CBF altera data de Ceará e Flamengo

30/09/2011 - 17:00 por

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciou uma série de mudanças de datas e horários de jogos na Série A. Dentre eles, houve mudança na partida entre Ceará e Flamengo, no estádio Presidente Vargas.

A partida, que estava marcada para domingo, 16/10, às 16h, foi antecipada para o sábado (15/10), às 18h. O motivo da alteração não foi revelado.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Estádio Castelão recebe população em visita guiada neste sábado (01)

30/09/2011 - 12:47 por

No próximo sábado, dia 01 de outubro, o estádio Castelão abre as portas para receber um grupo de 103 pessoas na primeira visita guiada da população às obras de reforma e modernização da arena para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014. O grupo foi formado a partir de um sorteio promocional realizado pelo perfil do Governo do Estado no Facebook. Ao todo, mais de 300 pessoas participaram da promoção que aconteceu durante o período de 16 a 28 de setembro.

Durante os 12 dias em que a promoção esteve no ar, 301 pessoas curtiram a página do Governo do Ceará no Facebook, aumentando as visualizações da página em 187% e a interação com os usuários em 407%. Ao todo, 1.797 visualizações foram alcançadas somente na página criada especialmente para o Castelão. Destes, 58% dos visitantes são do sexo masculino, 40% do sexo feminino e 2% não informaram. Com o sucesso da iniciativa, a promoção será ampliada e passará a levar mensalmente um grupo de pessoas ao Castelão. “É uma grande oportunidade da sociedade constatar o ritmo acelerado, o compromisso e a transparência que damos na modernização do Castelão”, destaca Ferruccio Feitosa.

A visita terá início às 8 horas, onde o secretário Ferruccio Feitosa receberá os visitantes na primeira etapa da obra, que foi concluída em agosto e já se encontra em pleno funcionamento. A programação começa com uma apresentação do projeto da Arena Castelão para a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 pelo secretário Ferruccio Feitosa. Em seguida, os visitantes terão a oportunidade de conferir o andamento do projeto direto do canteiro de obras.

A Arena Castelão

Palco maior da Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014 no Ceará, o estádio Plácido Aderaldo Castelo (Castelão), se transformou em um imenso canteiro de obras em preparação para receber os jogos do mundial. Para isso, tudo está sendo feito de olho nos jogos de semifinal, já que a arena cearense terá capacidade para 67.037 espectadores, quando o exigido pela FIFA é de 60 mil pessoas.

De acordo com o último relatório de andamento da obra elaborado pelo Consórcio Construtor, formado pelas empresas Galvão Engenharia e Andrade Mendonça, do dia 26 de setembro, a reforma de modernização e ampliação do Castelão está com 42,34% de execução. A previsão é chegar ao fim de setembro com 43% e encerrar o ano com metade de toda a obra concluída.

Ao todo, as obras envolvem recursos da ordem de R$ 518,6 milhões, que incluem todas as intervenções internas e externas e a operação do estádio por oito anos. Iniciada em 13 de dezembro de 2010, mais de 800 operários trabalham em três turnos na obra, que já está com sua primeira etapa concluída e as outras três em andamento.

Os sorteados

Os sorteados deverão comparecer ao estádio no sábado, às 8 horas, no novo prédio construído na etapa 1 da obra, onde hoje funciona a Secretaria do Esporte do Estado e o Departamento de Arquitetura e Engenharia do Estado. Todos deverão apresentar com documento de identidade. Máquinas fotográficas e filmadoras serão permitidas.

Serviço:

Primeira Visita Guiada da População às obras do Castelão
Data: 01/10/2011 (Quarta-feira)
Horário: 08h
Local: Estádio Castelão – Av. Alberto Craveiro – S/N

 Com informações da Assessora de Comunicação da Secretaria Especial da Copa 2014

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Solidariedade e visão de futuro

30/09/2011 - 12:09 por

O presidente do Ceará Sporting Club, Evandro Leitão, já adiantou que a meta para o segundo momento da atual gestão é construir um Centro de Treinamento. Paralelo a isso, a campanha Ceará Unido, Jovens Conselheiros do Ceará e o Projeto Ceará 2000 atuam em outra frente e orquestram um movimento que vislumbra – através da solidariedade – detectar futuros craques para mais adiante defender as cores do Vovô.

Capitaneados por Danilo Ferreira, o grupo está programando a implementação de uma Escolinha de Futebol destinada exclusivamente para crianças carentes. “Com uma pequena taxa, o torcedor alvinegro poderá apadrinhar uma criança e esse recurso a manterá treinando em nosso projeto, acompanhada de perto por profissionais de Educação Física”, explicou Danilo.

É importante salientar que para poder participar da Escolinha a criança deverá estar matriculada em uma escola da rede pública, com frequência comprovada.

Local

Pelo menos três locais já estão acertados para  acolher o projeto, que à priori receberá garotos de 10 a 14 anos. Os atletas que forem se destacando serão integrados às categorias de base do Ceará. “Essa é uma oportunidade que encontramos de ajudar as crianças que não tiveram a chance de realizar o sonho de jogar pelo Vozão”, concluiu Danilo Ferreira, que declarou que em breve divulgará o campo de treino e como a criança poderá se inscrever.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Ferdinando Teixeira: com rapadura, farinha e banana

29/09/2011 - 15:11 por

Estádio Rei Pelé, Maceió, 16 de julho de 2011. O Fortaleza Esporte Clube estreava na Série C do Campeonato Brasileiro, perdendo por 1 a 0 para o CRB (AL). O resultado deu início à péssima campanha do clube na competição. E, para surpresa de todos, ao fim daquela partida, o então treinador Ferdinando Teixeira anunciava sua aposentadoria, consumada na partida seguinte, contra o América (RN). O adeus foi em clima triste, com uma nova derrota por 3 a 1, em pleno estádio Presidente Vargas.

Dois meses se passaram desde o anúncio de Ferdinando. O Fortaleza conseguiu escapar do rebaixamento no campo e na Justiça. E o ex-técnico vive sua vida tranquilo, como ele conta, em entrevista ao Diário do Nordeste Online. “Como diz o matuto: rapadura, farinha e banana já dá para viver”.

Ferdinando abriu o coração e contou como foi a preparação para a aposentadoria. Relembrou seus melhores e piores momentos no futebol. Ele também comentou como foi lidar com o baixinho Clodoaldo na época de ouro do Fortaleza. Além disso, fez denúncias sérias sobre a conduta de alguns jogadores ‘de nome’.

Aposentadoria

“Eu estava tranquilo. Já vinha preparando minha aposentadoria há cinco anos. A ideia era aposentar no final do campeonato (Série C), mas, como houve problemas internos no Fortaleza, tive de acelerar a decisão. Como eu já vinha me preparando, isso me ajudou muito”. Esta é a explicação de Ferdinando para sua aposentadoria.

Tranquilo, ele fala sem problemas, mas não entra em detalhes sobre o que realmente aconteceu nos bastidores do Leão. “Já passou o problema, não adianta mais falar sobre isso”, pontua.

Ferdinando hoje está dedicado aos seus próprios negócios, administrados em Natal. Como diz, está “correndo atrás de outras atividades”, reorganizando sua vida. Afinal, para quem já está envolvido no futebol há 32 anos, não é assim tão simples, de uma hora para a outra, parar tudo e esquecer a profissão.

Alecrim

Foi no Alecrim (RN) onde tudo começou. E o eterno “Professor” – seu apelido no Fortaleza – relembra com carinho dos tempos de arquibancada. “Eu comecei no futebol através do Alecrim. Comecei a torcer por ser um time bom. Na época em que comecei a ver futebol, ele foi bicampeão. Era um bom time e, automaticamente, eu era jovem e comecei a torcer”.

O então torcedor alimentava o amor pelo clube e quando resolveu iniciar na profissão de treinador, não tinha outro endereço que não fosse o do Alecrim para nascer para o futebol. “Quando comecei como treinador, comecei no Alecrim. Foi quem me abriu as portas. Eu prometi que um dia passaria um campeonato inteiro de graça no Alecrim. E cumpri”. Agora, o professor voltou para as arquibancadas. “Hoje sou só torcedor”, explica.

Momentos

Relembrar bons e maus momentos fez Ferdinando refletir. Isto ficou visível na voz firme do potiguar de 65 anos, com tantas histórias para contar. “Tive muitas alegrias, ganhei muitos campeonatos. Estaduais, ascenções da Série C para a Série B, da Série B para a Série A…”, lembra.

Sem falsa modéstia, Ferdinando dá o tom do que vem a seguir. “No mundo do futebol você tem de dizer que ganhou mais do que perdeu”. Mas o professor não precisa entrar nessa para provar seu valor, não é?

Dentre os melhores momentos de sua carreira destaque para Alecrim e ABC, ambos do Rio Grande do Norte. “Lembro do meu primeiro campeonato profissional pelo ABC. Também tinha o sonho de ser campeão pelo Alecrim e fui bicampeão”, frisa.

Fortaleza

No Fortaleza, onde chegou em 2000, mais momentos marcantes na vida do professor Ferdinando. Afinal, tirar o time da fila e levá-lo à elite do futebol nacional não é um feito qualquer. “Meu momento mais feliz no Fortaleza foi quando ganhamos o Campeonato Cearense em 2000. Assumi quando ninguém queria ir, estava numa crise”. (mais…)

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Baquit deve ser candidato único nas eleições no Fortaleza

29/09/2011 - 10:33 por

O atual presidente do Fortaleza, Osmar Baquit, deve ser reeleito por aclamação nas eleições do clube, no próximo dia 09 de outubro. Em reunião do Conselho Deliberativo, realizada na noite desta quarta-feira (28), 2 pré-candidatos resolveram apoiar a reeleição do atual mandatário tricolor.

> Leia também:
– Evandro Leitão será candidato único nas eleições no Ceará

Alexandre Borges e Demétrius Ribeiro, desta forma, desistem de sair candidatos. Segundo uma fonte do clube, a decisão tomada na reunião é o primeiro passo na busca do que vem sendo chamado de “União tricolor”, entre membros da executiva, do Conselho Deliberativo, do Movimento Independente da Torcida Tricolor (Mitt) e da torcida leonina.

Nos últimos dias, Osmar Baquit têm se negado em confirmar se sairá ou não candidato. Segundo ele, a candidatura dependia do apoio que receberia de pessoas do clube, inclusive ex-presidentes. Em entrevista recente, o mandatário tricolor, que assumiu o cargo este ano após renúncia de Paulo Arthur, disse haver muitos ‘traíras’ dentro do Pici.

Baquit ficou de se pronunciar oficialmente sobre a candidatura na próxima sexta-feira (30).

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Ceará de olho na tabela e na matemática para se garantir na Série A

28/09/2011 - 13:51 por

Dos próximos 12 jogos que restam para o encerramento do Campeonato Brasileiro 2011, o Ceará enfrentará, em 6 confrontos, todos os adversários que neste momento estão em colocações abaixo do Alvinegro na tabela.

Bahia, Cruzeiro, Atlético/MG, Atlético/PR, Avaí e América/MG são os clubes que o Vozão ver pelo retrovisor. Vale ressalta que dos 6 jogos contra estes oponentes, apenas a partida contra o Cruzeiro acontecerá na capital cearense, no estádio Presidente Vargas.

Veja as partidas, datas, horários e locais dos demais desafios do Ceará, com seus concorrentes considerados “diretos”, na luta contra o rebaixamento:

– Atlético/MG x CEARÁ – Domingo (02/10), às 16h, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

– América/MG x CEARÁ – Quarta-feira (12/10), às 16h, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas (MG)

– Atlético/PR x CEARÁ – Domingo (23/10), às 16h, na Arena da Baixada, em Curitiba (PR)

– Avaí x CEARÁ, – Domingo (06/11), (horário ainda não definido), na Ressacada, em Florianópolis (SC)

– CEARÁ x Cruzeiro – Domingo (27/11), (horário ainda não definido), no PV, em Fortaleza (CE)

– Bahia x CEARÁ – Domingo (04/12), (horário ainda não definido), no Pituaçu, em Salvador (BA)

Atualmente, o Alvinegro de Porangabuçu tem 47,53% de chances de consolidar sua vaga para a Copa Sul-Americana em 2012, segundo o site StatSport (www.statsport.com.br).

Ainda segundo o portal de estatísticas, 18,52% é a porcentagem que o Vovô tem de ser rebaixado para a Série B. O número é considerado perigoso e preocupa o torcedor e a diretoria da equipe cearense, que neste momento fica de olho na tabela e atento também na matemática.

Estudiosos acreditam que para permanecer na 1ª divisão no próximo ano, o Ceará – hoje com 30 pontos conquistados – precisará somar pelo menos mais 13 pontos, dos 36 que ainda restam a disputar.

Pela sua análise, qual a colocação que o Ceará ficará após o final deste Brasileirão? Opine.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Representante do Ceará fala dos preparativos para a fase final do Musa do Brasileirão

28/09/2011 - 10:52 por

Finalista do concurso Musa do Brasileirão, a representante do Ceará Sporting Club, Taiana Vasconcelos, falou sobre as expectativas para a reta final da disputa e os preparativos para a fase de decisão, que será produzida em Pernambuco pelo programa “Caldeirão do Huck”, da Rede Globo.

YouTube Preview Image

No mês de setembro, em uma matéria exclusiva para o caderno Zoeira, do Diário do Nordeste, a beldade alvinegra comentou sobre os passos que a levaram à final de um dos maiores concursos do país. Clique e acompanhe: “Com a bola toda”.

Taiana Vasconcelos - Musa do Ceará Sporting Club

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Leandro Chaves fala da sua estreia com a camisa do Ceará

27/09/2011 - 10:55 por

Leandro Chaves – recém-contratado pelo Ceará – sequer seria relacionado para a partida contra o Coritiba, no último domingo (25). Entretanto, sentindo dores na região pubiana, o titular, Thiago Humberto, foi cortado da relação e deixou livre a vaga na meia esquerda.

A opção de Estevam Soares foi dar um chance para que Leandro Chaves fizesse sua estreia e a camisa 10 do Ceará foi dada ao jogador na preleção, minutos antes do jogo diante da equipe paranaense.

Pouco antes do final do embate, Chaves foi substituído por Egídio mas deixou o campo com a sensação de dever cumprido, chegando a receber aplausos de alguns torcedores. No placar, 3 a 2 para o Ceará. Na mente da torcida alvinegra o questionamento: Será que o Vozão achou o meia que busca desde a saída de Geraldo? A resposta, só o tempo irá dizer.

No vídeo abaixo, o atleta fala da sua estreia no time de Porangabuçu e do seu desempenho na partida frente ao ‘Coxa’. Confira:

YouTube Preview Image

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Sindicato dos Atletas Profissionais do Ceará solidariza-se ao Fortaleza

27/09/2011 - 10:22 por

O Sindicato dos Atletas Profissionais do Ceará (Safece) enviou ofício ao presidente do STJD, Rubens Approbato, manifestando apoio ao Fortaleza Esporte Clube, no que diz respeito aos acontecimentos referentes à polêmica envolvendo o jogo entre o Tricolor de Aço e o CRB/AL.

Enviado à redação, o blog publica na íntegra da nota. Clique e confira os argumentos utilizados pela entidade (.PDF).

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Fernando Henrique: “Estava na hora de vencer”

27/09/2011 - 9:56 por

Fernando "Paredão" Henrique

O Ceará venceu o Coritiba, na noite de domingo (25), por 3 a 2, e chegou aos 30 pontos na tabela de classificação, se afastando da incômoda 16ª posição e ganhando dois postos na tabela – Cruzeiro e Bahia ficaram para trás. O resultado, porém, poderia ter sido bem diferente do que realmente foi, não fossem, além da boa atuação do atacante Roger, as intervenções do goleiro Fernando Henrique. Após sua volta de contusão, o “Paredão” havia se destacado contra São Paulo e Palmeiras, mas a vitória não chegou. Dessa vez, o final foi feliz e o arqueiro comemorou a vitória sobre o Coxa.

“Finalmente conquistamos três pontos. Estávamos jogando bem, mas, por um descuido ou outro, o resultado não estava aparecendo. Domingo, ganhamos de uma das melhores equipes do país, em um jogo muito disputado, onde os dois times buscaram o gol adversário a todo tempo e não abriram mão do ataque em momento algum. Já havíamos enfrentado o Coritiba em outras oportunidades e sempre foram grandes confrontos, esse não poderia ser diferente, mas estava na hora de vencer e, graças a Deus, conseguimos”, recordou o camisa 1, que enfrentou o Coxa pela quarta vez e garantiu sua primeira vitória: foram duas derrotas e um empate, nos outros embates.

O jogador ressaltou, ainda, a importância de uma semana “cheia” para preparar a equipe para o duelo contra o Atlético-MG, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. “É muito bom o Estevam (Soares, treinador) ter esses dias para corrigir nossas falhas e trabalhar o time para o próximo jogo. Raramente temos essa “folga” na tabela e precisamos aproveitar da melhor maneira, pois o confronto com o Atlético é muito importante para nós. Eles estão em uma situação complicada, a torcida sempre comparece e, por isso, precisamos chegar afiados”, comentou.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores