Categoria: Notícia


07:27 · 15.08.2015 / atualizado às 10:44 · 15.08.2015 por
Andrezinho sofre, mas vence Paulo Magão (Foto: Valdir Almeida)
Andrezinho sofre, mas vence Paulo Magão (Foto: Valdir Almeida)

Quem compareceu ao ginásio do Náutico Cearense na noite desta sexta-feira (15) pode acompanhar um verdadeiro espetáculo de MMA. A 5ª edição do Brazilian King Fighter (BKF) foi marcada por grandes combates e duas disputas de cinturão.

Na luta principal, o campeão dos pesos-penas Andrezinho Nogueira fez um duelo empolgante contra Paulo Magão. O lutador iniciou o combate pressionando e logo no início do primeiro round aplicou uma sequencia de soco, que levou Magão para o chão. Por cima, Andrezinho aplicou golpes no ground pound e por pouco não acabou com a luta.

Magão mostrou resistência e veio para o segundo round melhor. Ele conseguiu conectar um forte chute alto, no rosto de Andrezinho. No entanto, quando Paulo Magão estava melhor, o representante da Team Nogueira reverteu a posição, ficou por cima e desferiu uma sequencia de socos no rosto do rival. O árbitro interrompeu o combate e decretou a vitória por nocaute técnico para Andrezinho, que chegou ao 19º triunfo na carreira e manteve o cinturão do BKF.

Atuação impecável de Carlos Índio 

Carlos Índio conquistou a 35ª vitória na carreira (Foto: Bruno Gomes)
Carlos Índio (esquerda) conquistou a 35ª vitória na carreira (Foto: Bruno Gomes)

O combate co-principal do evento foi uma disputa entre experiência e juventude. Com 44 lutas no cartel, Carlos Índio enfrentou o jovem Mailton Azevedo e não deu chances ao adversário.

Após um primeiro round avassalador, onde Índio massacrou Mailton com fortes socos no rosto, o atual campeão dos meio-médios conseguiu uma finalização no início do 2º round e decretou a vitória. Esta foi a terceira defesa de título bem sucedida de Carlos Índio, que tem agora 35 vitórias na carreira.

Danilo Mota e Naja vencem

Antes dos duelos pelos cinturões, outras feras do MMA cearense subiram no octógono e protagonizaram grandes duelos. Destaque para Danilo Mota, da equipe V8, que encarou Alexandre Colosso e com uma sequencia de socos conseguiu a vitória por nocaute técnico.

No fim, Danilo agradeceu ao rival que aceitou o desafia às vésperas do combate. “Meu adversário foi trocado na última hora, mas eu estava bem treinado e consegui sair com a vitória. Ele também foi um guerreiro e eu tenho muito a agradecer”, destacou o lutador.

O antigo adversário de Danilo Mota, o sobralense Carlos Estevão, enfrentou Leandro Naja. A luta não empolgou os lutadores foram vaiados pela torcida. Com uma atuação bem abaixo do esperado, Leandro Naja mostrou superioridade principalmente no jiu-jítsu e manteve em cima por boa parte do combate. No fim, veio a vitória por decisão unânime dos juízes para o lutador da Dragon Fight Nova União.

Confira todos os resultados do BKF 5:

Andrezinho Nogueira venceu Paulo Magrão por nocaute técnico no 2º round
Carlos Índio venceu Mailton Azevedo por finalização no 2º round
Danilo Mota venceu Alexandre Colosso por nocaute técnico no 1º round
Leandro Naja venceu Carlos Estevão por decisão unânime
Lucas Tortuga venceu Davi Ferreira por finalização no 1º round
Sasso Oliveira venceu Glefeson GG por nocaute técnico no 1º round
Antônio Pedreira venceu Baiano por finalização no 2º round
Fernando Germano venceu Israel Oliveira por nocaute no 1º round
Lucas Calou venceu Carlos Doido por decisão unânime
Alexandre Scarface venceu Nilton Menezes por desqualificação (joelhada irregular)
Regina Pereira venceu Amanda Carvalho por nocaute técnico no 1º round

14:02 · 12.08.2015 / atualizado às 14:02 · 12.08.2015 por
A cearnse estreia contra a russa Julia Borisova (Foto: Reprodução Facebook)
A cearense estreia contra a russa Julia Borisova (Foto: Reprodução Facebook)

Mais uma lutadora cearense assinou contrato para lutar no Xtreme Fight Championship internacional (XFCi). Após o sucesso de Viviane Sucuri, que foi campeã do GP peso-palha do XFCi, a peso-mosca Ilara Joanne confirmou que vai lutar na organização internacional de MMA.

A lutadora exibiu nas redes sociais a foto de seu contrato com o evento. “Contrato em mãos. XFCi aqui vou eu. Obrigado meu Deus!”, publicou a atleta.

Ilara Joanne estreia no próximo dia 19 de setembro, pelo Grand Prix (GP) feminino peso-mosca, em São Paulo. A Adversária será a russa Julia Borisova.

A cearense vem de duas vitórias seguidas sobre Yelka Torres, no Bitetti Combat, em junho de 2014, e Regina Pereira, em maio deste ano, pelo Limo Fight Champioship (LFC).

13:39 · 12.08.2015 / atualizado às 13:44 · 12.08.2015 por

Andrezinho Nogueira não esconde que um dos seus maiores orgulhos é o projeto social Luta pela Vida. O lutador já coordena a ação há sete anos dando aulas gratuitas de várias modalidades de artes marciais para cerca de 100 crianças e adolescentes.

Na última terça-feira (11) Andrezinho esteve, juntamente com seus alunos, no tatame montado no Shopping Parangaba. Na ocasião, os atletas exibiram exercícios iniciais de quatro modalidades de lutas: judô, jiu-jitsu, muay thai e MMA.

Cerca de 100 crianças e adolescentes estiveram no Shopping Parangaba (Divulgação)
Cerca de 100 crianças e adolescentes estiveram no Shopping Parangaba (Divulgação)

“Eu sou apaixonado pela artes maciais desde criança e quis apresentar isso a outras pessoas. Vi que era uma ferramenta que eu poderia ajudar o próximo por meio dos ensinamentos e exercícios para quem não pode pagar”, conta o lutador.

De acordo com ele, o objetivo é transformar a vida dessas crianças e adolescentes por meio do esporte. ”É importante perceber como eles podem ter uma perspectiva de futuro, tanto como professor, quanto como atleta”, orgulha-se.

É esse o caso de Samuel Ricardo Sousa, 21, um dos alunos do projeto que estiveram presentes na apresentação no Shopping Parangaba. “Eu estou no Luta pela vida desde o começo. Me apaixonei pelo esporte e hoje não me vejo fazendo outra coisa da vida”. O jovem atualmente é professor de Judô e cursa o sexto semestre da faculdade de Educação Física. Outro fruto do projeto é o faixa-preta Alan Gomes, que atualmente está no Rio de Janeiro e segue invicto em disputas de sua categoria no MMA.

Para Felipe Bahiana, gerente de marketing do Shopping Parangaba, é gratificante receber os lutadores e viabilizar a ação. “O projeto social de André é belíssimo e o Shopping sempre buscou incentivar a pratica de esportes. Procuramos também apoiar os grandes eventos como o BKF, além de incentivar os atletas”, afirma. Segundo Andrezinho, a parceria é importante e possibilita divulgar o trabalho desenvolvido por ele e sua equipe. “É importantíssimo que todos percebam como o esporte pode ser revolucionário na vida de alguém”, conclui.

13:06 · 12.08.2015 / atualizado às 13:15 · 12.08.2015 por
No torneio, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas da luta em pé (Foto: Reprodução)
No torneio, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas da luta em pé (Foto: Reprodução)

O fim de semana vai ser de muita luta em Fortaleza. Atletas iniciantes e amadores participarão da Copa K-1 Fight, que será realizada a partir das 9h30 deste domingo (16), no Ginásio Poliesportivo da Parangaba, localizado na Avenida Gen. Osório de Paiva.

Segundo o lutador Neto “Fúria”, um dos organizadores do evento, a Copa K-1 terá um total de 30 lutas casadas. Cada duelo terá três rounds de dois minutos.

“O objetivo do campeonato é abrir espaço para os praticantes de nível iniciante e descobrir novos talentos na arte com várias equipes cearenses”, destacou Fúria.

Nos combates, os lutadores poderão utilizar apenas técnicas provenientes da luta em pé, como o muay thai e Kickboxing. Os vencedores de cada luta faturam medalhas e kits promocionais do evento.

A entrada custa R$ 10 + um quilo de alimento. Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do próprio ginásio.

Serviço:
Copa K1 Fight
Local: Ginásio Poliesportivo da Parangaba – Av. Gen. Osório de Paiva
Data: 16/08 – a partir das 9h30
Ingresso: R$ 10 + 1 kg de alimento não perecível
Mais informações: (85) 99900.8863/ 98860.1570

09:17 · 11.08.2015 / atualizado às 09:17 · 11.08.2015 por
O duelo vale o cinturão unificado dos pesos-penas (Foto: Reprodução)
O duelo vale o cinturão unificado dos pesos-penas (Foto: Reprodução)

A tão aguardada luta entre José Aldo e Conor McGregor já tem uma nova data para acontecer. O presidente do UFC, Dana White, confirmou, em entrevista ao Yahoo Sports, que o duelo será realizado no dia 12 de dezembro, no UFC 194, no MGM Grand Gardem Arena, em Las Vegas (EUA).

A declaração do mandatário surge dias depois de o ex-lutador Tito Ortiz, atual empresário de Cris Cyborg, garantir que o UFC havia oferecido para a brasileira uma luta contra Ronda Rousey, campeã do peso-galo, para o UFC 194. A luta, segundo Ortiz, seria realizada no estádio do Cowboys, no Texas.

“Para mostrar que Tito Ortiz não faz ideia do que ele está falando, nós sequer vamos fazer o evento em Dallas, Texas. O UFC 194 será no MGM, em Las Vegas. Isso mostra que Tito está falando besteira. O acordo com a Cyborg é que nós dissemos para ela bater 61,2 kg e aí nós poderíamos falar sobre ela enfrentar a Ronda e eles ainda não fizeram isso! Eles ainda estão falando sobre lutar em 63,5 kg na próxima luta dela no Invicta. O que há de errado com essas pessoas? E nós já falamos que a Ronda iria enfrentar a Miesha Tate em seguida e é isso que vamos fazer”, declarou Dana White.

A luta entre José Aldo e Conor McGregor vale o cinturão unificado dos pesos-penas. O combate já era para ter ocorrido no dia 11 de julho deste ano, no UFC 189, mas o brasileiro sofreu uma lesão na costela e precisou ser retirado do card.

O irlandês enfrentou o americano Chad Mendes, conseguiu um nocaute e faturou o título interino da divisão. José Aldo vai para sua oitava defesa do cinturão dos penas.

12:07 · 06.08.2015 / atualizado às 12:07 · 06.08.2015 por
Vitor Miranda vem de duas vitórias seguidas por nocaute (Foto: Reprodução)
Vitor Miranda vem de duas vitórias seguidas por nocaute (Foto: Reprodução)

O lutador do UFC Vitor Miranda vem a Fortaleza, nesta sexta-feira (6), para ministrar dois seminários de artes marciais na Academia Team Nogueira. O vice-campeão do TUF Brasil ainda receberá os fã para uma noite de autógrafos.

O investimento para participar do seminário é R$ 60 para o público geral e R$ 40 para alunos matriculados na Team Nogueira. As inscrições podem ser feitas na própria academia.

Vitor Miranda, de 36 anos, vem de vitória, no último sábado (1º), no UFC 190, no Rio de Janeiro. O catarinense nocauteou o americano Clint Hester aos 2 minutos do 2º round.

O triunfo foi o segundo seguido do atleta da Team Nogueira. Antes, em dezembro do ano passado, ele havia vencido o americano Jake Collier, também por nocaute.

O lutador foi contratado pelo Ultimate após ser finalista da categoria peso-pesado do TUF Brasil 3, em 2014. Na final, foi derrotado por Antônio Cara de Sapato.

SERVIÇO
Seminário com lutador Vitor Miranda
Data: 7 e 8 de agosto
Local: Academia Team Nogueira – Rua Tabelião Joaquim Coelho, N. 50, Água Fria
Mais informações: (85) 3273.0437

09:13 · 03.08.2015 / atualizado às 09:13 · 03.08.2015 por
O grão mestre é um dos responsáveis pela introdução do Taekwondo no Ceará
O grão mestre é um dos responsáveis pela introdução do Taekwondo no Ceará

Os lutadores cearenses terão a oportunidade de trocar experiências com o grão mestre André Lima, um dos maiores nomes do Taekwondo no mundo. O mestre ministra um seminário nesta segunda-feira (3), a partir das 19h, no Centro de Treinamentos Alexandre Nogueira.

A academia fica localizado na Av. Dr. João Maciel Filho, 533, no bairro Jardim das Oliveiras. As inscrições podem ser realizadas no próprio local do evento.

André Lima iniciou a pratica do Taekwondo em Brasilia com o Mestre Soo Myung Choi ainda na década de 80. Logo depois ele iniciou o processo de introdução do Taekwondo no Ceara e tornou-se um dos pioneiros do arte marcial no país.

Além do Taekwondo, o mestre também entrou no cinema, estralando filmes de artes marciais e ação em Hollywood.

07:28 · 31.07.2015 / atualizado às 07:55 · 30.07.2015 por
Toquinho vem de três vitórias seguidas, todas com menos de dois minutos de combate (Foto: Divulgação)
Toquinho vem de três vitórias seguidas, todas com menos de dois minutos de combate (Foto: Divulgação)

Escalado para defender seu cinturão dos meio-médios (77kg) do World Series of Fighting (WSOF) pela segunda vez consecutiva neste sábado (1º), Rousimar Palhares, o Toquinho, terá pela frente o experiente Jake Shields. A luta, que será a principal atração do WSOF 22, em Las Vegas (EUA), é cercada de muita expectativa, já que ambos são considerados dois dos melhores lutadores de chão do MMA.

Outros destaques desta edição ficam por conta dos duelos entre os brasileiros Marlon Moraes x Sheymon Moraes, válido pelo cinturão do pesos-galos (61kg), e dos meio-pesados (93kg) Mike Kyle vs. Clifford Starks.

Natural de Dores do Indaiá, em Minas Gerais, Rousimar Toquinho comemorou estar recuperado das lesões que o afligiram no primeiro semestre deste ano e se mostrou muito confiante, prometendo sair vitorioso do combate. O lutador do Team Nogueira também afirmou ser melhor que seu adversário em todas as áreas da luta.

“Estou muito animado para este combate, treinei muito e vou sair vencedor desta luta. Graças a Deus, estou totalmente recuperado das lesões no joelho e no ombro e, com isso, consegui fazer meu camp completo, sem nenhum problema. O Jake Shields é um lutador muito bom e bastante experiente. Respeito ele, mas estou bem confiante. Me acho superior em todas áreas da luta, tanto no chão quanto em pé”, disse Toquinho.

Credenciado por três vitórias seguidas, todas com menos de dois minutos de combate, o brasileiro pretende ditar o ritmo da luta desde os primeiros instantes. Para isso, confia em seus treinamentos e visível evolução de seu jogo na trocação, fruto do trabalho realizado com os treinadores Vander Valverde, no muay thai, e Erivan Conceição, no boxe.

“Minha estratégia é impor meu ritmo e jogo desde o início, não deixando que ele se sinta confortável em nenhum momento do combate. Sei que posso finalizar ou nocautear, dificilmente este duelo ficará nas mãos dos juízes. Vou ser campeão do WSOF por muitos anos, ninguém vai tirar esse cinturão de mim. Vivo o melhor momento da minha carreira, evolui demais como lutador. O Jake Shields falou muita coisa, mas na hora da luta ele vai ver como é ter que me enfrentar”, concluiu.

12:27 · 19.07.2015 / atualizado às 12:37 · 19.07.2015 por
O inglês encerrou uma sequencia de 5 vitórias do brasileiro (Foto: Reprodução UFC)
O inglês encerrou uma sequencia de 5 vitórias do brasileiro (Foto: Reprodução UFC)

Primeiro evento do Ultimate na Escócia, o UFC Glasgow, realizado no sábado (18), não foi nada bom para os brasileiros. Nenhum dos três lutadores do país conseguiu vencer seus combates.

No duelo principal do evento, o carioca Thales Leites foi derrotado pelo inglês Michael Bisping, encerrando uma ótima sequencia de cinco vitórias.

Dono de um volume de jogo notável, Bisping anulou a estratégia de Thales durante os cinco rounds, absorvendo golpes, defendendo as quedas e dominando na trocação. Apesar de ter tomado o centro do octógono durante a maior parte do confronto, o brasileiro não fez o suficiente para garantir a vitória e acabou derrotado na decisão dividida dos juízes.

Depois do combate, Bisping pediu para a plateia aplaudir o adversário, dizendo que Thales era um guerreiro e um atleta muito duro. Este foi o 28º triufo do lutador inglês.

Além de Thales Leites, outros dois brasileiro também foram derrotados. Abrindo o card principal, Leonardo Macarrão acabou nocauteado por Steven Ray em 2m30s de luta.

Já Ivan Batman foi vítima da única finalização do evento deste fim de semana. O brasileiro foi pego em um triângulo aplicado por Joseph Duffy, o último homem a vencer Conor McGregor, aos 3m5s de combate.

09:37 · 11.07.2015 / atualizado às 09:43 · 11.07.2015 por
Esta será a terceira luta da jovem promessa brasileira no UFC (foto: Divulgação)
Esta será a terceira luta da jovem promessa brasileira no UFC (foto: Divulgação)

A atenção de todos os fãs de MMA do mundo neste sábado (11) está voltada para Las Vegas, nos Estados Unidos. No UFC 189, o irlandês Conor McGregor enfrenta Chad Mendes na disputa do cinturão interino peso-pena do Ultimate, após a saída do campeão José Aldo por lesão. Com isso, o paulistano Thomas Almeida passou a ser o único brasileiro de um dos cards mais aguardados de todos os tempos, com milhões de dólares vendidos em pay per view. Ele enfrenta o inglês Brad Pickett na luta inaugural do card principal, pela categoria peso-galo (até 61,2kg), em busca da terceira vitória seguida no octógono e a 19ª na invicta carreira.

Thominhas foi muito elogiado pela imprensa e pelo presidente do UFC, Dana White, após sua última vitória, sobre Yves Jabouin no UFC 186, em abril deste ano. O triunfo por nocaute no primeiro round já lhe rendeu a 14ª colocação no ranking da sua categoria e o bônus de performance da noite, a segunda premiação seguida que recebe, já que em sua estreia, em novembro do ano passado, a luta contra Tim Gorman foi eleita a melhor da noite.

Thomas, de apenas 23 anos, será o único brasileiro do card do UFC 189, em Las Vegas (foto: Divulgação)
Thomas, de apenas 23 anos, será o único brasileiro do card do UFC 189, em Las Vegas (foto: Divulgação)

O sucesso repentino, com elogios de todos os lados, não sobe à cabeça de Thomas Almeida, que completa 24 anos no dia 31 deste mês. “Estou muito satisfeito com o meu momento no UFC, isso me motiva cada vez mais para buscar o topo. Mas eu lido muito bem com isso (pressão e expectativas), sou novo e não tenho pressa nenhuma em ser o melhor. Meu plano é viver dia após dia, treinar forte para o meu próximo combate e o que vier é consequência”, afirma.

Assim como fora diante de Yves Jabouin, Thomas Almeida encara, no UFC 189, um adversário muito mais experiente no octógono. Aos 36 anos, o inglês Brad Pickett está no Ultimate desde 2011, quando foi derrotado pelo brasileiro, ex-campeão e atual desafiante ao título dos galos, Renan Barão, em sua estreia. Em nove lutas na organização, Pickett conta com quatro vitórias e cinco derrotas e além de Barão, já encarou nomes como Ian McCall, Eddie Wineland e o próprio Jabouin. Vindo de dois reveses consecutivos, o inglês possui um jogo que agrada a Thomas.

“Ele é bem parecido com o Yves Jabouin, vem mais para a trocação mesmo, além de ser um cara bem rodado, experiente. É um grande desafio enfrentar um cara tão duro e que já enfrentou adversários tão renomados. Respeito muito a trajetória dele, mas estou aqui para buscar o meu espaço e passando por ele eu posso subir mais degraus na carreira. Podem esperar um Thomas agressivo, buscando o nocaute o tempo inteiro”, confia o paulistano.

O UFC 189 teria na luta principal um dos combates mais esperados dos últimos tempos, entre José Aldo e Conor McGregor pelo cinturão peso-pena (até 65,8kg), mas uma fratura na costela do brasileiro fez o Ultimate substitui-lo pelo norte-americano Chad Mendes e colocar o cinturão interino da divisão em jogo. Apesar da saída de Aldo, o card do evento, que conta com outra disputa de cinturão dos meio-médios (até 77,1kg) entre Robbie Lawler e Rory MacDonald, ainda chama muita atenção dos fãs de MMA. Como tem apenas duas lutas no UFC, Thominhas viveu boa parte de sua vida apenas como um fã do UFC, e sempre sonhou com a luta no palco mais famoso do MMA.

“Lutar em Vegas é um sonho de criança. Logo após minha última luta eles me perguntaram o que eu gostaria dali para frente e eu disse que não escolho adversários, mas se tivesse uma chance de lutar em Las Vegas ficaria muito feliz. Além de ser no maior palco de lutas do mundo, será na semana da Fight Week e em um evento tão grande como o UFC 189, estou muito empolgado para entrar lá e conseguir um nocaute para corresponder as esperanças que depositam em mim”.

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Vai Encarar

Tudo sobre o mundo da luta, novidades, entrevistas exclusivas e cobertura dos principais eventos pelo Brasil e pelo mundo.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags