Busca

Categoria: Muai-thay


14:41 · 07.07.2016 / atualizado às 14:42 · 07.07.2016 por

13512248_866414303464547_3152242428039241824_nA terceira edição do RAM Muay Fight Championship irá levar neste sábado (9), bons combates e o desavio entre dois estados para os amantes do Muay Thai. A edição ainda terá 7 lutas de atletas do Ceará contra Rio Grande do Norte e e três lutas do Ceará contra o Pernambuco.

O evento será promovido no Colégio Teles 2, no Bairro Passaré. Os ingressos custam 20 reias e já podem será adquiridos no CT Mascote (Avenida Bernardo Emanuel nº 9229).

 

 

 

 

 

Veja os CARDs semiprofissional e semiprofissional:

SEMIPROFISSIONAL
-Speto (União Fight) Vs Matheus Leandro (V8/Rede Cuca) 61kg;
-Henrique (Imperial Fight) Vs Renan (New Level) 55kg;
-Anderson Ribeiro (Black Thai) VS Robson Sousa (Team Mascote) 65 kg;
-Leandro Suricate (Gold Team) Vs Hugo Tartaruga (Gmy-Rn)-61kg
-Gabriel Ramos (EGBTTEAM) Vs Rafael Dias (60 Kg)Juvenil;
-Fernando Magão Vs Rogério Gomes (Aguia de Cristo) 60 kg;
-Franklin Cesar(Gladiadores Yop Fight) Vs Wagner Sales (Águias de Cristo) 65 kg;
-Lucas Chocolate (Dragon Fight) Vs Artur Ketchup (KZN – RN) ) 67 kg;
-Vitor Silva (Black Tiger – PE) Vs Magayver (Dragon Fight) 58kg;
-Wesley Peixe (Dragon Fight) Vs Luanzinho (SrikeTeam);
– Alex (Dragon Kombat) Vs Gabriel Albano (Galdiadores Top Fight);
– Pedro Leoncio (Thai Strike) Vs Cleilson (Team Brasil Thai) 65 kg;
– Joao vitor (Dragon Fight) vs Rogerio (Aguias de Cristo)60kg

PROFISSIONAL

– Divino (Ring Strike) Vs Guido Silva (Black Tiger – PE) 60 kg;
-Gege (Rinos Top Team) Vs -Junior Felix (Thai Brothers); 70 kg;
-Célio Terceiro (Pitbull Brothers) Vs Jose Arly (Pernambuco) 70 kg;
– Gorilão (Team Mascote) Vs Prof Carlinhos (Thai Brothers – RN) 82 kg;
– Ítalo Cyborg (Dragon Fight) Vs Carlinhos (KZN-RN) 57 kg;

12:15 · 09.11.2015 / atualizado às 12:15 · 09.11.2015 por
Carlos Índio irá ministrar as aulas para as crianças no Shopping Parangaba. (Foto: Arquivo Diário)
Carlos Índio irá ministrar as aulas para as crianças no Shopping Parangaba. (Foto: Arquivo Diário)

O Shopping Parangaba, no bairro de mesmo nome, irá abrir suas portas para a criançada e para as artes marciais. Na tarde da próxima terça-feira (10), às 16h, o empreendimento irá lançar o Projeto de Responsabilidade Social “Levante e Lute”, que irá oferecer aulas gratuitas de Jiu-Jitsu e Muay Thay para crianças de 6 a 13 anos que estejam matriculadas na Rede Muncipal de Ensino de Fortaleza.

Segundo a organização do evento, o objetivo é promover a melhoria da socialização, da saúde e da autoestima de crianças carentes através das artes marciais. “Queremos verdadeiramente contribuir para transformar a vida dessas crianças, por isso será feito um acompanhamento da vida escolar de cada criança, verificando seu desempenho e assiduidade”, complementa o gerente de Marketing do Shopping Parangaba, Felipe Bahiana.

O shopping contará com o apoio logístico e educacional de uma equipe de Muay Thay, a Dragon Fight, e de uma equipe de Jiu-Jitsu, a Nova União – o mesmo grupo do atual campeão da categoria peso pena do Ultimate Fighting Championship (UFC), José Aldo Júnior, e do cearense Caio Magalhães. O instrutor das atividades será o campeão do Brazilian King Fighter (BKF), Carlos Índio.

As aulas vão acontecer no piso L1 do shopping, ao lado do Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC), todas as terças e quintas-feiras, entre 16h e 18h. A expectativa da organização é de formar turmas de, no máximo, 20 crianças.

13:06 · 12.08.2015 / atualizado às 13:15 · 12.08.2015 por
No torneio, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas da luta em pé (Foto: Reprodução)
No torneio, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas da luta em pé (Foto: Reprodução)

O fim de semana vai ser de muita luta em Fortaleza. Atletas iniciantes e amadores participarão da Copa K-1 Fight, que será realizada a partir das 9h30 deste domingo (16), no Ginásio Poliesportivo da Parangaba, localizado na Avenida Gen. Osório de Paiva.

Segundo o lutador Neto “Fúria”, um dos organizadores do evento, a Copa K-1 terá um total de 30 lutas casadas. Cada duelo terá três rounds de dois minutos.

“O objetivo do campeonato é abrir espaço para os praticantes de nível iniciante e descobrir novos talentos na arte com várias equipes cearenses”, destacou Fúria.

Nos combates, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas provenientes da luta em pé, como o muay thai e Kickboxing. Os vencedores de cada luta faturam medalhas e kits promocionais do evento.

A entrada custa R$ 10 + um quilo de alimento. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do próprio ginásio.

Serviço:
Copa K1 Fight
Local: Ginásio Poliesportivo da Parangaba – Av. Gen. Osório de Paiva
Data: 16/08 – a partir das 9h30
Ingresso: R$ 10 + 1 kg de alimento não perecível
Mais informações: (85) 99900.8863/ 98860.1570

10:49 · 28.05.2015 / atualizado às 10:49 · 28.05.2015 por
Naja é
Naja é o atual campeão do LFC, outra tradicional evento do Estado (Foto: Reprodução)

O lutador Leandro “Naja”, campeão do Limo Figth Championship (LFC), voltará ao octógono cearense para mais um desafio, desta vez no muay thai. Representante a Dragon Fight, o atleta irá enfrentar Thyago “Psycho” na luta principal do RMFC Muay Thai, um dos maiores eventos da modalidade no Ceará.

Além de Naja x Psyco, o RMFC ainda contará com mais 9 lutas profissionais e 30 combates amadores. Destaque para Bruno Teófilo, 3º colocado no Mundial de Muay Thai, realizado na Tailândia. O atleta da Team Nogueira irá encarar Iamik Furtado no co-evento da noite.

O RMFC será realizado no próximo dia 20 de julho, no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), no Castelão. O lançamento oficial do evento será realizado no próximo sábado (30), no ‘Oficina Bar’, com a presença de todos os participantes do torneio.

Confira o card profissional:

70 kg: Leandro Naja x Thiago Psycho
66 kg: Bruno Teófilo x Iamirk Furtado
75 kg: GG x Nono Bala
66 kg: Invergado Thai x Gegê
85 kg: Elano Negão x Velton Kong
75 kg: Gugu x Jacaré
57 kg: Dari Barreto x Rossane Tirano
61 kg: Anastácio Junior x Wesley Peixe

Serviço:

RMF Muay Thai Champinship
Local: Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU)
Data: 20 de julho
Horário: 8h às 14h (torneio amador) – a partir das 19h (torneio profissional)
Informações: (85) 8623-2613 – (85) 9918-6375

12:08 · 18.05.2015 / atualizado às 13:14 · 18.05.2015 por
O polêmico vídeo causou revolta entre os lutadores e professores da modalidade (Foto: Reprodução Facebook)
O polêmico vídeo causou revolta entre os lutadores e professores da modalidade (Foto: Reprodução Facebook)

O vídeo de um violento treino de muay thai causou polêmica nas redes sociais e revolta entre os praticantes da modalidade. Nas imagens, o treinador de uma academia paulista agride os alunos, desferindo uma sequência de socos no rosto de homens e mulheres. Os atletas devem ficar parados e não podem esboçar nenhuma defesa.

Após o compartilhamento do vídeo, diversos lutadores profissionais repudiaram a atitude do treinador. O campeão dos pesos-leves do UFC, Rafael dos Anjos, classificou o ato como criminoso.

“Um sujeito desse tem que ser preso! Ele coloca a vida dos alunos em risco”, comentou o ‘Dos Anjos’ ao compartilhar o vídeo em seu perfil no twitter.

O lutador cearense Elinardo “Goiabinha”, campeão mundial de muay thai, também reprovou a ação do treinador. O cearense, que já participou de dois intercâmbios na Tailândia, berço da modalidade, comentou que este não é um treino padrão para o esporte.

“Creio que os treinadores que adotam esses treinos violentos não sabem o que estão fazendo. Não existe isso. Os alunos devem ficar sempre atentos e procurar saber qual o histórico das academias onde irão treinar”, ressaltou.

O autor do polêmico treinamento é o professor Fernando Nogueira, que justificou, em entrevista ao ‘UOL Esporte’, que este método é utilizado normalmente com atletas antes das lutas.

“Aquele tipo de treino não é inovador, é feito em partes da nossa equipe, mas não é feito frequentemente. É para os lutadores que estão a caminho de entrar em competição, com cerca de um mês para lutar. Eles sabem que está dentro dos padrões de treino e tiveram a possibilidade de fazer ou não. Mais de 60% não fez. Mas os 40% que quiseram fazer, fizeram. Jamais tive problema com alunos lesionados, ou coisa desse tipo. Foi um treino de nível alto, mas para quem está de fora pode assustar”, comentou Fernando.

Confira a agressão durante o treinamento:

Segundo o treinador, a cena foi gravada há cerca de dois meses e não deveria ter sido exposta. Ele defende que, como professor, sabe os limites em que pode trabalhar.

“Sei do limite dos meus alunos, aquilo é feito com cuidado. No vídeo, percebi que as pessoas estão dando muita ênfase em uma pessoa que está falando, como se estivesse narrando. Eu nem percebi na hora, estava focado em não machucar ninguém. Ali, todos estavam de protetor bucal, e eu evitei golpes na região do nariz e do queixo, que sei que causam lesões. Pode parecer que são socos extremamente fortes, mas é por isso que é um professor que fez. De fora, pode chocar, infelizmente”, completou.

O professor de artes marciais Munil Adriano, mestre de Fernando Nogueira, reprovou os métodos adotados por seu pupilo. “Eu abomino o vídeo, não é o tipo de treino que passo. O que se vê ali não é a minha metodologia de treino”, afirmou.

07:31 · 17.03.2015 / atualizado às 07:46 · 17.03.2015 por
Aos 30 anos, esta foi a 2ª participação do lutador na competição (Foto: Reprodução Facebook)
Aos 30 anos, esta foi a 2ª participação do lutador na competição (Foto: Reprodução Facebook)

Dois cearenses foram destaques no Campeonato Mundial de Muay Thai, realizado em Bangkok, na Tailândia. O lutador Elinardo Xavier “Goiabinha” se sagrou campeão da categoria Pro-Am, que é a modalidade disputada com caneleiras e cotoveleiras, até 71 kg.

Bruto Teófilo, companheiro de treinos de Goiabinha na academia Team Nogueira, conquistou o 3º lugar na categoria até 67 kg, ficando com a medalha de bronze da competição.

“Quero agradecer a Deus por esse título. Só ele sabe as dificuldades que passamos pra chegar aqui, pois foi nada fácil. Deus me deu essa oportunidade e então agarrei com todos as força que tinha. Este título é nada mais nada menos de todos nós, que representamos nosso Ceará”, disse o cearense através de sua página pessoal no Facebook.

Além de Bruno Teófilo e Elinardo Goiabinha, os brasileiros Victor Santos, Ygor Nogueira e Jussemar Noskoski também conquistaram a medalha de ouro no Mundial.

08:36 · 24.08.2014 / atualizado às 12:10 · 24.08.2014 por
Dos Anjos chegou ao seu 7º triunfo, em 8 combates (Foto: Reprodução Facebook)
Dos Anjos chegou ao seu 7º triunfo, em 8 combates (Foto: Reprodução Facebook)

Os lutadores brasileiros tiveram boa participação no UFC Fight Night, na noite do último sábado (23), em Tulsa (EUA). Dos quatro que estiveram em ação, três saíram vencedores, com destaque para a vitória de Rafael dos Anjos sobre o ex-campeão peso leve Ben Henderson, na luta principal do evento.

Dos Anjos, que é faixa-preta de jiu-jitsu, mostrou que está com seu muay thai cada vez mais afiado e precisou de apenas um round para nocautear o americano. Esta foi a 7ª vitória de Rafael, nos últimos 8 combates (a única derrota foi para o russo Khabib Nurmagomedov).

Outro especialista no jiu-jitsu que fez um grande combate em pé foi o carioca Thales Leites. Com uma sequencia fortes de golpes, o brasileiro nocauteou o francês Francis Carmont, no 2º round, pela categoria dos pesos-médios (até 84kg).

Já nos pesos-moscas (até 57kg), Wilson Reis venceu o americano Joby Sanchez, por decisão unânime dos jurados. O único revés entre os brasileiros foi o de Valmir Lázaro, que fez sua estreia na organização. O peso-leve vinha de 11 vitórias, mas acabou sendo dominado e perdeu para para o americano James Vick por decisão unânime dos juízes.

Confira todos os resultados do UFC Tulsa

CARD PRINCIPAL

Rafael dos Anjos venceu Ben Henderson por nocaute aos 2m31s do round 1
Jordan Mein venceu Mike Pyle por nocaute técnico a 1m12s do round 1
Thales Leites venceu Francis Carmont por nocaute aos 20s do round 2
Max Holloway venceu Clay Collard por nocaute técnico aos 3m47s do round 3
James Vick venceu Valmir Lázaro por decisão unânime (29 a 28, 30 a 27 e 29 a 28)
Chas Skelly venceu Tom Niinimaki por finalização (mata-leão) aos 2m25s do round 1

CARD PRELIMINAR

Neil Magny venceu Alex Garcia por decisão unânime (29 a 28, 30 a 27 e 30 a 27)
Beneil Dariush venceu Tony Martin por finalização (katagatame) aos 3m38s do round 2
Matt Hobar venceu Aaron Phillips por decisão unânime (triplo 29 a 28)
Ben Saunders venceu Chris Heatherly por finalização (omoplata) aos 2m18s do round 1
Wilson Reis venceu Joby Sanchez por decisão unânime (triplo 29 a 28)

10:47 · 21.08.2014 / atualizado às 10:47 · 21.08.2014 por
Rodrigo Minotauro esteve presente na última graduação da academia (Foto: Holanda Júnior)
Rodrigo Minotauro esteve presente na última graduação da academia (Foto: Holanda Júnior)

A Team Nogueira realiza, no próximo sábado (23), exame de graduação para todas as artes marciais ministradas na academia. Ao todo, mais de 100 alunos farão teste de nível, entre as modalidades Karatê, jiu-jitsu, Krav Magá, Taekwondo, judô, Ladies Camp, boxe e muay thai.

Na oportunidade, a Team Nogueira fará, também, uma homenagem à Cruz Vermelha do Ceará pelo trabalho que vem sendo realizado no Estado. O Fortaleza Esporte Clube, representado pelo diretor de marketing, Fábio Mota, estará representando o clube, devido à parceria que de patrocínio a atletas que foi fechada entre as instituições.

O atleta Danilo Mota, um dos detentores do cinturão do Limo Fight, também estará presente na graduação.

17:18 · 17.09.2013 / atualizado às 17:18 · 17.09.2013 por
Delegação cearense foi pequena, mas garantiu excelentes resultados no MS (Foto: Divulgação)
Delegação cearense foi pequena, mas garantiu excelentes resultados no MS (Foto: Divulgação)

O Muay Thai cearense está comemorando os grandes resultados obtidos no último fim de semana, no Campeonato Brasileiro realizado na cidade de São Gabriel do Oeste, no Mato Grosso do Sul. A delegação formada por quatro atletas desembarcou nesta terça-feira, em Fortaleza, com três medalhas, sendo duas de ouro.

De acordo com o chefe da delegação, Evilázio Feitosa, o desempenho dos atletas do Ceará chamou a atenção das autoridades da Confederação do Brasil de Muay Thai (CBM).   Fábio “Buakaw” Rufino e Déborah Braga conquistaram o ouro cada um em suas respectivas categorias e  Régis “Barruada” conquistou o bronze.

09:01 · 07.03.2013 / atualizado às 12:06 · 07.03.2013 por

Muay Thai

Cearenses serão o Brasil na Tailândia

Grupo de lutadores cearenses tem que superar desafios bem antes de encarar rivais no Mundial, em Bangkoc

MOACIR FÉLIX
REPÓRTER

A histórica frase criada pelo escritor Euclides da Cunha: “O sertanejo é, antes de tudo, um forte”, já citada inúmeras vezes, se adequa como uma luva aos atletas cearenses, que do berço trazem a raça e coragem do sertanejo.

Exemplo disso, são os lutadores de muay thai, Elinardo Goiabinha, Rodrigo Tabata, Fernando Esteves e Ricardo Koreano. O quarteto teve que se “rebolar” a fim de juntar dinheiro suficiente para custear as passagens e garantir presença no Campeonato Mundial. A competição acontecerá de 12 a 23 deste mês, em Bangkok, a capital da Tailândia.

Rodrigo Tabata chegou a vender chocolate, e Elinardo Goiabinha a comercializar camisas para poder financiar viagem e competir internacionalmente FOTO: KELLY FREITAS

“Eu tive que vender trufas de chocolate e camisas no colégio e nos cruzamentos da cidade para reunir a grana para viajar”, revelou o atleta Rodrigo Tabata.

E Tabata teve a ajuda do pai, Rogério Tavares. “Como trabalho de vigilante, e não tenho condição financeira para arcar com os custos dessa viagem, dei uma força nas vendas, visitei empresários. E juntos conseguimos reunir cinco mil reais para as passagens. E ainda estamos na luta pela grana para a hospedagem”, ratificou Rogério Tavares.

O papo com Tabata, Rogério e Elinardo rolou na terça-feira passada, à tarde, no tatame da Fênix Fire, no Náutico Atlético Cearense (Beira-Mar).

Presentes

Do quarteto que viaja, sábado (9), para a Tailândia, estavam no Náutico apenas Tabata e Elinardo. “O Fernando não pôde vir e o Koreano já está no Rio de Janeiro, onde realiza um período de treinamento antes de viajar”, disse Elinardo Goiabinha.

“Antes de me dedicar às lutas e ao muay thai, trabalhava como mecânico”, disse Goiabinha, que também recorreu à venda de camisas a fim de arrecadar dinheiro para a viagem à Tailândia.

“No ano passado, nós também conseguimos a classificação para o Mundial, e não disputamos a competição porque não conseguimos passagens”, acrescentou Goiabinha, 28 anos, sendo 14 como lutador, e dono de um título brasileiro profissional na categoria leve, até 71 quilos.

Apoio difícil

O pai de Tabata, Rogério, confessou que é difícil para o lutador de muay thai e de MMA em Fortaleza conseguir apoio para disputar as competições. “Alguns empresários ajudam com 50, 100 reais, mas não aparece um patrocínio forte, que dê condição do atleta se dedicar aos treinos, viajar para competir sem problemas”.

Tabata, 19 anos de idade, atleta da categoria leve/71kg, já ostenta os títulos de campeão semiprofissional e juvenil.

“No início de janeiro de 2012, Rodrigo recebeu convite para treinar na Academia Nova União, do José Aldo e do técnico André Pederneiras. Ele foi aprovado, mas resolveu concluir o curso técnico de contabilidade – exigência da mãe, dona Luciana Garcia”, falou Rogério Tavares.