Categoria: Cain Velásquez


14:45 · 19.07.2016 / atualizado às 14:46 · 19.07.2016 por
Amanda Nunes foi a grande estrela da noite ao conquistar o cinturão dos galos (Foto: AFP)
Amanda Nunes foi a grande estrela da noite ao conquistar o cinturão dos galos (Foto: AFP)

É para ficar de ‘queixo caído’! O Ultimate fez uma incrível seleção dos melhores golpes do UFC 200, edição disputada no último dia 9 de julho, em Las Vegas (EUA), que entrou para a história da Organização.

Na exibição, alguns dos principais lutadores do card principal e preliminar dão um show de técnica e performance. É o caso do ex-campeão da categoria peso-galo, TJ Dillashaw, que usou excelente estratégia para vencer o brasileiro Raphael Assunção, por decisão unânime dos juízes.

Outras cenas impressionantes ficam por conta da excelente exibição do ex-campeão dos pesados, Cain Velasquez, contra o americano Travis Browne (namorado de Ronda Rousey), destacando um potente chute rodado aplicado pelo mexicano e, ainda, a luta polêmica entre Brock Lesnar (sob suspeita de doping) e Mark Hunt, que terminou com vitória da ‘lenda viva’ do UFC.

Como não poderia deixar de ser, os brasileiros José Aldo e Amanda Nunes são os destaques principais do clipe. Aldo abusou da técnica contra Frank Edgar e conquistou o cinturão interino da categoria peso-pena, enquanto Amanda ‘Leoa’ Nunes massacrou Miesha Tate, faturando o primeiro tírulo de uma mulher brasileira no UFC (categoria peso-galo).

Confira as imagens em detalhes:

16:11 · 14.06.2015 / atualizado às 16:14 · 14.06.2015 por
O brasileiro conquistou o cinturão linear da divisão dos pesados (Foto: Reprodução)
O brasileiro conquistou o cinturão linear da divisão dos pesados (Foto: Reprodução)

A surpreendente vitória do brasileiro Fabrício Werdum sobre Cain Velásquez não lhe rendeu só cinturão linear dos pesos-pesados, mas também o prêmio de “Performance da Noite”. O “Vai Cavalo” ganhou um cheque de US$ 50 mil– cerca de R$ 155 mil- como bonificação pela atuação na luta principal do UFC 188, na madrugada deste domingo (14), na Cidade do México.

Além do brasileiro, o lutador Patrick Williams, que finalizou o mexicano Alejandro Pérez em apenas 23 segundos de luta, também faturou o mesmo prêmio. A “Luta da Noite” do UFC 188 foi entre Yair Rodrígues e Charles Rosa.

Fabrício Werdum derrotou Cain Velásquez aos 2 minutos do terceiro round, após encaixar uma bela guilhotina, se tornando assim o campeão linear da divisão dos pesados. Esta foi a primeira derrota por finalização na carreira do ex-detentor do cinturão.

Confira todos os resultados do UFC 188:

CARD PRINCIPAL

Fabricio Werdum venceu Cain Velásquez por finalização aos 2m13s do R3
Eddie Alvarez venceu Gilbert Melendez por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Kelvin Gastelum venceu Nate Marquardt por nocaute técnico (interrupção médica) aos 5m do R2
Yair Rodríguez venceu Charles Rosa por decisão dividida (28-29. 29-28 e 29-28)
Tecia Torres venceu Angela Hill por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)

CARD PRELIMINAR

Henry Cejudo venceu Chico Camus por decisão unânime (29-28, 30-27 e 30-27)
Efrain Escudero venceu Drew Dober por finalização aos 54s do R1
Patrick Williams venceu Alejandro Pérez por finalização aos 23s do R1
Johnny Case venceu Francisco Treviño por decisão unânime (triplo 30-27)
Cathal Pendred venceu Augusto Montaño por decisão unânime (triplo 29-28)
Gabriel Benítez venceu Clay Collard por decisão unânime (triplo 30-27)

08:27 · 14.06.2015 / atualizado às 08:27 · 14.06.2015 por
Werdum foi o segundo brasileiro a vencer o ex-campeão (Foto: Reprodução UFC)

O brasileiro Fabrício Werdum fez uma luta surpreendente contra o mexicano Cain Velásquez, na madrugada deste domingo (14), no UFC 188, na Cidade do México. Após conseguir suportar a pressão inicial e perder o primeiro round, o “Vai Cavalo” voltou para o combate mostrando uma trocação afiada e um melhor condicionamento físico. Com socos e joelhadas certeiras, o brasileiro abriu a guarda do rival e aos 2 minutos do terceiro round encaixou uma bela finalização, conquistando assim o cinturão unificado da categoria dos pesos-pesados (até 120 kg).

Werdum entrou sorrindo na arena, indicando que estava bem à vontade. Depois de suportar um início de combate com Velasquez aplicando bons golpes e impondo seu jogo, o brasileiro conseguiu aos poucos se soltar na parte em pé, usando especialmente fortes joelhadas no clinch.

Com o passar do duelo, Werdum mostrou maior resistência que o norte-americano, claramente cansado por conta da falta de ritmo de luta e da altitude de 2500 metros acima do mar que a Cidade do México possui. Após dois rounds de muita emoção, o Vai Cavalo conseguiu encaixar uma guilhotina em Velasquez no terceiro assalto, que não resistiu e bateu em desistência, selando a vitória do brasileiro, que sorria enquanto aplicava o golpe, antes mesmo do rival dar os três tapinhas.

“Vamos todos respeitar o Velásquez. Quero agradecer o Brasil, minha família, meus companheiros. Foi uma luta duríssima e, com certeza, teremos uma revanche. Treinei muito a guilhotina para defender essa queda. Eu represento o Brasil esse cinturão é para todos vocês”, comemorou o novo campeão.

Velasquez, por sua vez, lamentou a derrota na frente da torcida mexicana. “Perdão a todos vocês, que se esforçaram para estar aqui. Infelizmente não tem o que fazer: só treinar, seguir o caminho e voltar. Treinei durante duas semanas aqui e acho que não foi o suficiente”, disse após a luta.

Com a vitória, o Vai Cavalo se tornou o 10º brasileiro a conquistar o título linear da organização. Além da conquista do título, o gaúcho também se tornou o primeiro lutador a vencer o ex-campeão por finalização.
O Brasil agora possui três cinturões no Ultimate: Fabrício Werdum (pesados), Rafael dos Anjos (leves) e José Aldo (penas).

Confira todos os resultados do UFC 188:

CARD PRINCIPAL

Fabricio Werdum venceu Cain Velásquez por finalização aos 2m13s do R3
Eddie Alvarez venceu Gilbert Melendez por decisão dividida (29-28, 28-29 e 29-28)
Kelvin Gastelum venceu Nate Marquardt por nocaute técnico (interrupção médica) aos 5m do R2
Yair Rodríguez venceu Charles Rosa por decisão dividida (28-29. 29-28 e 29-28)
Tecia Torres venceu Angela Hill por decisão unânime (30-27, 30-27 e 29-28)

CARD PRELIMINAR

Henry Cejudo venceu Chico Camus por decisão unânime (29-28, 30-27 e 30-27)
Efrain Escudero venceu Drew Dober por finalização aos 54s do R1
Patrick Williams venceu Alejandro Pérez por finalização aos 23s do R1
Johnny Case venceu Francisco Treviño por decisão unânime (triplo 30-27)
Cathal Pendred venceu Augusto Montaño por decisão unânime (triplo 29-28)
Gabriel Benítez venceu Clay Collard por decisão unânime (triplo 30-27)

22:51 · 12.06.2015 / atualizado às 16:03 · 14.06.2015 por
Os lutadores fazem o combate principal da noite, valendo o cinturão unificado dos pesados (Foto: UFC)
Os lutadores fazem o combate principal da noite, valendo o cinturão unificado dos pesados (Foto: UFC)

Fabrício Werdum e Cain Velásquez ficaram frente a frente pela última vez antes do UFC 188, na Cidade do México. Os lutadores passaram pela pesagem oficial do evento e, em seguida, realizaram uma encarada séria e sem nenhuma provocação. Os lutadores fazem o combate principal da noite, valendo o cinturão unificado da categoria dos pesos-pesados.

O combate entre eles já deveria ter acontecido em novembro de 2014, no UFC 180, mas o mexicano, radicado nos EUA, sofreu uma lesão no joelho durante os treinamentos e acabou precisando ser retirado do card. Na época, o presidente do UFC, Dana White, resolveu escalar o neozelandês Mark Hunt para lutar contra Werdum, que se manteve card. O “Vai Cavalo” nocauteou o adversário no segundo round e se sagrou campeão interino da divisão.

Agora, o “Vai Cavalo” terá a oportunidade de conquistar o cinturão unificado dos pesos-pesados. No entanto, o duelo contra Velásquez já pode ser considerada a mais difícil da carreira do brasileiro.

Aos 32 anos, o campeão linear possui um cartel incontestável de 13 vitórias e apenas uma derrota, quando perdeu para Junior Cigano, em novembro de 2011. A única incerteza é de como o mexicano estará fisicamente no combate, já que ele não luta desde outubro de 2013.

Já Werdum, que também vive um excelente momento na carreira, vindo de cinco triunfos seguidos. Seu cartel é de 19 vitórias, 5 reveses e um no-contest (luta sem resultado).

Confira os comentários dos repórteres  Valdir Almeida e Levi de Freitas sobre  o UFC 188:

O UFC 188 será realizado na noite do próximo sábado. A primeira luta do card preliminar será entre o mexicano Gabriel Benitez e o americano Clay Collard, que está programada para ser realizada às 19h.

Confira o card completo:

CARD PRINCIPAL – 23h (de Brasília)
Peso-pesado: Cain Velásquez x Fabricio Werdum
Peso-leve: Gilbert Melendez x Eddie Alvarez
Peso-médio: Kelvin Gastelum x Nate Marquardt
Peso-pena: Charles Rosa x Yair Rodríguez
Peso-palha: Tecia Torres x Angela Hill

CARD PRELIMINAR – 19h (de Brasília)
Peso-mosca: Henry Cejudo x Chico Camus
Peso-leve: Drew Dober x Efrain Escudero
Peso-galo: Alejandro Pérez x Patrick Williams
Peso-leve: Johnny Case x Francisco Treviño
Peso-meio-médio: Augusto Montaño x Cathal Pendred
Peso-pena: Gabriel Benítez x Clay Collard

12:10 · 23.02.2015 / atualizado às 12:15 · 23.02.2015 por
O combate vale o cinturão unificado dos pesos-pesados (Foto: Reprodução UFC)
O combate vale o cinturão unificado dos pesos-pesados (Foto: Reprodução UFC)

O UFC anunciou oficialmente a data e local da luta entre o campeão interino dos pesos-pesados, Fabrício Werdum, e o campeão linear, Cain Velásquez. O combate, válido para ver quem fica com o cinturão unificado da categoria, será realizado no dia 13 de junho, na Cidade do México, na luta principal do UFC 188.

Werdum já havia antecipado através das redes sociais que a luta poderia acontecer neste dia. Nesta segunda-feira (23) o UFC espanhol divulgou o pôster oficial do evento, como o slogan: “Campeão x Campeão, só pode haver um”. Esta será a segunda defesa de cinturão de Velásquez, desde que faturou o título na luta contra o brasileiro Junior Cigano, em dezembro de 2012.

A luta entre o brasileiro e o americano de ascendência mexicana deveria ter acontecido em novembro do ano passado, no UFC 180. No entanto, Velásquez sofreu uma lesão no joelho e precisou ser retirado do card.

Na ocasião, a organização criou um cinturão interino da divisão e substituiu o campeão por Mark Hunt na luta contra Werdum. O “Vai Cavalo” nocauteou o neozelandês e tornou-se campeão interino da categoria.

 

09:53 · 16.01.2015 / atualizado às 09:57 · 16.01.2015 por
O brasileiro vem de cinco vitórias e vai lutar pelo cinturão unificado da categoria (Foto: Reprodução UFC)
O brasileiro vem de cinco vitórias e vai lutar pelo cinturão unificado da categoria (Foto: Reprodução UFC)

A divisão dos pesados do UFC finalmente deve conhecer quem ficará com o cinturão unificado. O campeão interino, Fabrício Werdum, e o campeão linear, Cain Velásquez, irão se enfrentar no próximo dia 13 de junho, na Cidade do México, na luta principal do UFC 188.

O combate ainda não foi divulgado oficialmente pela organização, mas o brasileiro publicou, em sua página pessoal no facebook, um banner com a data da luta. “Vamos com tudo. Ali estaremos mais uma vez”, escreveu o lutador na legenda.

O duelo entre Werdum e Velásquez estava marcado para o UFC 180, em novembro do ano passado, também na Cidade do México. No entanto, o americano de ascendência mexicana se lesionou durante os treinamentos e acabou sendo retirado do card.

Na ocasião,  o Vai Cavalo acabou ganhando um novo oponente, o neozelandês Mark Hunt. Werdum nocauteou Hunt e conquistou o título interino dos pesos-pesados.

O resultado manteve o brasileiro em uma boa sequencia de cinco vitórias. A última derrota foi em 18 de junho de 2011, ainda no evento Strikeforce, para Alistair Overeem. O cartel de Werdum soma é de 19 triunfos, 5 reveses e um empate.

Já Velásquez, não sobe no octógono desde outubro de 2013, quando venceu a revanche contra o brasileiro Junior Cigano e manteve o cinturão dos pesados. Seu cartel é de 13 vitórias e apenas uma derrota.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Vai Encarar

Blog da seção Vai Encarar, da editoria Jogada, sobre lutas e artes marciais, especialmente cobertura sobre UFC.

VC REPÓRTER

Flagou algo? Envie para nós

(85) 98948-8712

Tags