Busca

Tag: Dana White


17:13 · 30.11.2015 / atualizado às 17:45 · 30.11.2015 por
071015-UFC-pool-party-LN-G4.vresize.1200.675.high.89
presidente do UFC, Dana White, achou que era hora dos lutadores terem um pouco de diversão (Reprodução)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Festa na piscina! Isso mesmo. O The Ultimate Fight 22, disputado pelo Team Urijah Faber x Team Conor McGregor, está pegando fogo na sua reta decisiva.

Com os atletas se preparando para as quartas de final da edição, que terá seu grand finale em Las Vegas, no dia 11 de dezembro, o presidente do UFC, Dana White, achou que era hora dos lutadores terem um pouco de diversão e promoveu uma pool party. No fim do vídeo, Dana explicou sua atitude, a qual disse jamais ter tido antes.

“A maneira como esses caras lutaram desde que entraram aqui na casa, durante todas as preliminares… Agora temos uma pequena pausa aqui, antes de irmos para as quartas de final. E isso dá a eles um tempo para relaxar, se divertir e recarregar. Amanhã é volta aos treinos, e daqui há cinco dias a primeira quarta de final irá acontecer”, declarou o mandatário do UFC.

Ao final da gravação, McGregor decide que está na hora dos cinegrafistas darem adeus: ‘É hora das câmeras irem! Obrigado à todos!”, diz o irlandês.

Confira no vídeo abaixo:

17:15 · 01.09.2015 / atualizado às 20:22 · 01.09.2015 por
Minotauro possui um cartel de 45 lutas, sendo 34 vitórias (Foto: UFC)
Minotauro possui um cartel de 45 lutas, sendo 34 vitórias (Foto: UFC)

Um dos maiores lutadores de MMA do mundo, RodrigoMinotauroNogueira, anuncia a aposentadoria dos rings nesta terça-feira (01/09). O ex-campeão do Pride e do UFC passa a assumir o cargo de Embaixador de Relacionamento com Atletas do UFC no Brasil.

Segundo o site oficial do UFC, Minotauro ” vai participar de diversas iniciativas pelas regiões do Brasil. Ele será a ligação da organização entre atletas, patrocinadores, mídia e órgãos governamentais. Como um dos pioneiros do esporte, e muito respeitado na comunidade do MMA, ele irá auxiliar o UFC a manter o mais alto padrão dos lutadores, e ao mesmo tempo, atuar como um mentor no desenvolvimento de jovens atletas”.

O irmão mais velho da organização Team Nogueira, em entrevista ao site do UFC, agradeceu a oportunidade de continuar trabalhando com o esporte ao qual se dedicou desde 1999, quando realizou sua primeira luta profissional, pelo Pride.

Minotauro anunciou a aposentadoria nesta terça-feira (01/09). FOTO: Reprodução/Instagram
Minotauro anunciou a aposentadoria nesta terça-feira (01/09). FOTO: Reprodução/Instagram

“Para mim é um grande prazer e uma honra continuar meus laços com o UFC. Sempre tive a paixão de acompanhar o desenvolvimento de novos atletas e é isso que desejo continuar fazendo. Quero ajudar a disseminar o MMA por todo o mundo e dar minha contribuição para o surgimento e desenvolvimento de jovens talentos”, disse Min
tauro.

Encerrando a carreira com 34 vitórias, 10 derrotas e 1 empate (considerando Pride, UFC, UFO, RINGS e WEF) Minotauro ainda recebeu elogios de Dana White, presidente do UFC, sendo chamado de “lenda”.

“Ele é respeitado por lutadores e fãs por todo o mundo. Tem sido uma honra assisti-lo competir e estou feliz pela sua aposentadoria. Ele será um trunfo enorme para o UFC, atletas e para o esporte como Embaixador. Mal posso esperar para trabalhar com ele nesse novo capítulo de sua vida”, afirmou Dana.

 

09:17 · 11.08.2015 / atualizado às 09:17 · 11.08.2015 por
O duelo vale o cinturão unificado dos pesos-penas (Foto: Reprodução)
O duelo vale o cinturão unificado dos pesos-penas (Foto: Reprodução)

A tão aguardada luta entre José Aldo e Conor McGregor já tem uma nova data para acontecer. O presidente do UFC, Dana White, confirmou, em entrevista ao Yahoo Sports, que o duelo será realizado no dia 12 de dezembro, no UFC 194, no MGM Grand Gardem Arena, em Las Vegas (EUA).

A declaração do mandatário surge dias depois de o ex-lutador Tito Ortiz, atual empresário de Cris Cyborg, garantir que o UFC havia oferecido para a brasileira uma luta contra Ronda Rousey, campeã do peso-galo, para o UFC 194. A luta, segundo Ortiz, seria realizada no estádio do Cowboys, no Texas.

“Para mostrar que Tito Ortiz não faz ideia do que ele está falando, nós sequer vamos fazer o evento em Dallas, Texas. O UFC 194 será no MGM, em Las Vegas. Isso mostra que Tito está falando besteira. O acordo com a Cyborg é que nós dissemos para ela bater 61,2 kg e aí nós poderíamos falar sobre ela enfrentar a Ronda e eles ainda não fizeram isso! Eles ainda estão falando sobre lutar em 63,5 kg na próxima luta dela no Invicta. O que há de errado com essas pessoas? E nós já falamos que a Ronda iria enfrentar a Miesha Tate em seguida e é isso que vamos fazer”, declarou Dana White.

A luta entre José Aldo e Conor McGregor vale o cinturão unificado dos pesos-penas. O combate já era para ter ocorrido no dia 11 de julho deste ano, no UFC 189, mas o brasileiro sofreu uma lesão na costela e precisou ser retirado do card.

O irlandês enfrentou o americano Chad Mendes, conseguiu um nocaute e faturou o título interino da divisão. José Aldo vai para sua oitava defesa do cinturão dos penas.

10:53 · 25.05.2015 / atualizado às 10:54 · 25.05.2015 por
jacaré
Atual número dois da divisão, o brasileiro vem de oito vitórias consecutivas (Foto: Reprodução Facebook)

O presidente do UFC, Dana White, revelou que Ronaldo “Jacaré” pode ser o próximo desafiante ao cinturão dos pesos-médios. O mandatário afirmou, em entrevista ao Ultimate, que teve um conversa com o empresário do lutador para que o brasileiro fosse o novo adversário do americano Chris Weidman.

“O empresário do Jacaré me ligou e disse que le estava pronto para Weidman. Então, provavelmente, será Ronaldo Jacaré contra Chris Weidman na sequência”, declarou White.

Questionado se o americano Luke Rockhold, atual líder do ranking dos médios, estava fora da disputa pelo cinturão, o chefão do UFC recuou e disse que tudo poderia acontecer. “Não sei. Vamos ver o que acontece. Luke Rockhold é, obviamente, o desafiante número um, então vamos ver”, ressaltou.

Ronaldo Jacaré vive hoje o melhor momento da carreira. Atual número dois da divisão, o brasileiro vem de oito vitórias consecutivas, sendo sete por nocaute ou finalização.

Rockhold também apresenta um excelente cartel, com 14 vitórias, e seu último revés foi para Vitor Belfort. O americano, inclusive, já venceu Jacaré, ainda no extinto Strikeforce, em setembro de 2011.

 

09:28 · 05.02.2015 / atualizado às 09:28 · 05.02.2015 por
Spider voltou como nos velhos tempos e conquistou sua 33ª vitória na carreira (Foto: UFC)
Spider flagrado no exame antidoping (Foto: UFC)

O UFC decidiu manter Anderson Silva, 39, como um dos técnicos do reality show “The Ultimate Fighter“, apesar de o brasileiro conhecido como o melhor lutador de MMA da história ter sido flagrado no exame antidoping. A Globo exibirá o programa.

“Anderson tem sido um dos maiores atletas que o esporte já viu. Ele tem uma longa e única carreira nas artes marciais mistas. Em nove anos no UFC, Anderson nunca testou positivo para uma substância proibida, Nos guiando por isso, durante todo esse processo, Anderson vai continuar sendo o técnico do TUF. Claro que vamos continuar acompanhando as ações da Comissão de Nevada”, informou Dana White, presidente do UFC, por meio de comunicado oficial na noite desta quarta-feira.

Anderson começará na segunda-feira a participar das gravações do reality show “The Ultimate Fighter”, nos arredores de Las Vegas. A reportagem apurou que o lutador participou normalmente das gravações nesta segunda e terça-feira.

Além do reality que será transmitido na TV aberta pela rede Globo, Anderson participa do “Spider Life Show“, reality show multiplataforma cujos episódios são disponibilizados via Youtube e também por meio de mídias sociais do lutador.

Foi divulgada a participação de Anderson em um terceiro reality show, sobre forma física, exercícios e alimentação no canal americano AXS. Mas, oficialmente, o time do lutador afirma desconhecer sua participação.

Doping

Apesar de manter Anderson no reality show, o UFC fez questão de reiterar em seu comunicado que respeita a Comissão Atlética do Estado de Nevada, que havia “encomendado” o exame antidoping e que suspendeu preventivamente Anderson após o resultado positivo para doping.

“Apoiamos irrestritamente o programa de testes da comissão fora do período de competição. Testes dessa natureza são importantes para manter o esporte limpo”, afirmou o comunicado do UFC.

01:50 · 10.01.2014 / atualizado às 02:00 · 10.01.2014 por
BJ Penn já foi detentor do cinturão dos meio médios e leves do UFC (Foto: Divulgação)
BJ Penn já foi detentor do cinturão dos meio médios e leves do UFC (Foto: Divulgação)

BJ Penn e Brock Lesnar estão na mira da direção do UFC. Dois dos maiores lutadores da história do Ultimate podem voltar ao octógono mais famoso do planeta, neste ano.

BJ Penn pelo currículo fantástico construído ao longo da franquia já afirmou que desiste da aposentadoria para enfrentar Frankie Edgar em um terceiro e épico confronto. Penn perdeu os dois anteriores para Edgar. Já Brock Lesnar voltou a ser foco das investidas de Dana White, presidente do UFC, para retornar aos pesados.

O interesse de White cresceu muito depois que o nome de Brock Lesnar, o campeão de venda de pay-per-view do UFC, foi cogitado para enfrentar Fedor Emelianenko em um combate de “desaposentados”. A luta não seria pelo Ultimate e repercutiu bastante na mídia internacional.

Brock Llesnar teve uma carreira curta no Ultimate, mas mesmo assim foi campeão dos pesados (Divulgação UFC)
Brock Lesnar teve uma carreira curta no Ultimate, mas mesmo assim foi campeão dos pesados (Divulgação UFC)

Segundo o jornal norte-americano “Los Angeles Times”, desde então, Lesnar tem sido assediado pelo chefão da franquia. A ideia é convencer o gigante a fazer pelo menos mais duas ous três lutas de MMA. Brock Lesnar tem 36 anos de idade e um cartel de 5 vitórias e três derrotas. Ele já foi campeão dos pesados do UFC.

BJ Penn tem um currículo bem mais respeitável. O havaiano de 35 anos tem 16 vitórias e nove derrotas. Ele foi campeão de duas categorias diferentes: meio médio e leves. Penn já declarou que não vê problema em descer de categoria para os penas em um possível acerto de luta entre ele o também ex-campeão dos leves, Frankie Edgar.

Nem Dana White tampouco alguém da direção do UFC confirmou o combate entre BJ Penn e Frankie Edgar e o retorno de Brock Lesnar ao evento. Os fãs de MMA torcem para ver mais uma vez em ação dois dos grandes nomes do esporte que marcaram suas trajetórias no Ultimate.

22:10 · 29.09.2013 / atualizado às 22:15 · 29.09.2013 por
Weidman, Dana White e Anderson continuam turnê de promoção da revanche no Brasil (Foto: Divulgação/  Alexandre Loureiro/ Inovafoto)
Weidman, Dana White e Anderson continuam turnê de promoção da revanche no Brasil (Foto: Divulgação/ Alexandre Loureiro/ Inovafoto)

As novidades nas falas de Anderson Silva, Chris Weidman (campeão dos médios) e Dana White (presidente do UFC) são raras durante a turnê de promoção da revanche entre os dois lutadores no dia 28 de dezembro deste ano. Geralmente são sempre as mesmas respostas para as mesmíssimas perguntas dos jornalistas. Na passagem deles pelo Rio de Janeiro, neste domingo, 29, contudo, foi diferente. Ao Esporte Interativo, o Spider revelou ter lutado machucado contra Weidman há três meses em Las Vegas, Nevada, Estados Unidos.

“Foi bom você tocar nesse assunto. Realmente, eu estava machucado. Até agora não tinha sido tocado esse assunto. Isso não foi desculpa para minha performance”, afirmou o ex-campeão. Perguntado se isso tinha interferido no jogo dele durante o combate, Anderson preferiu se esquivar. “Então, eu não posso falar sobre isso porque qualquer coisa que eu falar agora vai ser usado contra mim. É passado”, completou o brasileiro.

A contusão de Anderson teria sido na costela. Mesmo local que já tinha o prejudicado no combate em que enfrentou Chael Sonnen pela primeira vez. Naquela luta, o brasileiro estava perdendo todos os rounds até que encaixou um triângulo e finalizou o americano restando pouco mais do que 30 segundos para  fim.

14:38 · 18.09.2013 / atualizado às 15:01 · 18.09.2013 por

Depois de contrariar diversos especialistas ao comprovar que o boxe continua firme na realização de grandes e milionários eventos nos Estados Unidos, o lutador Floyd Mayweather afirmou em entrevista ao Fight Hype, após o supercombate contra o mexicano Canelo Alvarez, que pretende fazer negócios com Dana White e empresariar lutadores de MMA.

Mayweather não teve dificuldades para vencer Canelo Alvarez por pontos na luta que movimentou milhões dólares (Foto: Reprodução Facebook)
Mayweather não teve dificuldades para vencer Canelo Alvarez por pontos na luta que movimentou milhões dólares (Foto: Reprodução Facebook)

A ideia de Mayweather é potencializar esse boom do MMA no mundo inteiro e transformá-lo em um “outro nível” mais próximo ainda do boxe profissional. O pugilista disse que pretende reunir seu empresário Al Haymon e o presidente do UFC para agenciar atletas das Artes Marciais Mistas.

“Você sabe, Al Haymon está procurando empresariar Lutadores de MMA. Mesmo que ele ainda não tenha dito isso, eu quero que Al faça isso. Acho que posso levar o MMA a um outro nível”, contou Mayweather, ressaltando que conhece Dana White há muito tempo antes mesmo do presidente do UFC ter entrado no ramo das lutas de MMA.

07:00 · 22.08.2013 / atualizado às 07:00 · 22.08.2013 por
Lyoto Machida vai lutar na categoria médios em novembro (UFC Inovafoto - Divulgação)
Lyoto Machida vai lutar na categoria médios em novembro (UFC Inovafoto – Divulgação)

O brasileiro Lyoto “The Dragon” Machida terá oportunidade de se redimir da derrota para Phil Davis, no UFC Rio 4, ainda neste ano. De acordo com o presidente da organização, Dana White, Machida entrará no octógono no dia 6 de novembro contra o membro do exército norte-americano Tim Kennedy.

Segundo o chefão, que fez a revelação durante programa de televisão estadunidense, Lyoto descerá para a categoria dos médios para fazer o combate. O local do combate ainda não foi marcado. O adversário do brasileiro fez sua estreia no UFC contra Roger Gracie. Ele venceu o confronto por pontos em decisão unânime. Depois dessa luta, Gracie foi demitido do Ultimate.

17:54 · 14.08.2013 / atualizado às 18:09 · 14.08.2013 por
Os dois são ex-campeões dos meio-pesados do UFC

Vitor Belfort e Lyoto Machida bem que tentam, mas não conseguem ganhar a chance pelo título em suas categorias. Já que isso não acontece, foi levantada a possibilidade de um confronto entre os dois. E o presidente do UFC, Dana White, já aprovou o confronto. O dirigente confirmou ao “UFC Tonight“, programa oficial de notícias da companhia, que o duelo está sendo negociado e pode ser marcado entre os médios ou entre os meio-pesados.

White afirmou que a luta pode ser marcada para o UFC 167, evento de 16 de novembro, que terá como luta principal  Georges St-Pierre x Johny Hendricks. A outra opção é colocar a luta no UFC de Goiânia, no dia 9 de novembro.

A equipe de Lyoto Machida afirmou durante o programa que tem interesse de fazer a luta em um estádio brasileiro e aceitaria o combate em qualquer peso.