Busca

Tag: BKF


07:27 · 15.08.2015 / atualizado às 10:44 · 15.08.2015 por
Andrezinho sofre, mas vence Paulo Magão (Foto: Valdir Almeida)
Andrezinho sofre, mas vence Paulo Magão (Foto: Valdir Almeida)

Quem compareceu ao ginásio do Náutico Cearense na noite desta sexta-feira (15) pode acompanhar um verdadeiro espetáculo de MMA. A 5ª edição do Brazilian King Fighter (BKF) foi marcada por grandes combates e duas disputas de cinturão.

Na luta principal, o campeão dos pesos-penas Andrezinho Nogueira fez um duelo empolgante contra Paulo Magão. O lutador iniciou o combate pressionando e logo no início do primeiro round aplicou uma sequencia de soco, que levou Magão para o chão. Por cima, Andrezinho aplicou golpes no ground pound e por pouco não acabou com a luta.

Magão mostrou resistência e veio para o segundo round melhor. Ele conseguiu conectar um forte chute alto, no rosto de Andrezinho. No entanto, quando Paulo Magão estava melhor, o representante da Team Nogueira reverteu a posição, ficou por cima e desferiu uma sequencia de socos no rosto do rival. O árbitro interrompeu o combate e decretou a vitória por nocaute técnico para Andrezinho, que chegou ao 19º triunfo na carreira e manteve o cinturão do BKF.

Atuação impecável de Carlos Índio 

Carlos Índio conquistou a 35ª vitória na carreira (Foto: Bruno Gomes)
Carlos Índio (esquerda) conquistou a 35ª vitória na carreira (Foto: Bruno Gomes)

O combate co-principal do evento foi uma disputa entre experiência e juventude. Com 44 lutas no cartel, Carlos Índio enfrentou o jovem Mailton Azevedo e não deu chances ao adversário.

Após um primeiro round avassalador, onde Índio massacrou Mailton com fortes socos no rosto, o atual campeão dos meio-médios conseguiu uma finalização no início do 2º round e decretou a vitória. Esta foi a terceira defesa de título bem sucedida de Carlos Índio, que tem agora 35 vitórias na carreira.

Danilo Mota e Naja vencem

Antes dos duelos pelos cinturões, outras feras do MMA cearense subiram no octógono e protagonizaram grandes duelos. Destaque para Danilo Mota, da equipe V8, que encarou Alexandre Colosso e com uma sequencia de socos conseguiu a vitória por nocaute técnico.

No fim, Danilo agradeceu ao rival que aceitou o desafia às vésperas do combate. “Meu adversário foi trocado na última hora, mas eu estava bem treinado e consegui sair com a vitória. Ele também foi um guerreiro e eu tenho muito a agradecer”, destacou o lutador.

O antigo adversário de Danilo Mota, o sobralense Carlos Estevão, enfrentou Leandro Naja. A luta não empolgou os lutadores foram vaiados pela torcida. Com uma atuação bem abaixo do esperado, Leandro Naja mostrou superioridade principalmente no jiu-jítsu e manteve em cima por boa parte do combate. No fim, veio a vitória por decisão unânime dos juízes para o lutador da Dragon Fight Nova União.

Confira todos os resultados do BKF 5:

Andrezinho Nogueira venceu Paulo Magrão por nocaute técnico no 2º round
Carlos Índio venceu Mailton Azevedo por finalização no 2º round
Danilo Mota venceu Alexandre Colosso por nocaute técnico no 1º round
Leandro Naja venceu Carlos Estevão por decisão unânime
Lucas Tortuga venceu Davi Ferreira por finalização no 1º round
Sasso Oliveira venceu Glefeson GG por nocaute técnico no 1º round
Antônio Pedreira venceu Baiano por finalização no 2º round
Fernando Germano venceu Israel Oliveira por nocaute no 1º round
Lucas Calou venceu Carlos Doido por decisão unânime
Alexandre Scarface venceu Nilton Menezes por desqualificação (joelhada irregular)
Regina Pereira venceu Amanda Carvalho por nocaute técnico no 1º round

15:56 · 13.08.2015 / atualizado às 16:20 · 13.08.2015 por
Carlos Índio e Neilson Azevedo disputam o cinturão dos médios (Foto: Bruno Gomes)
Carlos Índio e Neilson Azevedo trocaram empurrões após a pesagem (Foto: Bruno Gomes)

Com uma encarada dura, que precisou da intervenção da organização para separar os lutadores, a pesagem do Brazilian King Fighter (BKF) foi marcada, principalmente, pela rivalidade, nesta quinta-feira (13), no Shopping Parangaba, em Fortaleza. Apesar de alguns lutadores ficarem acima do peso, os combates da 5ª edição do torneio foram confirmados, após acordo entre as equipes

A encarada mais tensa foi entre o campeão Carlos Índio e o desafiante Neilson Azevedo, que disputarão o cinturão da categoria dos pesos-médios, em uma das lutas principais. Após passarem pela balança, os lutadores trocaram empurrões na tradicional encarada e precisaram ser contidos por um dos árbitros do torneio.

“Não gosto muito de falar, prefiro mostrar o que sei fazer dentro do octógono. Houve um desentendimento ali, mas acho que essa rivalidade em uma disputa como essa. Treinei bem, estou preparado para a luta e vou sair com a vitória e manter o cinturão comigo”, comentou o campeão, que vem de três vitórias e uma luta sem resultado (N-C).

Confira a entrevista com o lutador:

Disputa de cinturão

13 de agosto de 2015 - pesagem do BKF 5 no shopping parangaba.andrezinho nogueira x paulo magao.
13 de agosto de 2015 – pesagem do BKF 5 no shopping parangaba.andrezinho nogueira x paulo magao.

Protagonistas da outra luta valendo cinturão, os pesos-penas Andrezinho Nogueira e Paulo Magrão fizeram uma encarada um pouco mais amistosa, deixando a emoção apenas para a luta. Atual campeão da categoria, Andrezinho realizou parte do treinamento na Academia Team Nogueira, no Rio de Janeiro, com ao lado de Rodrigo Minotauro e Rogério Minotouro. O lutador afirmou que vem forte para o duelo.

“Sei que vou enfrentar um atleta duro, mas estou muito focado em conseguir a vitória e manter o cinturão. Eu luto pelo meu projeto (Luta Pela Vida) e com a ajuda de Deus vou sair com mais uma vitória”, afirmou o lutador, que vai para sua primeira defesa do cinturão.

Assista à entrevista completa:

Andrezinho Nogueira vem embalado por três vitórias e vai realizar sua primeira disputa do cinturão do BKF, desde que faturou o título em abril de 2014. Seu adversário vem

Luta feminina

As lutadoras Regina Pereira e Amanda Carvalho não tiveram dificuldades em passar pela balança. As atletas bateram o peso e confirmaram a única luta feminina do BKF.

Outro combate que promete ser acirrado será entre Danilo Mota e Carlos Estevão. O lutador que teve maiores dificuldades em bater o peso foi Leandro Naja, que não compareceu á balança e teve que perder quatro quilos para poder se credenciar para a luta. Os organizadores informaram que Naja teria que retornar posteriormente para realizar uma nova pesagem.

O Brazilian King Fighter será realizado na noite desta sexta-feira (14), no ginásio do Náutico, localizado na Avenida da Abolição, no bairro do Meireles.

Confira o card do evento:

Carlos Índio x Neilson Azevedo (cinturão dos meio-médios)
Andrezinho Nogueira x Paulo Magrão (cinturão dos penas)
Leandro Naja x Gerlândio Índio Payakan
Amanda Carvalho x Regina Pereira
Carlos Estevão x Danilo Mota
Lucas Tortuga x Israel Valente
Iramar Frota x Nilton Menezes
Germano Santana x Davi Ferreira Lima
Nelcione Nascimento x Luiz Paulo Sasso
Glefeson GG x Sasso Oliveira
Lucas Calou x Carlos Doido
Baiano x Aderbaldo ‘Berguim’ Marinho

11:50 · 13.08.2015 / atualizado às 10:51 · 13.08.2015 por

bkf-PESAGEM

Os atletas que lutarão na 5ª edição do Brazilian King Fighter (BKF) sobem na balança nesta quinta-feira (13) para a pesagem oficial do evento. O Blog Vai Encarar transmite ao vivo, a partir das 12h, todas as emoções da pesagem e da última encarada antes dos combates.

Acompanhe a pesagem ao vivo:

Dentre os destaques do BKF estão os lutadores Andrezinho Nogueira e Paulo Magrão, que se enfrentam pelo cinturão dos pesos-penas, e Carlos Índio e Neilson Azevedo, que lutam pelo título dos meio-médios.

O BKF será realizado na noite da próxima sexta-feira (14), no Ginásio do Náutico, no bairro do Meireles, em Fortaleza.

Confira o card do evento:

Carlos Índio x Neilson Azevedo (cinturão dos meio-médios)
Andrezinho Nogueira x Paulo Magrão (cinturão dos penas)
Leandro Naja x Gerlândio Índio Payakan
Amanda Carvalho x Regina Pereira
Carlos Estevão x Danilo Mota
Lucas Tortuga x Israel Valente
Iramar Frota x Nilton Menezes
Germano Santana x Davi Ferreira Lima
Nelcione Nascimento x Luiz Paulo Sasso
Glefeson GG x Sasso Oliveira
Lucas Calou x Carlos Doido
Baiano x Aderbaldo ‘Berguim’ Marinho

08:21 · 23.07.2015 / atualizado às 08:28 · 23.07.2015 por
Carlos Índio fará a luta principal do evento contra o gaúcho Eder Lara, pelo cinturão dos meio-médios (Foto: Reprodução)
Carlos Índio fará a luta principal do evento contra o gaúcho Eder Lara, pelo cinturão dos meio-médios (Foto: Reprodução)

O Ginásio do Náutico Atlético Clube, no Meireles, em Fortaleza, será palco da 5ª edição do Brazilian King Fighter (BKF), que acontece no dia 14 de agosto e será oficialmente lançado na noite desta quinta-feira (23), no Shopping Parangaba. Entre nomes de peso no cenário nacional e jovens promessas do esporte, a competição contará com um card de 12 lutas, sendo três delas válidas por cinturão.

No combate principal do evento, o potiguar Carlos ‘Índio’ defenderá o cinturão da categoria dos meio-médios (até 77 kg) contra o gaúcho Eder Lara. Já pela categoria dos leves (até 70 kg), a luta que vale título será entre o cearense atual campeão Mario Pimpa contra o paraibano João Paulo Santos.

Outro que defenderá o cinturão do BKF é o cearense Andrezinho Nogueira. O lutador da academia Team Nogueira encara o potiguar Paulo ‘Magão’, no duelo co-principal da competição, pela divisão dos pesos-penas (até 65 kg).

Além das três disputas de cinturão, o BKF 5 ainda contará com lutas envolvendo nomes conhecidos do MMa cearense, como Leandro Naja, atual o campeão do Limo Fight; Danilo Mora, campeão do Evolução MMA; e Iramar Frota, ex-campeão do LFC.

A 5ª edição do BKF marca também o retorno da competição a Fortaleza após hiato de um ano e meio. O último evento do franquia na Capital foi em novembro de 2013, no Ginásio Paulo Sarasate. No ano passado o torneio ocorreu no município de Juazeiro do Norte. Nas últimas edições o evento contou com a presença dos lutadores do UFC José Aldo e Renan Barão.

Confira o card completo do BKF 5:

Carlos Índio x Elder Lara (cinturão dos meio-médios)

Andrezinho Nogueira x Paulo Magrão (cinturão dos pesos-penas)

Mário Pimba x João Paulo (cinturão dos pesos-leves)

Leandro Naja x Gerlândio Índio

Carlos Estevão x Danilo Mota

Lucas Tortuga x Israel Valente

Iramar Frota x Nilton Menezes

Germano Santana x Davi Ferreira

Nelcione Nascimento x Luiz Paulo Sasso

Glefeson GG x Sasso Oliveira

Lucas Calou x Carlos Doido

Baiano x ‘Berguim’ Marinho

14:42 · 08.11.2013 / atualizado às 14:42 · 08.11.2013 por

A luta entre Willamy Chiquerim e  Paulo “Guerreiro” Dantas, no BKF 3, acabou após uma joelhada ilegal do ex-lutador no UFC. O resultado foi considerado “no contest”. Chiquerim alegou não ter acertado  o golpe baixo, alegando que ele foi na barriga. Após a luta, os dois lutadores falaram que desejam remarcar o confronto. Veja o vídeo do golpe:

17:35 · 04.11.2013 / atualizado às 17:38 · 04.11.2013 por

O BKF 3 está marcado para a próximo quinta-feira, e para detalhar como vai ser a noite de lutar, o manager do evento, José Moreno conversou com o Blog Vai Encarar. Confira:

20:35 · 17.10.2013 / atualizado às 17:41 · 17.10.2013 por
Chiquerim e Andrezinho no OX MMA Event |Foto: Agência Diário
Chiquerim e Andrezinho no OX MMA Event |Foto: Agência Diário

O nocaute sofrido para Andrezinho no OX MMA Event foi uma experiência que o ex-campeão do Shooto, Willamy Chiquerim, não quer que se repita nunca mais. “É uma sensação ruim. Eu quero evitar o quanto eu puder. Eu nunca tinha perdido no Ginásio (Paulo Sarasate). Minhas pernas estavam dormentes. O que doeu foi o soco que entrou”, explica. Foi a primeira vez que o ex-UFC perdeu dessa forma.

Chiquerim acredita que o desempate no confronto contra Andrezinho era de extrema importância para sua carreira. “Era a luta da minha vida. Mas, é isso, todo mundo cai. Eu nunca tinha sido nocauteado em minha carreira. O maior medo da minha vida era cair. Nunca tinha tido um sensação e tomar um soco e cair”, diz.

Willamy, porém, admite que a experiência o ajudou. “Fui nocauteado e isso foi importante para mim. Isso tem que servir de exemplo para o bem. Você não pode se conformar. Você precisa reconhecer seus erros para consertá-los”, pondera.

Contra Paulo Guerreiro, no BKF 3, o jovem atleta espera deixar para trás as lembranças de sua última apresentação no Ginásio Paulo Sarasate. “No dia 7 eu vou dar a volta por cima”, promete.

17:30 · 17.10.2013 / atualizado às 17:34 · 17.10.2013 por
Chiquerim venceu Guerreiro em 2007 |Foto: Tuno Vieira/Agência Diário

No dia 7 de novembro, o ex-atleta do UFC, Willamy Chiquerim subirá no ringue montado no Ginásio Paulo Sarasate para encarar o experiente Paulo Guerreiro pelo cinturão dos pesos leves do Brazilian King Fighter (BKF). Doze anos mais novo, Chiquerim quando criança chegou a ser espectador das apresentações de Guerreiro nos ringues.

A luta será uma revanche de combate realizado em 2007, no “Ceará Vale Tudo Meeting”. Na ocasião, aos 19 anos, Chiquerim finalizou Guerreiro, 32, com um mata-leão no terceiro round.

“100% favorito era o Guerreiro, por ter uma história já no Estado. Eu superei o favoritismo”, comentou.

“Foi uma das lutas mais emocionantes da minha vida. Via o Guerreiro lutar quando eu era uma criança. Eu treinava criança vendo o Guerreiro lutar. Vi ele nocauteando muita gente. Fiquei bem nervoso”, relembrou.

Para o combate de novembro, o lutador já traça a postura que vai ter. “Tenho que ter cabeça. Não posso subestimar o adversário. Vamos colocar a estratégia (em prática) também. Espero sair com a vitória”, analisa.

21:17 · 01.10.2013 / atualizado às 18:07 · 02.10.2013 por

O Brazilian King Fighter (BKF) chega a sua terceira edição no dia 7 de novembro, no Paulo Sarasate. O card de lutas já está fechado com 11 combates, sendo duas disputas de cinturão.  O ex-TUF Brasil, Leonardo Macarrão, não estará presente no ringue do evento cearense. O catarinense foi especulado como adversário de Carlos Índio, que na verdade defende seu cinturão dos meio-médios contra Diego Gaúcho.

Luta entre Fogo e Cisco no BKF 2 |Foto: Natinho Rodrigues/Agência Diário
Luta entre Fogo e Cisco no BKF 2 |Foto: Natinho Rodrigues/Agência Diário

Já o cinturão até 70kg terá o combate entre Chiquerim e Paulo Guerreiro. O encontro será uma revanche. Em 2007, Chiquerim se saiu melhor com um mata-leão.

O evento será lançado oficialmente para a imprensa nesta quarta-feira, na academia MegaGym, a partir das 19h30.

Card de lutas

BKF 3

Rafael dos Santos X Simon Rodney
Thiago Maia X Derlan Lima
Lucas Callou X Gereba
Mário Pimba X Renan Virgula
Airton Boca X Arlem
Nacho Godachevich (ARG) X Iramar Frota
Anderson Cabeção X Moésio
Gasparzinho x Goiabinha
Jamil Silveira X David Mendes
Chiquerim x Paulo Gerreiro
Carlos Índio x Diego  Gaúcho

15:19 · 02.11.2012 / atualizado às 20:34 · 02.11.2012 por

A segunda edição do Brazilian King Fighter (BKF) aconteceu no último sábado (1), em Fortaleza, com 10 lutas que movimentaram o cenário do MMA da capital cearense. O Ginásio Paulo Sarasate recebeu um bom público, que presenciou dois nocautes, três finalizações e cinco decisões dos juízes.

BKF teve dez combates na noite de ontem |Foto: Natinho Rodrigues

Na luta principal da noite, Carlos Índio finalizou Ari “Mão de Pedra”, adversário conhecido de última hora. No co-evento principal, Maurílio Touro não demorou para nocautear o argentino Jacob Quintana. Os dois já haviam se enfrentado em janeiro e, na ocasião, o cearense venceu por finalização.

A melhor luta da noite, no entanto, foi o combate feminino entre  a cearense Leide Daiana e a potiguar Antonia Silvaneide, a Marrentinha. A dona da casa não conseguiu aguentar o jogo de ground’n’pound da adversário e acabou nocauteada no terceiro round.

Resultados do BKF II:

Carlos Índio finalizou Ari Mão-de-Pedra no 1° round
Maurílio Touro nocauteou (TKO) Jacob Quintana-ARG no 1° round
Paulo Guerreiro venceu Alberto Pantoja (PA) na decisão unânime dos juízes
Goiabinha finalizou Neto Fúria no 1° round
Jamil Silveira finalizou Rafael Alves no 3° round
Antônia Silvaneide (RN) nocauteou (TKO) Leide Daiana (RN) no 3° round
David Mendes venceu Cyborg na decisão unânime dos juízes
Michael William venceu Yuri Dantas na decisão unânime dos juízes
Fogo venceu Cisco (PA) na decisão unânime dos juízes
Felipe Queiroz venceu Thiago Ruas na decisão dividida dos juízes