.I), Jovem Garra Tricolor (JGT), Torcida Ceará Chopp (TCC), Família Funk Tricolor (FFT) e Torcida Falange Coral (TFC) estão mobilizadas no processo de elaboração das diretrizes e estatuto da Federação.

A ideia principal da Fetece é aglutinar forças e, dessa forma, fazer valer os direitos dos torcedores organizados, baseando-se no estatuto do torcedor. “Percebemos que ficaríamos mais fortes se atuássemos unidos. Muitas vezes o Ministério Público ou o comando da Polícia Militar nos impõe restrições que são arbitrárias”, argumentou Jeysivan Santos, presidente da Cearamor.

Ideologia

As reuniões para a formação da Federação das T.Os já vêm acontecendo desde o final do ano passado. De acordo com o presidente da Família Funk Tricolor, Neto ‘Gota’, um dos idealizadores do projeto, as torcidas organizadas precisavam se profissionalizar. “Temos que acabar com esse preconceito que existe de que todo membro de torcida organizada é vagabundo. Está na hora de tratarmos as questões envolvendo as torcidas de uma maneira mais profissional”, avaliou o designer gráfico.

A Fetece vislumbra, em pouco tempo, abranger todas as torcidas organizadas do estado. Será criado um site com dados de todas as T.Os envolvidas, dentre outras informações importantes sobre cada clube.

Sem diferenças

“Não há diferença entre nós. Torcemos por times diferentes mas nossos objetivos são os mesmos. Sentamos todos juntos, sem restrições, porque acreditamos que as situações envolvendo as torcidas precisam ser repensadas e debatidas de forma racional”, finalizou o diretor da FFT.

Qual a sua avaliação sobre a iniciativa das Torcidas Organizadas? Opine

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Róbinson de Castro: “A CBF não vai rasgar o regulamento”

28/04/2011 - 14:05 por

Róbinson de Castro, entre os jornalistas PC Norões e Mariana Sasso

O vice-presidente do Ceará Sporting Club, Róbinson de Castro, esteve no início da tarde desta quinta-feira (28) no Sistema Verdes Mares de Comunicação. O dirigente participou ao vivo do programa Globo Esporte e concedeu uma entrevista ao Diário do Nordeste Online.

Na ocasião, o cartola abordou assuntos relacionados à Copa do Brasil, Campeonato Cearense e os preparativos do Ceará para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série A .

Abaixo, você confere as principais declarações de Róbinson de Castro, que também acumula o cargo de Diretor de Futebol do Vozão:

Local do jogo contra o Flamengo

“Vamos jogar em Horizonte, no estádio Domingão, caso o (estádio) Presidente Vargas não seja liberado pelo Ministério Público. Não estamos infringindo nenhuma norma do regulamento estabelecido pela própria CBF (Confederação Brasileira de Futebol). Estamos dentro do nosso direito e não acreditamos que a mentora maior do nosso futebol vá de encontro aos princípios que ela mesma estabeleceu. A CBF não vai rasgar o regulamento”.

Quantidade de ingressos para Ceará x Flamengo

“10% da quantidade total dos ingressos serão destinados ao torcedor do Flamengo. Os outros 90% ficarão à disposição do nosso torcedor. Estamos assegurados pelos critérios do Regulamento Geral das Competições (RGC) e mais uma vez agindo dentro das normas da Copa do Brasil”.

Maratona de jogos

“Sabemos que se não ganharmos logo o 2º turno do Campeonato Estadual e consequentemente nos tornarmos campeões ‘arrastão’ entraremos em campo mais vezes e isso ocasionará um desgaste muito grande ao nosso time, o que nos prejudicaria na Copa do Brasil. Nossa Comissão Técnico e todo o elenco é ciente dessa situação e todos estão focados em decidir logo este 2º turno”.

Siloé

“Não contatamos o Siloé. É um jogador interessante mas não vamos trazer ninguém para o Clube para simplesmente emprestá-lo depois. Sabemos da qualidade do jogador e de como ele se valorizou após esses jogos (do Horizonte) contra o Flamengo. É uma questão que ainda vamos definir junto à Comissão Técnica. Se o Mancini achar que é viável para o grupo, nós entraremos em contato com o empresário dele”.

Geraldo, Iarley e Marcelo Nicácio

“Já os procuramos para um prolongamento contratual. Temos interesse em permanecer com estes 3 atletas para a disputa da Série A . Eles pediram um tempo para tratar do assunto somente após o Estadual. Nós vamos respeitar a decisão deles mas desde já garantimos nosso interesse em que eles permaneçam conosco.”

Novos reforços

“Evidente que reforçaremos nosso time para o Brasileirão, mas não vamos trazer qualquer um para compor nosso plantel. Vislumbramos pelo menos mais 6 contratações. Não queremos simplesmente medalhões que joguem apenas com o nome ou para a torcida. Nosso critério de contratação se baseia numa avaliação minuciosa de como o jogador é dentro e fora de campo, seu histórico de lesões e se ele está dentro daquilo que achamos essencial para a boa convivência em grupo”.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Lopes, Bonan ou Fabiano?

27/04/2011 - 10:54 por

Está no Jogada desta quarta

Goleiros que defenderam o maior rival, agendados

Dois goleiros que recentemente defenderam o maior rival do Fortaleza, no caso o Ceará, foram agendados pelo departamento de futebol do Leão.

São eles: Lopes, que esteve como titular do time alvinegro que subiu para a Primeira Divisão e Marcelo Bonan, também com boa passagem pelo rival. Há um terceiro nome que seria o de Guto, do Brasiliense/DF. Além de goleiros, falou-se também no nome do atacante Wellington Amorim.

A diretoria do Tricolor não comenta sobre contratação até ter sido confirmada, conforme o diretor de futebol José Rocha, o Rochinha, que continuará na função, a convite do vice-presidente Osmar Baquit.

E AÍ, TORCEDOR TRICOLOR, QUAL DOS 3 VOCÊS PREFERE VER COM A CAMISA 1 DO CLUBE NA SÉRIE C?

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Cearenses quebram recorde no paraquedismo

26/04/2011 - 15:18 por

Gente, olha que coisa bacana:

“O Recorde Brasileiro e Sul Americano de Maior Formação em Queda Livre foi quebrado com uma figura inédita de 3 dígitos. 102 paraquedistas realizaram o feito em Eloy, Arizona – EUA no dia 20/04/2011 às 14:30h no horário local e 18:30h no Brasil. Entre os atletas temos 4 representantes do Ceará: Paulo Coelho, Luiz DJ, Falcão e Duda.”

Formação da BrDT: 4 cearenses

Esta equipe é a “Braziliam Dream Team“, e este foi o 8º recorde quebrado pelo time. O salto foi realizado na Skydive Arizona, uma área especial para a prática do paraquedismo. O recorde anterior ao deles era de 82 atletas em uma formação em queda livre. No total, foram 130 atletas, todos brasileiros, participando do salto. A homologação da Federação Aeronáutica Internacional (FAI) contabilizou aproximadamente 10 segundos de formação no ar.

É o noso Estado sendo representado (e muito bem) lá fora, por estas feras do paraquedismo!

Confiram a adrenalina do salto neste vídeo feito pelos próprios saltadores:

YouTube Preview Image

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Parabéns para vocês

26/04/2011 - 14:03 por

Leitores do blog, o Time de Fora completa hoje 1 ano de vida. Parabenizo aqui os outros autores, assim como os pacientes leitores, função da existência do blog.

Para celebrar a data, o Diário do Nordeste traz nesta terça uma matéria sobre o assunto, intitulada “Time de Fora é nosso!”.

Clique e confira

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Contra o Flamengo, Horizonte promete ‘defender como pequeno e atacar como grande’

26/04/2011 - 12:05 por

Horizonte treina pensando no Flamengo

“Defender como time pequeno e atacar como time grande”. Essa é frase dita pelo capitão e volante do Horizonte, Júnior Cearense, sobre o desafio da próxima quarta-feira (27), quando o Galo do Tabuleiro encara o Flamengo às 21h50, no estádio Domingão pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

Embora o Rubro-negro venha desfalcado de dois ídolos, Ronaldinho Gaúcho e Léo Moura, o camisa 11 do Horizonte ressaltou que a precaução não deve diminuir. “O Ronaldinho merece respeito. Define numa bola parada e tem passes precisos que deixam os companheiros na cara do gol. O Léo Moura é um jogador muito difícil de ser marcado, chega bem na linha de fundo e também faz boas assistências. Eles farão falta no time mas estamos falando do Flamengo, uma equipe que tem grandes valores no seu elenco, então o cuidado aumenta para não sermos surpreendidos”, alertou Júnior Cearense.

Como líder do grupo, Júnior participa efetivamente das preleções e comentou com seus companheiros um episódio acorrido com Icasa, na Copa do Brasil do ano passado. “O Icasa havia empatado com o Vasco lá em São Januário e no Romeirão foi goleado por 4 a 1. Lembrei aos jogadores esse fato para que a gente fique atento e não diminua nosso ritmo. Temos que jogar até melhor do que jogamos no Rio de Janeiro para garantirmos a nossa vaga”.

Penalidades

O empate sem gols garante o Horizonte nas quartas de final da Copa do Brasil. Contudo, o time tenta através dos últimos treinamentos melhorar a pontaria não só nas jogadas ofensivas como nas cobranças de pênaltis. “Não podemos deixar de treinar esse fundamento. Queremos nos classificar no tempo normal mas no caso de empate com gols estaremos preparados para a decisão nas penalidades” confidenciou o meia Diego Palhinha.

Descontração

Apesar da ansiedade para o jogo contra o Flamengo, os atletas horizontinos procuram manter a tranquilidade e o bom humor durante o período de concentração. Colega de quarto de Diego Palhinha, Júnior Cearense não deixa passar nenhuma oportunidade de “zuar” com o amigo. “Esse juvenil passa o tempo todo na internet vendo as notícias sobre o Horizonte para ver se sai o nome dele em alguma. Sentou no meu lugar no avião na viagem para o jogo contra o Guarani/SP, fez um golaço e agora quer ter moral”, alfinetou o capitão do time, demonstrando o clima de amizade que embala o motivado e surpreendente Horizonte Futebol Clube.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Indefinições impedem que Ceará atue no PV

26/04/2011 - 10:28 por

Estádio Presidente Vargas

Apesar de haver a possibilidade de o Ceará disputar a final do Campeonato Cearense e quartas de final da Copa do Brasil no estádio Presidente Vargas, caso supere seus adversários, respectivamente Guarany (S) e Grêmio Prudente, a diretoria alvinegra não está convicta de que isso seja um bom negócio para o clube.

De acordo com Sérgio Costa, diretor administrativo do Ceará, o Vovô somente mandará seus jogos no PV quando as obras do estádio estiverem totalmente concluídas e for definido pela Prefeitura quem, de fato, irá administrar aquela praça esportiva.

“Não vemos vantagem nenhuma em jogar no PV neste momento. Muita coisa ainda está indefinida. Por duas ocasiões marcamos uma reunião com a prefeita Luizianne Lins mas esse encontro foi desmarcado”, comentou Sérgio Costa. 

O diretor falou que apesar do constrangimento de se deslocar para o estádio Domingão, em Horizonte, espera que o torcedor alvinegro entenda que,  atualmente,  jogar no PV não colabora para os interesses logísticos e financeiros do Clube. “Claro que queríamos atuar na nossa capital, evitar o deslocamento do nosso torcedor, mas não vamos jogar no Presidente Vargas enquanto não acharmos que tudo está resolvido de forma íntegra e transparente”.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Jogos no Vovozão

25/04/2011 - 12:48 por

Depois de uma década sem poder realizar uma partida oficial válida pelo Campeonato Cearense de Futebol, o estádio Carlos de Alencar Pinto (Vovozão) recebeu na tarde do último domingo (24) o jogo Ceará x Guarany (S).

Diferente do que o ocorreu em 23 de maio de 2001, quando o Alvinegro encarou o Juazeiro (e venceu pelo placar de 5 a 0), o público desta vez não teve acesso às arquibancadas.

Alguns profissionais do Clube e da crônica esportiva comentaram sobre as instalações do Vovozão e a possibilidade de mais jogos serem disputados no simpático campo do Ceará.

YouTube Preview Image

Futuro

O presidente da executiva do Ceará, Evandro Leitão, afirmou que um projeto já está sendo avaliado para a construção de arquibancadas em Carlos de Alencar Pinto. A idéia seria fazer um estádio com capacidade para pelo menos 15 mil pessoas. O início da obra ainda não tem data definida, mas segundo o mandatário “conversas com algumas empresas estão acontecendo com o intuito de concretizar o projeto”.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Ferroviário e Fortaleza: sem ter o que comemorar

25/04/2011 - 10:43 por

Eliminados das semifinais do 2º turno, e consequentemente do Estadual 2011, os tricolores da Capital acumulam no ano motivos para envergonhar suas torcidas.

Ferrão na fila

Campeão pela última vez em 1995, quando sagrou-se bicampeão cearense, o Tubarão da Barra chega ao seu maior jejum de títulos na história.

Para completar, a equipe termina o Cearense na nada honrosa 10º colocação, entre 12 na disputa. O rebaixamento não veio graças a uma pequena reação no início do returno.

Se o torcedor do Crato tem que comemorar ter escapado do rebaixamento, o coral envergonha-se da campanha e segue preocupado com o futuro do clube. Nos últimos anos, têm sido raros os lampejos de grandes momentos no Ferroviário. Falta dinheiro, estrutura e organização.

Penta virou pesadelo

Aos trancos e barrancos, o tetracampeonato estadual veio em 2010. O ano, porém, terminou bastante conturbado, com a fraca campanha na Série C. A transição durante a mudança na presidência do clube foi conturbada, já prenúncio de mais um ano difícil no Pici.

A nova presidência entrou otimista, apesar de pregar pés no chão. O time montado, a princípio, parecia razoável, aquém apenas do maior rival, bem mais estruturado financeiramente nos dias de hoje. A derrota na final do turno, se dolorida, não foi vista com anormalidade, até pelos motivos já citados.

O returno, porém, veio trazer uma dura realidade. Os adversários evoluíram, o tricolor desandou. 6 derrotas em 11 jogos ofuscaram, até, uma quase heróica vitória no Clássico-Rei.

Flávio Araújo deixou o clube, o velho professor Ferdinando Teixeira veio, mas não conseguiu melhorar o retrospecto. O presidente, em poucos meses, trocou o otimismo pelo pedido de licença. O clube sequer poderá lutar nas semifinais para impedir o título do rival.

O torcedor busca culpados, mas busca mesmo é ver uma saída para que o clube chegue forte para a disputa da Série C.

Um hoje improvável acesso faria o saldo do ano, apesar do Estadual, ser positivo. No entanto, o clube parece estar perdido, sem saber o caminho certo a seguir.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Paulo Artur pede licença do cargo de presidente do Fortaleza

22/04/2011 - 10:59 por

YouTube Preview Image

Nesta quinta-feira (21), durante uma entrevista coletiva realizada na sede administrativa do Fortaleza, o presidente Paulo Artur pediu licença do cargo pelo período de 90 dias.

O mandatário alegou que por conta de problemas de saúde,  “não estava mais satisfeito dentro do Fortaleza”.

O vice-presidente Osmar Baquit irá assumir o cargo deixado por Paulo Artur.

A decisão de Paulo Artur foi acertada? Opine.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores