Busca

Tag: Jiu Jitsu


12:22 · 19.02.2016 / atualizado às 12:23 · 19.02.2016 por
Royce durante a pesagem para o Bellator 149. Brasileiro enfrentará Ken Shamrock. (Foto: Digulgação/Twitter/Bellator)
Royce durante a pesagem para o Bellator 149. Brasileiro enfrentará Ken Shamrock. (Foto: Divulgação/Twitter/Bellator)

Uma lenda do MMA e do jiu-jitsu brasileiro está prestes a voltar aos ringues. Royce Gracie, uma das lendas das artes marciais do País, tem luta marcada para a noite desta sexta-feira (19), pelo Bellator 149, evento secundário do universo do MMA e rival do UFC.

Royce Gracie, atualmente com 49 anos, enfrentará o americano Ken Shamrock, 52. Ambos os lutadores estão no Hall da fama do UFC.

“Muitos lutadores reclamam: “Ah ele está dois quilos mais pesado que eu”. Sério? Não importa. A arte do jiu-jítsu Gracie é aprender como se defender em qualquer situação, não para pontuar, não para competições, mas para uma situação de briga de rua”, disse o brasileiro ao site MMA Fighting.

Esta é terceira vez que os lutadores se encontram no ring. Em 1993, na primeira edição do Ultimate, Royce finalizou Shamrock com um mata-leão ainda no primeiro minuto de combate. Fato curioso é que o segundo duelo terminou com um empate, após 36 minutos, e ficou marcado como a luta mais longa da história do UFC.

Royce Gracie tem 16 vitórias, apenas 2 derrotas e 3 empates em toda a carreira.

Confira os duelos do Bellator 149:

Card principal

Royce Gracie vs. Ken Shamrock
Kimbo Slice vs. Dada 5000
Derek Campos vs. Melvin Guillard
Emanuel Newton vs. Linton Vassell
Daniel Pineda vs. Emmanuel Sanchez

Card preliminar

Richard Knepp vs. Isaac Villanueva
Ryan Hollis vs. Adrian Yanez
Anthony Ivy vs. Jason Langellier
Jeremy Mahon vs. Davis Sylvester
Juan Torres vs. Justin Wren
Mike Trinh vs. Angel Zamora
Ruben Esparsa vs. C.J. Hancock
Manny Lozoya vs. Jacob Norsworthy

Veja alguns dos bons momentos de Royce Gracie nos ringues:

09:18 · 05.10.2015 / atualizado às 09:28 · 05.10.2015 por
Os lutadores trocaram socos na calçada do ginásio (Foto: Reprodução)
Os lutadores trocaram socos na calçada do ginásio (Foto: Reprodução)

O Campeonato Pan-Americano de Jiu-Jitsu Profissional, realizado neste fim de semana em Fortaleza, foi marcado negativamente por uma briga entre dois lutadores do lado de fora do Ginásio do Náutico Atlético Cearense Atlético, localizado na Av Abolição, no bairro do Meireles.

A confusão teria iniciado ainda dentro do ginásio, após uma discussão entre representantes de duas equipes rivais. Os lutadores saíram da área de competição e começaram a brigar meio da rua.

O ocorrido foi gravado por pessoas que acompanhavam a competição e as imagens enviadas ao Blog Vai Encarar, por meio da ferramenta VC Repórter, pelo aplicativo WhatsApp.

No vídeo é possível ver dois homens lutando na calçada do Clube do Náutico. Eles usam técnicas da luta agarrada e passam a trocar socos.

Uma multidão se formou em volta dos lutadores e passou a incentivar a violência. A torcida ainda presente dentro do Náutico vaiou lamentável episódio.

Após alguns instantes, um dos organizadores se aproxima da confusão e separa os lutadores. Uma outra atleta de jiu-jitsu, visivelmente transtornada, ainda parte para cima de um dos homens e o agride com xingamentos, socos e chutes.

Confira o vídeo:

A Polícia Militar (PM) informou que não foi acionada para nenhuma ocorrência naquela região e que a segurança do evento seria de responsabilidade dos organizadores.

A competição foi organizada Confederação Brasileira de Lutas Profissionais (CBLP). A entidade foi procurada pelo BVE, mas as ligações não foram atendidas e até esta publicação o email não havia sido respondido.

O Campeonato Pan-Americano de Jíu-Jitsu Profissional 2015 foi realizado no sábado (3) e no domingo (4) e reuniu dezenas de atletas de equipes do Brasil e do Exterior, nas categorias masculino, feminino, infantil e juvenil. Ao todo, foram distribuídos R$ 70 mil em prêmios.

14:20 · 11.09.2015 / atualizado às 14:20 · 11.09.2015 por
 O curso será realizado na academia Physicall Lab, no Centro (Foto: Reprodução)

O curso será realizado na academia Physicall Lab, no Centro (Foto: Reprodução)

A lutadora de jiu-jítsu Jaqueline de Moares Amorim irá ministrar um seminário em Fortaleza no próximo sábado (12). Apesar de jovem, a amazonense carrega um vasto currículo na modalidade e já foi bicampeã mundial de jiu jítsu, bicampeã do Word Pro de Abu Dhabi e tetracampeã brasileira de jiu jítsu.

O curso será realizado na academia Physicall Lab, na Rua Joaquim Deodato, 199, no Centro. A aula será iniciada às 10h.

O investimento é de R$ 80 para quem pagar no dia e R$ 60 para quem pagar antecipado. O seminário é aberto ao público e representa uma ótima oportunidade para adquirir novas técnicas na modalidade.

11:53 · 02.09.2015 / atualizado às 12:06 · 02.09.2015 por
A lutadora aplicou um triângulo e manteve a posição até a chagada da Polícia (Foto: Reprodução)
A lutadora aplicou um triângulo e manteve a posição até a chagada da Polícia (Foto: Reprodução)

Um homem suspeito de assalto teve uma surpresa nada agradável ao tentar roubar uma mulher, na última terça-feira (1º), na cidade de Açailância, no Maranhão. A ‘vítima’ era uma lutadora de jiu-jítsu e MMA e usou as técnicas adquiridas na arte suave para prender o assaltante.

A mulher, identificada como Monique Bastos, aplicou um triângulo no suspeito e o imobilizou até a chegada da Polícia. A ação foi gravada por populares da cidade e logo ganhou milhares de compartilhamentos nas redes sociais.

No vídeo é possível ver o suspeito imobilizado e pedindo socorro. “Chama a Polícia, chama a Polícia. Socorro! Foi a primeira vez que eu fiz isso, senhor. Foi a primeira vez que eu fiz isso!”, dizia o homem, com o rosto todo ensaguentado.

Assista ao flagrante:

A lutadora relatou em entrevista ao portal de notícias G1 que estava indo para a academia treinar, quando foi abordada por dois assaltantes. “Eles chegaram de moto e tomaram meu celular. Dei um puxão neles e derrubei a moto. O comparsa acabou levando meu celular”, lembrou Monique.

Durante 15 minutos, Monique manteve a força para seguir com o criminoso imobilizado em suas pernas, sem largar a posição. Após a chegada de uma equipe da Polícia Militar, o homem foi preso em flagrante e levado à 9ª Delegacia Regional de Açailândia.

11:02 · 01.06.2015 / atualizado às 11:24 · 01.06.2015 por
A programação contará com competições de jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA (Foto: Reprodução)
A programação contará com competições de jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA (Foto: Reprodução)

A Coordenadoria de Juventude de Fortaleza, por meio da Rede Cuca, realiza a sua III Semana de Artes Marciais. O evento, que acontecerá entre os dias 13 e 20 de junho, tem como finalidade a difusão das artes marciais e integração do esporte entre os jovens. As competições irão acontecer nos Cucas Barra, Jangurussu e Mondubim.

A programação irá contar com disputas nas seguintes modalidades: jiu jitsu, muay thai, kung fu, sanda, karatê e MMA. Além disso, o público também poderá conferir competições, mostras de vídeos, palestras, mesas redondas, competições e tatames abertos (com a participação de alunos, equipes e professores convidados irão interagir com o público durante as aulas). A programação é gratuita e aberta para todos os públicos.

Os Cucas Barra, Jangurussu e Mondubim fazem parte de uma rede de proteção social pertencente a Coordenadoria de Juventude da Prefeitura de Fortaleza. Mensalmente, os três equipamentos ofertam cursos de formação e práticas esportivas gratuitos voltados para jovens com idade entre 15 e 29 anos.

Confira a programação completa:

Sábado (13): Campeonato de Muay Thai – 18h às 22h
Local: Cuca Jangurussu

Terça-feira (16): Documentário sobre o MMA – 9h às 11h
Local: Cuca Barra

Roda de Capoeira – 19h às 21h
Local: Cuca Jangurussu

Quarta-feira (17): Graduação de Karatê – 9h às 11h
Local: Cuca Mondubim

Competição de Karatê – 13h às 17h
Local: Cuca Mondubim

Quinta-feira (18): Filme e palestra sobre o MMA – 9h às 12h
Local: Cuca Barra

Roda de Capoeira – 19h às 21h
Local: Cuca Mondubim

Sexta-feira (16): Graduação de Muay Thai – 9h às 11h
Local: Cuca Barra

Lutas de Jiu-jitsu e Submission – 13h às 17h
Local: Cuca Mondubim

Sábado (20/06): Lutas de MMA – 17h às 22h
Local: Cuca Barra

Serviço:

III Semana de Artes Marciais da Rede Cuca
Dias: De 13 a 20 de junho
Local: Cuca Barra – Avenida Presidente Castelo Branco, 6417, Barra do Ceará
Cuca Jangurussu – Avenida Castelo de Castro com avenida Contorno Leste
Cuca Mondubim – Rua Santa Marlúcia, s/n, Mondubim
Programação gratuita e aberta ao público

09:46 · 28.11.2014 / atualizado às 09:51 · 28.11.2014 por
O campeonato vai receber atletas cearenses e de outros estado (Foto: Reprodução CBJJ)
O campeonato vai receber atletas cearenses e de outros estado (Foto: Reprodução CBJJ)

Fortaleza recebe no próximo domingo (30) o Campeonato Nordeste de Jiu-Jitsu. O evento será realizado no ginásio do SESC e deve reuniu atletas cearenses e de outros estados.

As lutas serão divididas de acordo com categoria de cada competidor, desde a faixa-branca até os especialistas na arte suave, que ostentam a faixa-preta. O campeonato também vai contar com lutas femininas.

Os campeões ganharão uma premiação em dinheiro, medalha da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu e ainda somam ponto no ranking da modalidade.

No entanto, não será fácil conquistar o título do campeonato, já que cada atleta deve fazer pelo menos 3 lutas, como explicou o presidente da Federação de Jiu-Jitsu do estado do Ceará, Ricardo Pinho.

Confira os valores de cada premiação:

Faixa preta Masculino R$2.000,00
Faixa preta feminino R$2.000,00
Faixa marrom Masculino R$1.000,00
Faixa marrom feminino R$1.000,00
Faixa roxa masculino R$600,00
Faixa roxa feminino R$600,00
Faixa azul masculino R$400,00
Faixa azul feminino R$400,00
Faixa branca masculino R$300,00
Faixa branca feminino R$300,00

Serviço

Campeonato Nordeste de Jiu-Jitsu
Data: 10 de novembro
Local: Ginásio do SESC – Rua Clarindo de Queiroz, 1740
Informações: (85) 8765-9290 e 3281-8218.

10:47 · 21.08.2014 / atualizado às 10:47 · 21.08.2014 por
Rodrigo Minotauro esteve presente na última graduação da academia (Foto: Holanda Júnior)
Rodrigo Minotauro esteve presente na última graduação da academia (Foto: Holanda Júnior)

A Team Nogueira realiza, no próximo sábado (23), exame de graduação para todas as artes marciais ministradas na academia. Ao todo, mais de 100 alunos farão teste de nível, entre as modalidades Karatê, jiu-jitsu, Krav Magá, Taekwondo, judô, Ladies Camp, boxe e muay thai.

Na oportunidade, a Team Nogueira fará, também, uma homenagem à Cruz Vermelha do Ceará pelo trabalho que vem sendo realizado no Estado. O Fortaleza Esporte Clube, representado pelo diretor de marketing, Fábio Mota, estará representando o clube, devido à parceria que de patrocínio a atletas que foi fechada entre as instituições.

O atleta Danilo Mota, um dos detentores do cinturão do Limo Fight, também estará presente na graduação.

11:48 · 10.08.2014 / atualizado às 11:52 · 10.08.2014 por

O tricampeão mundial de jiu-jitsu, Leandro Lo, esteve em Fortaleza para ministrar um seminário na academia Team Nogueira, que foi realizado neste sábado (9). Em entrevista ao Vai Encarar, o atleta conta como o jiu-jitsu surgiu em sua vida, os principais desafios até chegar ao tricampeonato mundial e ao bicampeonato panamericano, se acredita que o jiu-jitsu possa se tornar um esporte olímpico e se pensa em ser lutador de MMA; confira:

01:51 · 13.03.2014 / atualizado às 01:58 · 13.03.2014 por

Essa vale a pena ver e rever. Em uma aula para apresentar suas técnicas de jiu-jítsu, Fabrício Werdum botou um de seus alunos para dormir. No começo, o brasileiro ficou nitidamente desconcertado, mas depois, com o bom humor que é característico do ‘Vai Cavalo‘, ele levou na brincadeira e continuou a aula.  Veja você mesmo.

)

17:22 · 01.10.2013 / atualizado às 21:46 · 01.10.2013 por
Um dos primeiros heróis nacionais e fundador do jiu-jítsu brasileiro completaria 100 anos na próxima terça, dia 1º |Foto: Divulgação

Nesta terça-feira, dia de 1º de outubro, Hélio Gracie completaria 100 anos. Falecido no dia 29 de janeiro de 2009, aos 95 anos de idade, o filho mais franzino de Gastão Gracie foi o fundador do jiu-jítsu brasileiro como nós o conhecemos, atualmente.

O jiu-jítsu foi introduzido na família Gracie por Esai Maeda, também conhecido como Conde Koma. O japonês era especialista em judô, que no país asiático também podia ser chamado de jiu-jítsu. Koma morou no Pará e cultivou uma amizade com Gastão Gracie, passando a dar aula da arte marcial para o seu filho mais velho, Carlos Gracie.

Hélio, por ser fraco fisicamente, nunca pôde treinar com seu irmão, que logo se tornou um professor conhecido. Limitado a apenas observar, o jovem decorou todas as posições e certa vez quando Carlos se atrasou para uma aula, Hélio passou a lecionar. O aluno gostou da metodologia e pediu a Carlos para ser ensinado pelo seu irmão.

Como sempre foi frágil, Hélio pensou em formas de como compensar seu biotipo. Ele aprimorou a parte de solo, através do uso do dispositivo de alavanca, que não requer aplicação de muita força. “O jiu-jítsu não veio para o Brasil, eu é que o criei. Não existia. Meu irmão praticava o judô, mas eu era pouco afeito ao judô, porque exigia habilidade e força, e eu era muito fraco. De alguns golpes que vi, eu aperfeiçoei e criei o jiu-jítsu”, explicou, em 2007, em entrevista na TV.

Ídolo nacional

Hélio é considerado o primeiro herói no esporte do Brasil – nos anos de 1930 o futebol ainda não era tão massificado. Os Gracie foram os precursores do chamado Vale-Tudo. E Hélio foi o principal lutador, fazendo combates por todo País, inclusive tendo se apresentado no Ceará, onde o irmão Carlos chegou a residir. O atleta foi capa de vários jornais da época.

Sua fama era tanta que atraiu até o presidente Getúlio Vargas, que estava no Maracanã quando Hélio perdeu para o japonês Kimura, em 1951. Posteriormente, um filho de Getúlio e o governador Carlos Lacerda se tornaram alunos seus alunos.

O Vale-Tudo motivou um dos filhos de Hélio, Rorion, a criar o Ultimate Fighting Championship (UFC), que tinha como objetivo provar a hegemonia do jiu-jítsu. Outro filho, Royce, foi o primeiro