Vai começar!

31/07/2015 - 19:50 por

Na temporada passada o Chelsea venceu no Stamford Bridge. Já no Emirates, o jogo acabou empatado. Foto: Reuters

O duelo, um dos clássicos de Londres, abre a temporada na Inglaterra
Foto: Reuters

O futebol europeu finalmente está voltando. Com ele, um novo Time de Fora está nascendo. O blog irá deixar um pouco de lado as curiosidades e brincadeiras do mundo da bola para falar sobre Futebol Internacional. Teremos por aqui, análises, seleções da rodada, perfis, matérias especiais e muito mais.

Não poderíamos deixar passar um dos marcos do início da temporada européia: A Community Shield. Chelsea e Arsenal dão o pontapé inicial no ano do futebol inglês neste domingo (2), em Wembley, e decidem a Supercopa da Terra da Rainha. O duelo marca o reencontro de Petr Cech, que se transferiu para os Gunners, com seu ex-clube.

A equipe de Arsène Wenger vai em busca do bicampeonato. Na temporada passada o clube de Santi Carzola e Alexis Sánchez bateu o Manchester City por 3 a 0, enchendo os torcedores de esperança para o restante de 2014/2015. O cenário não foi dos melhores e o time acabou eliminado precocemente na Champions e em terceiro na Premier League. Menos mal que o bicampeonato da FA Cup foi conquistado. Na preparação para os campeonatos deste ano, o Arsenal faturou a Emirates Cup, feito que não acontecia desde 2010.

Do lado azul de Londres, o Chelsea não conquista a Community Shield desde 2009, quando venceu o Manchester United nas penalidades. Por hora, os ‘Special Ones’ de José Mourinho se reforçaram com a chegada do atacante Falcao Garcia, que vive baixa, e o goleiro Asmir Begovic, que veio para suprir a saída de Cech. Por outro lado, Filipe Luís retornou para o Atlético de Madrid e o ídolo Didier Drogba foi para o Montreal Impact, da MLS.

A partida terá transmissões por canais de TV fechada e dará um gostinho para os fãs do futebol, em especial o inglês. Para melhorar ,a Premier League, um dos principais campeonatos do mundo, volta em oito dias.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Copa do Brasil: Ceará tinha, pelo menos, 7 motivos para passar de fase

23/07/2015 - 7:59 por

Jogadores considerados reservas conquistaram a primeira vitória para o Alvinegro após vários dias. Foto: Leonardo Costa/Tribuna de Minas

Jogadores considerados reservas conquistaram a primeira vitória para o Alvinegro após vários dias. Foto: Leonardo Costa/Tribuna de Minas

O atual momento do Ceará não permite qualquer tipo de devaneio. Neste sentido, o sonho vaidoso de disputar a Sul-Americana ficou totalmente em segundo plano ontem com a classificação do time para a próxima fase da Copa do Brasil (VEJA OS GOLS). Ao contrário do que muitos acreditavam, em nenhum momento, o time alvinegro abriu o resultado ou desistiu da competição.

Veja os motivos:

1-Resgatar a dignidade do clube e quebrar a sequência sem vitórias. Mais de dois meses sem saber o que é vencer perturba qualquer ambiente.

2-Embolsar a cota da próxima fase. São cerca de R$ 690 mil, valor bem superior à cota da primeira fase da Sul-Americana, que em 2014, foi cerca de U$ 150 mil. Confira aqui o ofício encaminhado aos clubes

>Veja este post do Blog do Kempes: ‘Para o Ceará, financeiramente, é bem melhor disputar a Copa do Brasil do que a Sul-Americana’

3-Ser o único nordestino entre os 16 melhores da competição

4-Dar condicionamento físico, confiança, visibilidade e oportunidade para outros jogadores do elenco.

5-Evitar longas viagens e custos elevados no caso de percursos internacionais, o que geraria maior impacto na Série B.

6-Possibilidade de boa renda contra um grande time brasileiro na próxima fase. Corinthians, Flamengo, São Paulo, Cruzeiro, Internacional, Atlético-MG, Fluminense e Grêmio podem ser adversários do Alvinegro na próxima fase.

7-Apostar na esperança de ainda disputar as duas copas por motivos totalmente financeiros. Segundo informações, o time costura a possibilidade.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

65 anos do Maracanazo: data é lembrada por Twitter oficial da Celeste

16/07/2015 - 15:07 por

"Fantasma de 50" foi lembrado na Copa do Mundo de 2014 (Foto: Divulgação)

“Fantasma de 50” foi lembrado na Copa do Mundo de 2014
(Foto: Divulgação)

Há 65 anos a Seleção Brasileira perdia dentro de casa, no Rio de Janeiro, a Copa do Mundo de 1950. O Maracanã, maior estádio do mundo na época, foi o palco de uma das mais frustrantes derrotas do futebol nacional.

Uma data tão gloriosa para o esporte uruguaio não poderia passar em branco. O Twitter oficial da seleção uruguaia fez questão de lembrar o feito em terras brasileiras. O Tweet conta com um vídeo, com narração original. Confira abaixo.

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Cristiano Ronaldo conhece clone robô no Japão; veja vídeo

13/07/2015 - 14:30 por

Cristiano Ronaldo teve uma oportunidade que poucos no mundo poderiam sonhar em viver. O atacante do Real Madrid e três vezes eleito o melhor jogador do mundo conheceu seu clone cibernético em um evento publicitário, no Japão.

Cristiano estava no país para divulgar um aparelho que estimula o abdômen e revelou, momentos antes de conhecer o trabalho dos engenheiros asiáticos, que estava muito curioso para ver se “estava parecido”.

Quando a cortina foi retirada, Ronaldo não escondeu a surpresa e sorriu. “Vou ter que dizer que está parecido. Está muito bem feito”, elogiou o jogador do Real Madrid.

Confira como foi esse encontro inusitado de Cristiano Ronaldo com seu clone robô no vídeo abaixo:

Categoria: Arquivo

Comentários

Enviar para o Kindle

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores