Galo do Tabuleiro motivado para enfentar o Bugre de Campinas

30/03/2011 - 10:50 por

 Visando o desafio desta quarta-feira (30), às 21 horas, no estádio Brinco de Ouro, em Campinas, diante do Guarani/SP, em partida válida pela 2ª fase da Copa do Brasil, o elenco do Horizonte fez uma movimentação tática no Centro de Treinamento da Ponte Preta. Para o confronto, o técnico Roberto Carlos não poderá contar com o zagueiro Da Silva. O defensor não se recuperou de uma entorse do tornozelo e foi vetado pelo médico do Clube.

Estão à disposição do treinador da equipe cearense 21 atletas. Com a saída de Da Silva, mais dois jogadores serão retirados da lista dos 18 relacionados, entre titulares e suplentes, que vão a campo encarar o “Bugre”. A equipe só deverá ser definida momentos antes da partida.
 

Obrigação de fazer gol

Devido a igualdade em 1 a 1 no jogo em Horizonte, o Galo do Tabuleiro terá que vencer a partida ou empatar com o placar acima de 2 gols. Um novo empate com apenas 1 gol leva a partida para a decisão em pênaltis.

Vale ressaltar que quem sair de campo classificado encara o Flamengo na 3ª fase, o que motiva não só os jogadores pela questão da visibilidade que o jogo proporciona como também os dirigentes pelo aspecto financeiro.
 

Motivação e união

Para o volante Júnior Cearense, capitão da equipe horizontina, estar disputando uma competição nacional é motivo para cada atleta se empenhar ao máximo dentro de campo. “Esse jogo contra o Guarani/SP tem uma importância não só para nós jogadores como para toda cidade de Horizonte. Nosso Clube tem apenas 7 anos de fundação mas já tem uma notoriedade no cenário nacional. Queremos ir mais adiante e estamos motivados e unidos para isso”, afirmou.
 

Desfalques no Bugre

O alviverde de Campinas vai para o jogo com pelo menos 5 desfalques. O técnico Vilson Tadei não poderá contar com o meia Rodrigo Paulista, que ainda cumpre suspensão, além dos zagueiros Aislan, Luis Gustavo e Guilherme. Os volantes Dadá, Ronaldo e Rodrigo César, e o meia Jefferson Luis seguem fora do time, vetados pelo Departamento Médico.
 

Focado na vitória

Embora possa jogar com a vantagem do empate sem gols, Vilson Tadei prefere não se prender aos critérios da Copa do Brasil. “Nós só temos a vantagem do empate em 0 X 0, então não dá para jogar com o regulamento nas mãos. Sabemos da qualidade da equipe do Horizonte e vamos entrar em campo em busca da vitória”, ponderou o treinador do Guarani/SP.

Categoria: Arquivo

Enviar para o Kindle

Posts relacionados

blog comments powered by Disqus

Time de fora?

Blog sobre futebol da editoria Jogada, do Diário do Nordeste.

Autores