Categoria: Notícia


10:56 · 27.06.2015 / atualizado às 10:56 · 27.06.2015 por
Esta foi a 7ª vitória de Esquiva por nocaute (Foto: Reprodução Top Rank)
Esta foi a 7ª vitória de Esquiva por nocaute (Foto: Reprodução Top Rank)

O capixaba Esquiva Falcão fez mais uma vítima no boxe profissional. O medalista de prata nas Olímpiadas de Londres em 2012 derrotou o americano Aaton Drake por nocaute técnico, na noite desta sexta-feira (26), na Arena Hidalgo, no Texas (EUA).

Esta foi a 10ª vitória seguida do pugilista, sendo sete por nocaute. “Mais uma vitória para somar no cartel. Décima vitória e por nocaute técnico. Só tenho a agradecer por isso tudo. Valeu torcida”, escreveu Esquiva em em seu perfil oficial em uma rede social.

Com o triunfo, o brasileiro deverá aparecer entre os 30 melhores colocados no ranking de julho do Conselho Mundial de Boxe. Esquiva ainda deve lutar outras três vezes neste ano.

10:31 · 07.06.2015 / atualizado às 10:31 · 07.06.2015 por
Esta foi a 31ª vitória na carreira de Dan Henderson (Foto: Reprodução UFC)
Esta foi a 31ª vitória na carreira de Dan Henderson (Foto: Reprodução UFC)

Aquele velho ditado de que “panela velha é que faz comida boa” serve bem para contar como foi a luta principal do UFC Nova Orleans, realizado na madrugada de sábado (6) para domingo (7). Aos 44 anos, o norte-americano Dan Henderson precisou de apenas 28 segundos para conseguir um nocaute fulminante sobre Tim Boetsch, mostrando que sua “Bomba H” ainda está afiada.

Como já é de costume, o veterano começou o combate com a mão direita engatilhada, só esperando a primeira oportunidade. Logo no início do primeiro round, Henderson conectou um forte soco e, em seguida uma joelhada, que derrubou o adversário. No chão, o norte-americano ainda aplicou uma sequencia de golpes, até que o árbitro interrompeu a luta.

“Estou muito bem e ainda não acabei. Estou aqui há algum tempo, e as pessoas ainda querem me ver”, comentou o veterano após a vitória.

Esta foi a 31ª vitória na carreira de Dan Henderson. Já Tim Boetsch, amargou a 9ª derrota, sendo a segunda seguida- já havia perdido para o brasileiro Thales Leites.

Demente e Thiago Tavares são derrotados

Entre os brasileiros, Ricardo Abreu, o “Demente”, foi o primeiro no octógono contra Jake Collier. O participante da terceira temporada do TUF Brasil até que tentou continuar invicto, mas os juízes decretaram sua primeira derrota como profissional de MMA.

Já no card principal, Thiago Tavares buscava sua terceira vitória consecutiva, mas Brian Ortega se mostrou mais forte e conseguiu a vitória por interrupção médica no terceiro round.

22:51 · 03.06.2015 / atualizado às 00:08 · 04.06.2015 por
Rockhold é o atual número 1 do ranking da categoria (Foto: Reprodução)
Rockhold é o atual número 1 do ranking da categoria (Foto: Reprodução)

O brasileiro Ronado “Jacaré” terá que esperar um pouco mais pela oportunidade de lutar pelo cinturão dos médios. O presidente do UFC, Dana White, que havia falado que Jacaré seria o próximo adversário do campeão Chris Weidman, voltou atrás e confirmou o americano Luke Rockhold como novo desafiante ao título.

Daniel Cormier faz primeira defesa do cinturão contra Alexander Gustafsson

“Sim, essa será a próxima luta. Luke Rockhold será o próximo a enfrentar Chris Weidman”, declarou Dana White, durante entrevista ao “UFC Tonight, programa de tv oficial do UFC.

A data e o local do duelo ainda não foram divulgados pela organização. A expectativa é que a luta aconteça no UFC 191, que deve acontecer no dia 5 de setembro, no Cassino MGM, em Las Vegas.

Esta será a terceira defesa do cinturão de Chris Weidman, desde que venceu Anderson Silva, em julho de 2013. Neste tempo, o americano voltou a derrotar o “Spider” e ainda derrotou os brasileiros Lyoto Machida e Vitor Belfort.

Atual número 1 da categoria, Rockhold também vive um bom momento na carreira. Ele vem de quatro triunfos seguidos, entre eles sobre o veterano Michael Bisping e sobre o brasileiro Lyoto Machida.

11:02 · 01.06.2015 / atualizado às 11:24 · 01.06.2015 por
A programação contará com competições de jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA (Foto: Reprodução)
A programação contará com competições de jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA (Foto: Reprodução)

A Coordenadoria de Juventude de Fortaleza, por meio da Rede Cuca, realiza a sua III Semana de Artes Marciais. O evento, que acontecerá entre os dias 13 e 20 de junho, tem como finalidade a difusão das artes marciais e integração do esporte entre os jovens. As competições irão acontecer nos Cucas Barra, Jangurussu e Mondubim.

A programação irá contar com disputas nas seguintes modalidades: jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA. Além disso, o público também poderá conferir competições, mostras de vídeos, palestras, mesas redondas, competições e tatames abertos (com a participação de alunos, equipes e professores convidados irão interagir com o público durante as aulas). A programação é gratuita e aberta para todos os públicos.

Os Cucas Barra, Jangurussu e Mondubim fazem parte de uma rede de proteção social pertencente a Coordenadoria de Juventude da Prefeitura de Fortaleza. Mensalmente, os três equipamentos ofertam cursos de formação e práticas esportivas gratuitos voltados para jovens com idade entre 15 e 29 anos.

Confira a programação completa:

Sábado (13): Campeonato de Muay Thai – 18h às 22h
Local: Cuca Jangurussu

Terça-feira (16): Documentário sobre o MMA – 9h às 11h
Local: Cuca Barra

Roda de Capoeira – 19h às 21h
Local: Cuca Jangurussu

Quarta-feira (17): Graduação de Karatê – 9h às 11h
Local: Cuca Mondubim

Competição de Karatê – 13h às 17h
Local: Cuca Mondubim

Quinta-feira (18): Filme e palestra sobre o MMA – 9h às 12h
Local: Cuca Barra

Roda de Capoeira – 19h às 21h
Local: Cuca Mondubim

Sexta-feira (16): Graduação de Muay Thai – 9h às 11h
Local: Cuca Barra

Lutas de Jiu-jitsu e Submission – 13h às 17h
Local: Cuca Mondubim

Sábado (20/06): Lutas de MMA – 17h às 22h
Local: Cuca Barra

Serviço:

III Semana de Artes Marciais da Rede Cuca
Dias: De 13 a 20 de junho
Local: Cuca Barra – Avenida Presidente Castelo Branco, 6417, Barra do Ceará
Cuca Jangurussu – Avenida Castelo de Castro com avenida Contorno Leste
Cuca Mondubim – Rua Santa Marlúcia, s/n, Mondubim
Programação gratuita e aberta ao público

10:49 · 28.05.2015 / atualizado às 10:49 · 28.05.2015 por
Naja é
Naja é o atual campeão do LFC, outra tradicional evento do Estado (Foto: Reprodução)

O lutador Leandro “Naja”, campeão do Limo Figth Championship (LFC), voltará ao octógono cearense para mais um desafio, desta vez no muay thai. Representante a Dragon Fight, o atleta irá enfrentar Thyago “Psycho” na luta principal do RMFC Muay Thai, um dos maiores eventos da modalidade no Ceará.

Além de Naja x Psyco, o RMFC ainda contará com mais 9 lutas profissionais e 30 combates amadores. Destaque para Bruno Teófilo, 3º colocado no Mundial de Muay Thai, realizado na Tailândia. O atleta da Team Nogueira irá encarar Iamik Furtado no co-evento da noite.

O RMFC será realizado no próximo dia 20 de julho, no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU), no Castelão. O lançamento oficial do evento será realizado no próximo sábado (30), no ‘Oficina Bar’, com a presença de todos os participantes do torneio.

Confira o card profissional:

70 kg: Leandro Naja x Thiago Psycho
66 kg: Bruno Teófilo x Iamirk Furtado
75 kg: GG x Nono Bala
66 kg: Invergado Thai x Gegê
85 kg: Elano Negão x Velton Kong
75 kg: Gugu x Jacaré
57 kg: Dari Barreto x Rossane Tirano
61 kg: Anastácio Junior x Wesley Peixe

Serviço:

RMF Muay Thai Champinship
Local: Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU)
Data: 20 de julho
Horário: 8h às 14h (torneio amador) – a partir das 19h (torneio profissional)
Informações: (85) 8623-2613 – (85) 9918-6375

15:08 · 23.05.2015 / atualizado às 15:27 · 23.05.2015 por
Flávio Leal e Franklin "Baú" farão a luta principal do evento (Foto: Divulgação)
Flávio Leal e Franklin “Baú” farão a luta principal do evento (Foto: Divulgação)

A New Planet Academia realizará na noite do dia 29 de Maio, a partir das 19h, a 8ª edição do Boxe Planet. O evento recebe o confronto entre o baiano radicado no Ceará, Flávio Leal, detentor do cinturão válido pela Associação Nacional de Boxe (ANB), contra o conterrâneo Franklin “Baú”, atual campeão cearense de boxe.

O evento é organizado pelo professor Renato Farias, responsável pelas aulas de boxe que ocorrem diariamente e em horários diversos. “Este campeonato vem reafirmar a força do boxe em seu atual cenário mundial. Em ascensão, os profissionais que estão se preparando para fazer bonito no ringue, são as principais respostas para o sucesso deste evento”, comenta ele a respeito do evento.

A edição do torneio deste ano ocorrerá na própria academia, que é localizada no bairro Cidade dos Funcionários. Os ingressos para o evento custam R$30 e já estão à venda.

Campeonato amador

Como aquecimento para a disputa de cinturão, a New Planet Academia também vai receber um torneio de onze lutas amadoras, antes da luta principal. Os atletas serão divididos em categorias (sexo, idade e peso). A pesagem e classificação de cada categoria serão feitas na semana da luta.

Serviço:

Disputa de cinturão
Local: New Planet Academia
Endereço: Avenida Oliveira Paiva, 2955
Data: 29 de Maio – 19h
Entrada: R$ 30 (mais 1kg de alimento)
Informações: 3271.0171

12:08 · 18.05.2015 / atualizado às 13:14 · 18.05.2015 por
O polêmico vídeo causou revolta entre os lutadores e professores da modalidade (Foto: Reprodução Facebook)
O polêmico vídeo causou revolta entre os lutadores e professores da modalidade (Foto: Reprodução Facebook)

O vídeo de um violento treino de muay thai causou polêmica nas redes sociais e revolta entre os praticantes da modalidade. Nas imagens, o treinador de uma academia paulista agride os alunos, desferindo uma sequência de socos no rosto de homens e mulheres. Os atletas devem ficar parados e não podem esboçar nenhuma defesa.

Após o compartilhamento do vídeo, diversos lutadores profissionais repudiaram a atitude do treinador. O campeão dos pesos-leves do UFC, Rafael dos Anjos, classificou o ato como criminoso.

“Um sujeito desse tem que ser preso! Ele coloca a vida dos alunos em risco”, comentou o ‘Dos Anjos’ ao compartilhar o vídeo em seu perfil no twitter.

O lutador cearense Elinardo “Goiabinha”, campeão mundial de muay thai, também reprovou a ação do treinador. O cearense, que já participou de dois intercâmbios na Tailândia, berço da modalidade, comentou que este não é um treino padrão para o esporte.

“Creio que os treinadores que adotam esses treinos violentos não sabem o que estão fazendo. Não existe isso. Os alunos devem ficar sempre atentos e procurar saber qual o histórico das academias onde irão treinar”, ressaltou.

O autor do polêmico treinamento é o professor Fernando Nogueira, que justificou, em entrevista ao ‘UOL Esporte’, que este método é utilizado normalmente com atletas antes das lutas.

“Aquele tipo de treino não é inovador, é feito em partes da nossa equipe, mas não é feito frequentemente. É para os lutadores que estão a caminho de entrar em competição, com cerca de um mês para lutar. Eles sabem que está dentro dos padrões de treino e tiveram a possibilidade de fazer ou não. Mais de 60% não fez. Mas os 40% que quiseram fazer, fizeram. Jamais tive problema com alunos lesionados, ou coisa desse tipo. Foi um treino de nível alto, mas para quem está de fora pode assustar”, comentou Fernando.

Confira a agressão durante o treinamento:

Segundo o treinador, a cena foi gravada há cerca de dois meses e não deveria ter sido exposta. Ele defende que, como professor, sabe os limites em que pode trabalhar.

“Sei do limite dos meus alunos, aquilo é feito com cuidado. No vídeo, percebi que as pessoas estão dando muita ênfase em uma pessoa que está falando, como se estivesse narrando. Eu nem percebi na hora, estava focado em não machucar ninguém. Ali, todos estavam de protetor bucal, e eu evitei golpes na região do nariz e do queixo, que sei que causam lesões. Pode parecer que são socos extremamente fortes, mas é por isso que é um professor que fez. De fora, pode chocar, infelizmente”, completou.

O professor de artes marciais Munil Adriano, mestre de Fernando Nogueira, reprovou os métodos adotados por seu pupilo. “Eu abomino o vídeo, não é o tipo de treino que passo. O que se vê ali não é a minha metodologia de treino”, afirmou.

10:05 · 17.05.2015 / atualizado às 10:05 · 17.05.2015 por
Em sete anos, Mark Muñoz fez 15 lutas no UFC e conquistou nove vitórias (Foto: reprodução UFC)
Em sete anos, Mark Muñoz fez 15 lutas no UFC e conquistou nove vitórias (Foto: reprodução UFC)

Um grande lutador de MMA deu adeus às competições oficiais. O americano de origem filipina Mark Muñoz fez seu último combate antes da aposentadoria e saiu do octógono ovacionado pela torcida, após uma bela vitória sobre Luke Barnatt, por decisão unânime.

Após ter o punho erguido, o Muñoz não escondeu a emoção e fez um discurso de agradecimentos aos fãs das Filipinas, país de onde vem suas raízes.

“Queria agradecer os fãs das Filipinas. Representei vocês do fundo do meu coração. Eu amo vocês e minha família. Quando era criança, assistia desenhos com super-heróis e queria representar isso para vocês. Só tenho a agradecer todo o apoio. Muito obrigado ao UFC, ao Dana White e a todos que me ajudaram a construir minha linda história no MMA”, disse emocionado o lutador, que antes de sair deixou o par de luvas dentro do octógono.

Emocionado, Mark Muñoz deixou as luvas dentro do octógono após a vitória (Foto: reprodução UFC)
Emocionado, Mark Muñoz deixou as luvas dentro do octógono após a vitória (Foto: reprodução UFC)

Em sete anos, Mark Muñoz fez 15 lutas no UFC e conquistou nove vitórias. O lutador sempre figurou entre os melhores da divisão dos médios, mas nunca chegou a disputar o cinturão.

Aos 37 anos, o americano anunciou sua aposentadoria, mas garantiu que vai continuar trabalhando para incentivar o wrestling e o MMA nas Filipinas, além de dedicar maior parte de seu tempo à família.

09:28 · 17.05.2015 / atualizado às 09:28 · 17.05.2015 por
Frankie Edgar pode encarar o vencedor de José Aldo x Conor McGregor (Foto: Reprodução UFC)
Frankie Edgar pode encarar o vencedor de José Aldo x Conor McGregor (Foto: Reprodução UFC)

Só pelo histórico já era de se esperar um grande duelo entre Frankie Edgar e Urijah Faber, no UFC Manila, nas Filipinas, na madrugada deste domingo (17). Os lutadores fizeram um combate bastante movimentado, marcado pelo equilíbrio durante os cinco rounds. Mais inteiro, Edgar usou melhor sua envergadura e pressionou o rival, abrindo caminho para a vitória, que veio por decisão unânime dos jurados.

Esta foi a 18ª vitória na carreira do americano, sendo a quarta consecutiva. Após o resultado, Edgar disse que merece a oportunidade de voltar a lutar pelo cinturão dos penas, contra o vencedor de José Aldo x Conor McGregor.

“Quis deixar minha marca. Urijah é um cara muito duro, está no lugar que merece, é uma grande lenda do esporte e foi importante para mim derrotá-lo. Agora, eu quero o título. Quero lutar novamente pelo cinturão. Não sou apenas eu que desejo isso, mas meus filhos. Mereço uma nova chance”, comentou o lutador em entrevista ao UFC.

Mousasi vence Philippou

No co-evento da noite, o iraniano Gerard Mousasi derrotou o americano Costas Philippou, por decisão unânime. O ex-campeão do Strikeforce dominou o combate e garantiu o 37º triunfo na carreira.

Esta foi a segunda vitória consecutiva de Mousasi, que anteriormente nocauteou Dan Henderson no UFC Estocolmo, em fevereiro. Já Philippou, amargou a quinta derrota no cartel.

Derrota brasileira

Único brasileiro no evento, Dhiego Lima encarou o chinês Li Jingliang, pela divisão dos meio-médios, e não se deu bem. O lutador de Goiânia foi derrotado por nocaute ainda no início do primeiro round após sofrer uma forte sequência do chinês, que finalizou o combate no ground and pound. Esta é a segunda derrota consecutiva de Dhiego, que ainda não conseguiu uma sequência de vitórias na organização.

Dhiego Lima foi o único brasileiro no card, mas acabou derrotado (Foto: Reprodução UFC)
Dhiego Lima foi o único brasileiro no card, mas acabou derrotado (Foto: Reprodução UFC)

Confira todos os resultados do UFC Manila:

Card Principal
Frankie Edgar venceu Urijah Faber por decisão unânime (triplo 50-45)
Gegard Mousasi venceu Costas Philippou por decisão unânime (triplo 30-27)
Mark Muñoz venceu Luke Barnatt por decisão unânime (29-28; 30-27; 30-27)
Neil Magny venceu Hyun Gyu Lim por nocaute técnico no R2
Phillipe Nover venceu Yui Chul Nam por decisão dividida (28-29;29-28;29-28)
Levan Makashvili venceu Mark Eddiva por decisão dividida (29-28;28-29;29-28)

Card Preliminar
Jon Tuck venceu Tae Hyun Bang por finalização no R1
Kajan Johnson venceu Zhang Lipeng por decisão unânime (30-27;29-28;29-28)
Li Jingliang venceu Dhiego Lima por nocaute no R1
Ning Guangyou venceu Royston Wee por nocaute técnico no R2
Jon Delos Reyes venceu Roldan Sangcha-an por finalização no R2
Yao Zhikui venceu Nolan Ticman por decisão dividida(29-28;28-29;29-28)

18:29 · 13.05.2015 / atualizado às 18:31 · 13.05.2015 por
Leandro Naja (short laranja) e Vladson Gereba (short amarelo) fizeram a encarada final antes do combate (Foto: Divulgação LFC)
Leandro Naja (short laranja) e Vladson Gereba (short amarelo) fizeram a encarada final antes do combate (Foto: Divulgação LFC)

O co-evento do Limo Fight Championship (LFC) coloca frente a frente dois “cascas grossas” do MMA cearense em um combate que vale o cinturão dos pesos-leves. De um lado o campeão Vladson “Gereba” Alves e do outro desafiante Leandro “Naja” Rodrigues.

Confiante, Naja afirmou, em entrevista ao repórter Valdir Almeida, do Blog Vai Encarar, que vai “buscar o que é seu”. O lutador ressaltou que está bem preparado para o duelo.

“Respeito meu adversário, ele é bom, mas vou em busca da vitória. Sou bom no muay thai e também no jiu jítsu, então estarei preparado para tudo dentro do octógono”, ressaltou.

Esta será a terceira luta de Leandro Naja no LFC; ambas com vitórias. Na última ele derrotou o lutador Jefferson Rodrigues, por finalização. O resultado gerou polêmica, mas Naja explica que a intervenção do árbitro naquele combate foi providencial.

“Não estava no meu dia, mas levei a luta para baixo e consegui a finalização. Meu adversário gritou, então isso é um dom de desistência. Acho que o árbitro fez o certo. Não tem polêmica, eu venci”, lembrou o lutador, que vai para o 32º combate na carreira.

Após o combate, independente do resultado, Leandro Naja planeja passar três meses longe das competições. Segundo o atleta, é preciso descansar e buscar lutas fora do Estado.

Confira a entrevista completa:

Peso batido

Muito criticado por não conseguir pater o peso em outras lutas, Naja realizou na tarde desta quarta-feira (13) o teste da balança e foi aprovado com louvor, assim também com Vladson Gereba. O LFC será realizado na próxima quinta-feira (14), na casa de shows Musique, na avenida Whasington Soares. Esta será a primeira edição do evento em Fortaleza.

O combate principal da noite será entre Maurílio “Touro” e Tyago Buda. Outro duelo esperado é entre Emanoel “Massa Bruta” e Sandro “Apaga Luz”, valendo o cinturão dos pesados.

Veja o card completo do LFC Fortaleza:

Card Principal

Maurílio Touro x Tyago Buda (superluta)
Vladson Gereba x Leandro Naja (cinturão dos pesos-leves)
Rafael Gárgula x Abraão Amorim
Emanoel Massa Bruta x Sandro Apaga Luz (cinturão dos pesos-pesados)
Edilson ‘Zé’ Santos Júnior x Genilson Silva

Card preliminar

Ilara Joanne x Regina Pereira
Mauricio Dedinho x Jonas Tubarão
Felipe Demolidor x Gildázio Oliveira
Arlisson Tenchihan x Philipe Pó
Pó
Kelton do Carmo x Gleison Scorpion
George Emanuel x Alan Queiroz

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Vai Encarar

Tudo sobre o mundo da luta, novidades, entrevistas exclusivas e cobertura dos principais eventos pelo Brasil e pelo mundo.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags