No Egito, Lionel Messi doa chuteiras, mas não imaginava o ‘tamanho’ da repercussão

30/03/2016 - 17:48 por

Apresentadora ficou constrangida ao receber chuteiras (Foto: Reprodução You Tube)

Apresentadora ficou constrangida ao receber chuteiras (Foto: Reprodução You Tube)

Lionel Messi era apenas mais um convidado de uma Tevê egípcia para entrevista, mas bastou apenas um ato, considerado generoso em muitos lugares do planeta, para causar revolta no mundo árabe. Messi concedia entrevista ao programa I am Famous, quando resolveu doar um par de chuteiras para uma campanha beneficente.

Acontece que o gesto é considerado um insulto no referido país. Basta lembrar que em 2008, o jornalista iraquiano Muntasir al-Zaydi jogou um de seus sapatos no então presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, para ofendê-lo durante uma entrevista coletiva.

A Federação Egípcia de Futebol e o Parlamento do Egito se pronunciaram sobre o gesto do argentino, ao afirmar que o ato foi ultrajante. Já o ex-jogador egípcio Mido, que defendeu clubes da Europa como o Ajax (Holanda), e Roma (Itália), defendeu o jogador do Barcelona ao afirmar que “a coisa mais preciosa que um jogador tem são suas chuteiras”. A atitude do jogador argentino causou vários comentários polêmicos nas redes sociais.

Categoria: Futebol Europeu

Comentários

Enviar para o Kindle

Premier League divulga lista com melhores gols da temporada até agora; confira

28/03/2016 - 11:08 por

Harry Kane é o artilheiro do campeonato inglês com 21 gols (Foto: AFP)

Harry Kane é o artilheiro do campeonato inglês com 21 gols (Foto: AFP)

A Premier League inglesa divulgou nesta segunda-feira (28), em seu perfil do twitter, um vídeo com os gols mais bonitos da temporada 2015/2016 até agora. Entre eles estão os gols dos principais artilheiros do campeonato: Harry Kane, do Tottenham, e Jaime Vardy, do Leicester.

Mas os destaques ficam para os tentos marcados por Benteke, do Liverpool, que superou o goleiro do Manchester United, De Gea, com um voleio desconcertante, e o gol de Deli Alli, volante dos Spurs, que marcou um dos possíveis candidatos ao Prêmio Puskas.

Confira o vídeo:

Categoria: Campeonato Inglês, Futebol Europeu

Comentários

Enviar para o Kindle

Iron Maiden e suas raízes com o futebol

23/03/2016 - 21:50 por

Encarte do Virtual XI, 11º álbum, que possui uma foto de membros da banda misturados com jogadores profissionais da época como Vieira, Overmars e Gaiscogne Foto: Reprodução

Encarte do Virtual XI, 11º álbum, que possui uma foto de membros da banda misturados com jogadores profissionais da época como Vieira, Overmars e Gascoigne
Foto: Reprodução

Sem dúvidas nenhuma, a banda britânica de rock Iron Maiden é uma das mais importantes em seu segmento. Com letras fortes, além de vários rifs marcantes, os ingleses criaram uma legião de fãs por todo o mundo. O que talvez nem todo mundo saiba, é que o futebol também faz parte da história da banda. Inclusive, o encarte do décimo primeiro álbum da Donzela de Ferro, Virtual XI (que faz referência a marca atingida, 11 discos, e ao número de jogadores que forma um time de futebol) trouxe uma foto com os músicos misturados com alguns atletas profissionais do futebol inglês do ano de 1998, como Patrick Vieira, Paul Gascoigne e Marc Overmars.

Steve Harris, baixista e fundador da banda, já foi jogador de futebol, antes de ser músico. Harris, que completou 60 anos recentemente, é fã declarado do West Ham, de sua cidade natal, Londres. O músico carrega em seus instrumentos um brasão dos Hammers, inclusive.

Reconhecidamente como um dos maiores baixistas da história do heavy metal, Harris também tem certa fama de seu talento com os pés. Sempre que pode, o músico tira um tempo pra bater uma bolinha com seus companheiros. De passagem pelo Brasil, com a turnê do novo albúm Book Of Souls, os britânicos não perderam a oportunidade de jogar uma partida de futebol no Rio de Janeiro, uma das cidades visitadas pelo Maiden.

O time da banda após uma partida de futebol, no Rio de Janeiro, durante a turnê do Book Of Souls Foto: Reprodução

O time da banda após uma partida de futebol, no Rio de Janeiro, durante a turnê do Book Of Souls
Foto: Reprodução

Maiden e o Vasco

A capital carioca, inclusive, tem uma forte ligação com a banda inglesa. Além dos vários Rock in Rio que a banda estrelou, foi também através do futebol que o Maiden se aproximou de parte de seus fãs do Brasil, sobretudo os cariocas. A Fúria Jovem, torcida organizada do Vasco, adotou o Eddie, mascote do Iron Maiden, como símbolo.

Em 2001, em meio a mais um Rock in Rio, e com o Vasco brigando pelo título da extinta Copa João Havelange, Steve Harris e Janick Gers foram convidados pela torcida vascaína para assistir a final do torneio, contra o São Caetano, no Maracanã. E a dupla aceitou, e acabou vendo de perto a vitória cruzmaltina, que contou com gols de Romário e Juninho Pernambucano.

Em Fortaleza

Nesta quinta-feira (24), o Iron Maiden se apresenta pela primeira vez em Fortaleza. Show bastante aguardado pelos fãs, que sempre viram a banda tocarem em cidades relativamente próximas como Recife, mas nunca na capital alencarina. Sabendo da chegada dos músicos, o Ceará, através de seu departamento de marketing, resolveu presentear os astros do rock com uniformes personalizados, inclusive com a fonte exclusiva da banda. Quem sabe o ato não estreita os laços do Maiden com Fortaleza, não é mesmo ?

Ação de marketing do Ceará presenteou os músicos do Maiden com camisas personalizadas Foto: Divulgação/Ceará

Ação de marketing do Ceará presenteou os músicos do Maiden com camisas personalizadas
Foto: Divulgação/Ceará

Categoria: Curiosidades

Comentários

Enviar para o Kindle

Buffon bate recorde de tempo sem tomar gols na Itália e escreve carta… às traves

22/03/2016 - 12:14 por

(Foto: AFP)

(Foto: AFP)

Aos 48 minutos do jogo entre Torino e Juventus, pela Série A italiana, o atacante Andrea Beloti, de penâlti interrompeu uma sequência de invencibilidade de Gianluigi Buffon, mas impediu o goleiro da ‘Velha Senhora’ de se tornar o goleiro que passou mais tempo sem tomar gols pela primeira divisão da Itália.

A ‘Juve’, na ocasião, venceu o Torino por 4 a 1.

O goleiro da seleção italiana passou 973 minutos sem ser superado pelos atacantes, superando a marca de 929 de Sebastiano Rossi, que defendeu o Milan na década de 1990.

Depois de confirmar o feito, Buffon publicou uma carta nas redes rociais em homenagem… às traves, que ele tanto procurou evitar olhar. Virado de costas para as redes, o goleiro reafirmou a vontade de permanecer defendendo as cores da Juventus, citando ainda cada um dos jogadores que o ajudaram a bater o recorde, incluindo os brasileiros Hernanes e Alex Sandro.

Confira trechos dessa ode ao gol de Gianluigi Buffon:

Tinha 12 anos quando virei minhas costas a você. Reneguei meu passado para garantir um futuro seguro.
Uma escolha do coração.
Uma escolha do instinto.
No mesmo dia em que parei de olhá-lo na cara, porém, comecei a te amar.
A te proteger.
A ser o seu primeiro e último instrumento de defesa.
Prometi a mim mesmo que faria de tudo para que meus olhos não voltassem a cruzar com os seus. Ou que o faria o mínimo possível. Mas foi um sofrimento cada vez que me virei e percebi que eu o havia decepcionado.
Novamente.
E novamente.
Sempre fomos opostos e complementares, como a Lua e o Sol. Forçados a vivermos um ao lado do outro, sem podermos nos tocar. Companheiros de vida aos quais o contato foi negado.
Mais de 25 anos atrás eu fiz o meu voto: jurei protegê-lo e guardá-lo. Fui um escudo contra os seus inimigos. Sempre pensei no seu bem, colocando-o sempre à frente do meu. E, todas as vezes que me virei, tentei apoiar a sua expressão decepcionada com a cabeça erguida, mas conscientemente me sentindo culpado.
Tinha 12 anos quando virei as costas para o gol.
E continuarei a fazê-lo, enquanto minhas pernas, minha cabeça e meu coração permitirem.

Nenhum recorde é filho de uma única pessoa e não se é número 1 fora de um grupo: logo, quero agradecer…
… Neto pela tranquilidade que passa ao time sempre que sobe ao gramado
… Rubinho, líder paciente e silencioso
… Chiellini, porque #atéofimdalinha ele não desiste
… Caceres, pelo entusiasmo que demonstra mesmo nos momentos mais difíceis
Alex Sandro porque vê-lo passar por um homem é sempre um prazer
… Barzagli: precisamos cloná-lo, rápido
… Bonucci, pela sua personalidade, sempre de cabeça erguida, sempre ao serviço da equipe
… Rugani, porque escutar é um dom raro
… Stephan (Lichtsteiner), as pernas e o pulmão desta Juve
… Evra, se não fosse nosso, precisaríamos comprá-lo
… Khedira, o homem certo no lugar certo
… Marchisio, o único jogador que conheço nas cores preto e branco
… Pogba, porque ele não vive o futebol, ele o inventa
Hernanes, porque toda equipe precisa ter o próprio Profeta
… Lemina, simplesmente um da Juventus
… Padoin, joga onde o colocarmos e joga bem
… Asamoah, sua vontade de jogar futebol é mais forte que qualquer lesão
… Sturaro, “lutar, cair, levantar e sempre vencer”
… Pereyra, porque a fantasia é o sal deste esporte
… Zaza, nascido para fazer gol de qualquer lugar
… Morata, para ele, há sempre uma necessidade
… Cuadrado, porque sempre que sai correndo parece dizer “prenda-me se for capaz”
… Mandzukic, o primeiro atacar e o primeiro a defender
… Dybala, se depois de Thuram, Zidane e Pirlo, recebeu a camisa 21, há um motivo
… e ao treinador, um vencedor no templo da vitória!

Categoria: Campeonato Italiano, Futebol Europeu

Comentários

Enviar para o Kindle

‘Klopp Bowl’ é o principal duelo das quartas de final da UEL

18/03/2016 - 20:44 por

Ainda em 2014, quando comandava o Dortmund, Klopp foi até Anfield. Na oportunidade, os alemães acabaram derrotados Foto: Liverpool FC

Ainda em 2014, quando comandava o Dortmund, Klopp foi até Anfield. Na oportunidade, os alemães acabaram derrotados em um amistoso de pré-temporada
Foto: Liverpool FC

O sorteio das quartas de final da Uefa Europa League (UEL), realizado nesta sexta-feira (18), antecipou um duelo com peso de final. Após as bolinhas serem escolhidas, uma a uma, ficou decidido que Liverpool e Borussia Dortmund irão jogar por uma vaga nas semifinais do torneio europeu. A partida, além de toda a carga histórica, marca o reencontro de Jürgen Klopp com os Aurinegros.

Talvez nem mesmo Klopp esperasse encontrar os aurinegros tão cedo assim. É bom lembrar que o alemão não possui nem seis meses de Liverpool. Em entrevista coletiva, após eliminar o Manchester United pelas oitavas da UEL, o treinador brincou sobre enfrentar seu ex-clube. “Se eu quero enfrentar o Dortmund na próxima fase? Eu não sou tão bobo assim”, disse.

Títulos

The Westfalenstadion brings back great memories! #dortmundliverpool

Uma foto publicada por Jamie Carragher (@23_carra) em

Jamie Carragher, ex-jogador e agora comentarista, quando soube do confronto tratou de lembrar, através de suas redes sociais, que o Liverpool conquistou a antiga Copa da Uefa no Signal Iduna Park (casa do Dortmund). A taça veio na temporada 2000/01, com uma vitória ante o Alavés/ESP. Inclusive, a Copa da Uefa, atual UEL, é a única conquista europeia que o Dortmund não possui. A torcida alemã fez questão de lembrar que essa “figurinha” está faltando para o clube, em mosaico contra o Porto, na segunda fase da competição.

Entretanto, se o Liverpool foi campeão na casa do Dortmund, os Aurinegros podem dizer que levantaram uma taça em cima dos Reds. E é uma conquista bem especial para os alemães. Trata-se da Recopa da Europa, conquistada em 1966, primeiro título internacional do time amarelo e preto.

Melhor do que se lamentar por vermos um confronto tão badalado antes do que o previsto, é aproveitar esse mesmo duelo, na fase que for. A partida promete (e como!). Liverpool e Borussia Dortmund se enfrentam primeiro no dia 7/4, na Alemanha, e voltam a se encarar no dia 14/4, na Inglaterra.

Depois de Jamie Vardy, Leicester tem mais um jogador convocado para seleção inglesa

17/03/2016 - 14:48 por

Danny Drinkwater estará aà disposição para amistosos contra Alemanha e Holanda (Foto: Site Oficial)

Drinkwater foi convocado para amistosos contra Alemanha e Holanda (Foto: Site Oficial)

Prestes a protagonizar uma das maiores zebras da história do futebol, o Leicester vive fase tão extraordinária que seus jogadores começam a se beneficiar. Depois do artilheiro Jamie Vardy chegar à seleção inglesa, seu companheiro Danny Drinkwater também foi lembrado nesta quinta-feira (17) e recebeu sua primeira convocação para representar o país.

Drinkwater foi um dos 24 nomes chamados pelo técnico Roy Hodgson para representar a Inglaterra nos amistosos diante da Alemanha e da Holanda. Como preparação para a Eurocopa deste ano, a equipe duelará com estes adversários nos próximos dias 26 e 29, respectivamente.

Líder do Campeonato Inglês, o Leicester tem em Drinkwater um de seus destaques, ao lado justamente de Vardy, do francês Kanté, do argelino Mahrez e do japonês Okazaki. O meio-campista chegou a ter oportunidades na seleção sub-19 inglesa em 2009, quando ainda vestia a camisa do Manchester United, mas só agora chega ao time principal.

“Ele teve uma temporada fantástica em um time que está tendo uma temporada fantástica”, explicou Roy Hodgson nesta quinta. “Naquela área do campo, a competição é um tanto feroz. Nesta ocasião, eu achei que era uma oportunidade para trazê-lo e ver se ele pode reproduzir o tipo de futebol que tem mostrado pelo Leicester em nível internacional.”

Se ousou ao convocar Drinkwater, Hogson preferiu manter a base da seleção no restante da lista. Os principais destaques da Inglaterra estão do meio para frente, onde a equipe conta com nomes como Sterling, Harry Kane e Sturridge. Wayne Rooney, lesionado, segue de fora.

Confira a lista de convocados da seleção inglesa:

Goleiros: Jack Butland (Stoke City), Fraser Forster (Southampton), Joe Hart (Manchester City).

Defensores: Ryan Bertrand (Southampton), Gary Cahill (Chelsea), Nathaniel Clyne (Liverpool), Phil Jagielka (Everton), Danny Rose (Tottenham), Chris Smalling (Manchester United), John Stones (Everton), Kyle Walker (Tottenham).

Meio-campistas: Dele Alli (Tottenham), Ross Barkley (Everton), Eric Dier (Tottenham), Danny Drinkwater (Leicester), Jordan Henderson (Liverpool), Adam Lallana(Liverpool), James Milner (Liverpool), Raheem Sterling (Manchester City).

Atacantes: Harry Kane (Tottenham), Daniel Sturridge (Liverpool), Jamie Vardy (Leicester), Theo Walcott (Arsenal), Danny Welbeck (Arsenal).

Fonte: Agência Estado

Categoria: Campeonato Inglês

Comentários

Enviar para o Kindle

Homenagem a torcedor morto durante partida faz time e torcida do Borussia comover o mundo

14/03/2016 - 9:18 por

Jogadores do Borussia ficaram perfilados e torcida prestou homenagem (Foto: Site Oficial)

Jogadores do Borussia ficaram perfilados e torcida prestou homenagem (Foto: Site Oficial)

O time do Borussia Dortmund fez o dever de casa, nesse domingo (13), ao jogar no sempre lotado Signal Iduna Park; venceu o Mainz por 2 a 0 por mais uma rodada do Campeonato Alemão. Isso não é novidade, mas só que a sua torcida foi além.

Após anúncio da morte de um torcedor de 80, que estava nas arquibancadas, vítima de infarto, o time aurinegro seguiu jogando, mas em sinal de respeito ao fã, não comemorou o segundo gol da partida, feito pelo meia Kagawa.

Torcida do Borussia emociona o mundo (Foto: Site oficial)

Torcida do Borussia emociona o mundo (Foto: Site oficial)

O árbitro da partida sequer deu acréscimos no 2º tempo. E foi aí que veio o momento de maior comoção. Após o apito final, os 81 mil torcedores do Borussia aplaudiram e cantaram sua famosa música “You Will Never Walk Alone” – Você nunca caminhará sozinho, enquanto os jogadores se abraçaram perfilados em frente à massa.

Uma imagem que, com certeza, ficará guardada e eternizada na história do futebol. Pelo Facebook, o Borussia postou uma mensagem em homenagem ao torcedor que faleceu. “Durante o jogo, tivemos dois incidentes trágicos no estádio, em que dois torcedores tiveram de ser reanimados. Um, infelizmente, não conseguiu e morreu. Estamos muito tristes e nossos pensamentos estão com as famílias. A mensagem que nos chega do hospital é que a outra pessoa está aparentemente estável”.

Outro torcedor, de 55 anos, também infartou, mas foi socorrido a tempo e passa bem. Ele segue internado.

Categoria: Campeonato Alemão

Comentários

Enviar para o Kindle

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores