Busca

14:09 · 06.04.2018 / atualizado às 14:16 · 06.04.2018 por
McGregor deixa o Departamento de Polícia e se dirige para o Tribunal do Brooklyn (foto: reprodução)

Conor McGregor talvez não esperasse que seu ataque de fúria nessa quinta-feira, 5, fosse render tanto. Após passar a noite detido no Departamento de Polícia de Nova York, o lutador está sendo julgado, neste momento, pela corte do Tribunal do Brooklyn.

Ele é acusado de três crimes de agressão e vandalismo, decorrentes da atitude violenta, quando arremessou objetos na van que transportava lutadores do UFC. Os estilhaços feriram um funcionário da organização e dois lutadores, que tiveram que abandonar o card do evento (UFC 223).

A decisão sobre as punições que MgcGregor sofrerá devem sair até o final da tarde desta sexta-feira. Enquanto isso, o UFC segue trabalhando para divulgar um desfecho da luta principal, já que o havaiano Max Holloway não foi liberado pelos médicos para lutar.

12:14 · 06.04.2018 / atualizado às 12:17 · 06.04.2018 por
Holloway iria substituir Tony Ferguson e lutaria contra Khabib Nurmagomedov (foto: AFP)

Primeiro foi Tony Ferguson que lesionou o joelho uma semana antes e foi cortado do evento. Depois disso, Conor McGregor teve seu dia de fúria e, por conta de uma confusão generalizada causada pelo irlandês, três lutas caíram. Agora foi a vez dos médicos vetarem o havaiano Max Holloway, que faria a luta principal do UFC 223, neste sábado, 7, contra o russo Khabib Nurmagomedov.

“Com muito pesar, e depois de uma revisão cuidadosa, foi tomada uma decisão conjunta entre a comissão estadual de esportes e o UFC”, disse Kim Sumbler, diretor executivo do NYSAC, a repórteres durante a pesagem oficial do evento, realizada na manhã desta sexta-feira, em Nova York.

Holloway aceitou substituir Tony Ferguson mesmo faltando apenas uma semana para o evento. No entanto, o lutador havaiano vinha se recuperando de lesão e realizado fisioterapia. Os médicos avaliaram que ele não reune condições clínicas, sequer para subir na balança da pesagem oficial.

Com a queda da luta principal, o UFC 223 passa a ter apenas nove lutas marcadas. O duelo principal do evento, considerado até aqui o mais ‘amaldiçoado’ do Ultimate nos últimos tempos, passa a ser a revnache entre a campeã Rose Namajunas e Joanna Jedrzejczyk. A luta é válida pela categoria peso-palha da organização.

Confira o card:

UFC 223
7 de abril de 2018, em Nova York (EUA)

Principal (23h, de Brasília):
Peso-palha: Rose Namajunas x Joanna Jedrzejczyk
Peso-pena: Renato Moicano x Calvin Kattar
Peso-leve: Al Iaquinta x Paul Felder

Preliminar (19h15, de Brasília):
Peso-palha: Karolina Kowalkiewicz x Felice Herrig
Peso-leve: Joe Lauzon x Chris Gruetzemacher
Peso-leve: Evan Dunham x Olivier Aubin-Mercier
Peso-mosca: Bec Rawlings x Ashlee Evans-Smith
Peso-meio-pesado: Devin Clark x Mike Rodriguez
Peso-galo: Zabit Magomedsharipov x Kyle Bochniak

10:39 · 06.04.2018 / atualizado às 12:02 · 06.04.2018 por
McGregor sob custódia para a investigação do caso ocorrido no Brooklyn (foto: AFP)

O lutador Conor McGregor se viu sem saída após a confusão que causou em Nova York (EUA), nessa quinta-feira, 5, e resolveu se entregar à Polícia. O irlandês era considerado foragido, depois de quebrar um ônibus da delegação do UFC e causar ferimentos graves em pelo menos dois lutadores.

Apoiado por um grupo de aproximadamente 15 pessoas, Conor chegou de surpresa no hotel e logo arremessou objetos na janela do ônibus, causando o estrago. Ele estaria inconformado com a decisão do presidente do UFC, Dana White, ter retirado o seu cinturão, que pertencerá ao vencedor do duelo entre Khabib Nurmagomedov e Max Holloway (luta principal do UFC 223). Conor teria como alvo o lutador russo (Khabib), que é seu desafeto.

Imediatamente, Dana White postou um vídeo repudiando a atitude de Conor. Afirmou ainda que, diante do fato, havia um mandado de prisão contra o lutador, e que a única saída para ele era se entregar às autoridades. Foi o que aconteceu.

De acordo com o porta-voz da Polícia de Nova York, George Tsourovakas, Conor McGregor está sob custódia do departamento e a investigação segue em andamento. O irlandês se entregou esta noite na 78ª Delegacia em Nova York, segundo o site “MMAjunkie”.

Lutas canceladas

A fúria de McGregor causou estragos em dois lutadores que iriam atuar neste sábado, no UFC 223. Michael Chiesa e Ray Borg foram atingidos por estilhaçoes, tiveram que receber atendimento médico e foram cortados do card. Antes disso, Dana White também confirmou que Artem Lobov, amigo de McGregor, e que também lutaria no evento, foi filmado participando do ataque e foi retirado do card.

Reveja a confusão causada por Conor McGregor nessa quinta-feira:

Confira o card atualizado do evento:

UFC 223
7 de abril de 2018, em Nova York (EUA)

Principal (23h, de Brasília):
Peso-leve: Max Holloway x Khabib Nurmagomedov
Peso-palha: Rose Namajunas x Joanna Jedrzejczyk
Peso-pena: Renato Moicano x Calvin Kattar
Peso-leve: Al Iaquinta x Paul Felder

Preliminar (19h15, de Brasília):
Peso-palha: Karolina Kowalkiewicz x Felice Herrig
Peso-leve: Joe Lauzon x Chris Gruetzemacher
Peso-leve: Evan Dunham x Olivier Aubin-Mercier
Peso-pena: Alex Caceres x Artem Lobov
Peso-mosca: Bec Rawlings x Ashlee Evans-Smith
Peso-meio-pesado: Devin Clark x Mike Rodriguez
Peso-galo: Zabit Magomedsharipov x Kyle Bochniak

17:15 · 05.04.2018 / atualizado às 17:33 · 05.04.2018 por
McGregor está sendo procurado pela Polícia de Nova York (foto: AFP)

A confusão causada pelo lutador Conor McGregor em Nova York (EUA), na tarde desta quinta-feira, 5, pode trazer consequências graves para o lutador irlandês, que pode ser preso a qualquer momento.
Imagens mostram Conor totalmente descontrolado e arremessando um objeto no ônibus que transportava lutadores do Ultimate. Um deles, Michael Chiesa, acabou sendo atingido por estilhaços e pode ficar fora do evento que ocorre neste sábado, no Brooklyn.

A primeira medida de Dana White, presidente do UFC, foi retirar o russo Artem Lobov, amigo de Conor, do card do evento. Lobov estaria no grupo que dava apoio à ação do irlandês no momento da confusão.

Em comunicado gravado logo depois do ocorrido, o chefão do UFC também informou que McGregor está sendo procurado, não poderá deixar Nova York e pode ser preso a qualquer momento pelas autoridades.

“Tem um mandado para a prisão de Conor McGregor. Eles estão à procura dele nesse momento. Ele não poderá deixar o estado de Nova York. Ele vai ser preso, assumo que se não o pegarem, ele irá se entregar. Acho que ele será processado e será uma mancha na carreira dele”, disse Dana White.

Conor teria tomado a atitude por estar revoltado com as declarações do próprio dana White, nessa quarta-feira. O presidente do Ultimate afirmou que ele perderá o cinturão dos leves para o vencedor da luta entre o russo Khabib Nurmagomedov e o havaiano Max Holloway, neste sábado, 7, no UFC 223.

O irlandês, inclusive, teria atacado o ônibus dos lutadores com a intenção de provocar o russo Khabib, que discutiu com seu amigo Artem Lobov no dia anterior.

O site TMZ publicou o vídeo com detalhes da confusão ocorrida nesta quinta. Confira:

15:58 · 05.04.2018 / atualizado às 15:58 · 05.04.2018 por
McGregor perderá o cinturão dos leves do UFC (foto: AFP)

Conor McGregor aprontou novamente. Desta vez, o lutador irlandês, que perderá o título dos leves no próximo sábado, 7, apareceu de surpresa no media day do UFC 223, nesta quinta-feira, 5, em Nova York (EUA), e causou um tumulto generalizado.

Ao que tudo indica, McGregor foi tirar satisfações com o russo Khabib Nurmagomedov e chegou a arremessar um objeto no ônibus que conduzia lutadores do UFC. Pior para Michael Chiesa, que sofreu um corte no rosto.

Imagens mostram Conor seguindo de forma descontrolada, quebrando objetos, enquanto várias pessoas tentam controlar a situação. A Polícia foi acionada, mas ainda não se sabe a medida tomada pelas autoridades por conta da atitude do irlandês.

Confira o vídeo de parte da confusão provocada por Conor McGregor:

14:45 · 05.04.2018 / atualizado às 14:45 · 05.04.2018 por
Dana White garante que o tutador irlandês perderá o cinturão linear dos leves (foto: AFP)

Conor McGregor está prestes a perder o posto de campeão do UFC. A informação foi divulgada nessa quarta-feira, 4, pelo próprio Dana White, presidente do Ultimate, durante a coletiva de imprensa do UFC 223, onde Khabib Nurmagomedov e Max Holloway fazem a luta principal valendo o cinturão linear peso-leve da organização.

O dirigente ainda confirmou que o campeão interino Tony Ferguson, que sofreu uma lesão no joelho e foi retirado do card do evento deste sábado, em Nova York, não perderá o posto. “Tony não será destituído. A única pessoa que perderá um cinturão será Conor. Conor perderá o título. Esses dois (Nurmagomedov e Holloway) vão lutar pelo cinturão. Um dos dois será o campeão”, disse Dana White.

Confira o card do evento:

UFC 223
7 de abril de 2018, em Nova York (EUA)

Principal (23h, de Brasília):
Peso-leve: Max Holloway x Khabib Nurmagomedov
Peso-palha: Rose Namajunas x Joanna Jedrzejczyk
Peso-pena: Renato Moicano x Calvin Kattar
Peso-leve: Michael Chiesa x Anthony Pettis
Peso-leve: Al Iaquinta x Paul Felder

Preliminar (19h15, de Brasília):
Peso-palha: Karolina Kowalkiewicz x Felice Herrig
Peso-mosca: Ray Borg x Brandon Moreno
Peso-leve: Joe Lauzon x Chris Gruetzemacher
Peso-leve: Evan Dunham x Olivier Aubin-Mercier
Peso-pena: Alex Caceres x Artem Lobov
Peso-mosca: Bec Rawlings x Ashlee Evans-Smith
Peso-meio-pesado: Devin Clark x Mike Rodriguez
Peso-galo: Zabit Magomedsharipov x Kyle Bochniak

18:15 · 04.04.2018 / atualizado às 18:18 · 04.04.2018 por
Godofredo Pepey foi finalista da 1ª edição do TUF Brasil (foto: arquivo)

De acordo com informações do site americano MMA Fighting, o cearense Godofredo Pepey não teve seu contrato renovado com o UFC. Vindo de duas derrotas seguidas, para Shane Burgos e Mirsad Bektic, respectivamente, o peso-pena entrou na organização em 2012.

Pepey foi finalista da 1ª edição do TUF Brasil, onde lutou e perdeu para o também cearense Rony Jason. No evento, ePepey fez 11 lutas e, ao todo, acumulou cinco vitórias e seis derrotas. Ele chegou a faturar três prêmios seguidos de ‘Performance da Noite’, ao vencer Noad Lahat, Dashon Johnson e Andre Fili.

Caso se confirme a saída de Godofredo Pepey do UFC, o Ceará passa a ter apenas dois representantes na maior organização de MMA do mundo. São eles o peso-meio-médio Thiago “Pitbull” Alves e a peso-palha Viviane Sucuri.

16:48 · 04.04.2018 / atualizado às 16:48 · 04.04.2018 por
Khabib segura o pescoço de Artem Lobov e clima esquenta no hotel em Nova York (foto: reprodução)

Os russos Khabib Nurmagomedov e Artem Lobov tiveram um encontro nada amistoso nessa terça-feira, 3, no hotel onde estão hospedados, em Nova York (EUA), onde acontece o UFC 223.

Um vídeo gravado treinador Rick Little, da equipe Sikjitsu, e postadas pelo site “MMANytt”, mostra claramente que o desafiante ao cinturão dos leves parece tirar satisfações com o amigo nº 1 de Conor McGregor.

O clima fechou e seguranças e membros das duas equipes tiveram que separar os lutadores para evitar possíveis agressões. Não se sabe o motivo da discussão, mas é provável que Khabib tenha mandado algum recado para o lutador irlandês, que é seu desafeto.

Confira o vídeo:

19:24 · 03.04.2018 / atualizado às 19:26 · 03.04.2018 por
Dos Anjos e Covington lutarão pelo cinturão interino da categoria meio-médio do UFC (foto: AFP)

A espera acabou e enfim uma luta que promete levantar o público no dia 12 de maio, no Rio de Janeiro. Rafael Dos Anjos e Colby Covington assinaram contrato e lutarão pelo cinturão interino da categoria peso-meio-médio do Ultimate, já que o campeão linear, Tyron Woodley, está lesionado e só volta no segundo semestre.

A luta é cercada de expectativas, pois RDA, ex-campeão dos leves, está em grande fase e vem de três vitórias seguidas, sobre Tarec Saffiedine, Neil Magny e Robbie Lawler. E também porque o lutador americano é considerado o inimigo número 1 da torcida brasileira. Em novembro de 2017 ele chamou os brasileiros a animais sujos, depois de vencer Demian Maia.

Confira o card do evento:

UFC 224
12 de maio, no Rio de Janeiro

Peso-galo: Amanda Nunes x Raquel Pennington
Peso-meio-médio: Rafael dos Anjos x Colby Covington
Peso-médio: Vitor Belfort x Lyoto Machida
Peso-médio: Ronaldo Jacaré x Kelvin Gastelum
Peso-galo: John Lineker x Brian Kelleher
Peso-médio: Thales Leites x Jack Hermansson
Peso-leve: Davi Ramos x Nick Hein
Peso-meio-médio: Alberto Miná x Ramazan Emeev
Peso-pesado: Júnior Albini x Alexey Oleynik
Peso-médio: Cézar Mutante x Karl Roberson
Peso-palha: Mackenzie Dern x Amanda Cooper
Peso-meio-médio: Warlley Alves x Sultan Aliev
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Sean Strickland

14:00 · 02.04.2018 / atualizado às 14:27 · 02.04.2018 por
Ferguson foi substituído por Max Holloway na luta principal do UFC 223 (fotos: arquivos)

Uma ducha de água fria caiu sobre o UFC 223 nesse domingo. Tony Ferguson, que faria a luta principal do evento contra Khabib Nurmagomedov, rompeu os ligamentos do joelho e teve que deixar o card. Foi a quarta vez que a luta entre os dois caiu.

Inconformado com a ausência no evento, Ferguson, que é dono do cinturão interino dos leves, postou uma nota nas redes sociais onde pede desculpas aos fãs, técnicos e ao próprio Khabib. “Palavras não podem descrever o quanto dói, o quanto estou frustrado, furioso e incrédulo neste momento. Quero pedir desculpas aos fãs, ao UFC, ao Khabib, aos meus companheiros de treino, técnicos, amigos e, principalmente, à minha família”, diz parte do comunicado.

Substituto

O UFC não pensou duas vezes e tratou de agir rápido para salvar a luta principal do evento. E coube a Max Holloway, campeão dos penas, aceitar o desafio mesmo faltando uma semana e assumir o compromisso de lutar com o russo, que está invicto no MMA, com 25 vitótias, a última delas contra o brasileiro Edson Barboza. “Oportunidades assim aparecem só uma vez na vida, só um cara conseguiu fazê-lo. Estou feliz de ser o segundo cara, e vam

os lá fazer história”, disse o havaiano ao se referir ao duelo do próximo sábado, 7, em Nova York.

Confira o card do evento:

UFC 223
7 de abril de 2018, em Nova York (EUA)

Principal (23h, de Brasília):
Peso-leve: Max Holloway x Khabib Nurmagomedov
Peso-palha: Rose Namajunas x Joanna Jedrzejczyk
Peso-pena: Renato Moicano x Calvin Kattar
Peso-leve: Michael Chiesa x Anthony Pettis
Peso-leve: Al Iaquinta x Paul Felder

Preliminar (19h15, de Brasília):
Peso-palha: Karolina Kowalkiewicz x Felice Herrig
Peso-mosca: Ray Borg x Brandon Moreno
Peso-leve: Joe Lauzon x Chris Gruetzemacher
Peso-leve: Evan Dunham x Olivier Aubin-Mercier
Peso-pena: Alex Caceres x Artem Lobov
Peso-mosca: Bec Rawlings x Ashlee Evans-Smith
Peso-meio-pesado: Devin Clark x Mike Rodriguez
Peso-galo: Zabit Magomedsharipov x Kyle Bochniak