Busca

Autor: Marcelino Júnior


16:35 · 18.09.2018 / atualizado às 16:35 · 18.09.2018 por
Banda Negra Maré se apresenta gratuitamente em Pacujá (Foto: divulgação).

Pacujá- Nessa quarta-feira (19), os moradores de Pacujá, na região Norte, vão conferir gratuitamente a programação cultural do projeto Sesc Sonoridades, desenvolvido pela Unidade Sobral do Serviço Social do Comércio, que circula pelas cidades do entorno. A banda Negra Maré promete movimentar o público na Praça São Vicente, no Centro, a partir das 20h30.

Show

Com o estilo pop reggae, a banda Negra Maré surgiu no ano de 2017, com a proposta do tributo ao Natiruts, Cidade Negra e o Rappa, mas também apostando nas composições autorais que são anexadas juntamente ao show tributo. O grupo promete não deixar ninguém ficar parado e recordar vários sucessos.

Sesc Sonoridades

Primando pela diversidade de estilos e gêneros, o projeto tem como objetivo dar oportunidade às bandas regionais, proporcionando, assim, espaço para desenvolvimento e intercâmbio entre os grupos locais, fortalecendo a cena musical autoral e experimental, por meio de apresentações sistemáticas ou mostras.

Serviço

Mostra Sesc Sonoridades em Pacujá

Na Praça São Vicente (Rua Maria Nepomuceno, s/n – Bairro São Vicente)

Data: 19/9

Às 20h30

Acesso gratuito

Informações: (88) 3611.0954

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

07:17 · 18.09.2018 / atualizado às 07:17 · 18.09.2018 por
Cruz- CE; equipe da Semace constata desmatamento na região Norte (Foto: divulgação).

Cruz- A Operação Mata Atlântica em Pé, no Ceará e em outros Estados, teve continuidade na sexta-feira (14/09) em busca de eventuais flagrantes de delitos contra o Meio Ambiente. Se comparado ao balanço divulgado anteriormente, o quantitativo de hectares desmatados em todo o país quase dobrou, de 2.890 para 5.285 ha, e o valor total das multas aplicadas subiu de 12 para 20 milhões de reais. Realizada entre os dias 10 e 14 deste mês, a operação fiscalizou 517 propriedades previamente definidas a partir de imagens de satélite.

Multas

No Ceará, as multas foram de 1,5 milhão, do balanço parcial, para 2,4 milhões de reais. Além de Cruz, Acaraú, Trairi e Paraipaba, o município de Itarema foi contemplado com a operação. Um total de 26 polígonos foram fiscalizados e 567 hectares foram embargados por confirmação de desmatamento ilegal, o que resultou na lavratura de 12 autos de infração. Com o encerramento da operação, o Ceará teve o 3º maior valor de multas aplicadas, ficando atrás apenas de Minas Gerais com R$ 5,1mi e do Mato Grosso do Sul com 4,9 milhões. O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) contou com o apoio da Semace, da Polícia Militar Ambiental e Ibama.

Área desmatada

“Apesar do sucesso da operação, é com imensa tristeza que verificamos que quase 10% do total de desmatamento foi encontrado no Ceará, e isto é motivo de grande preocupação para o Ministério Público e demais órgãos fiscalizadores. Consideramos que este é um percentual bastante elevado e esperamos realizar novas fiscalizações para coibir irregularidades e reduzir o desmatamento com os efeitos educativos e punitivos das operações”, disse a promotora de Justiça Jacqueline Faustino, coordenadora do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente (Caomace).

Parcerias

O coordenador nacional da operação, o promotor de justiça Alexandre Gaio, ressaltou a perfeita coordenação entre os diversos órgãos participantes: “Além dos dados muitos significativos de fiscalização e de início do processo de responsabilização e recuperação ambiental, é importante destacar que a operação nacional demonstrou uma atuação coesa, forte e organizada dos Ministérios Públicos e sua articulação com o Ibama, as Polícias Ambientais e os órgãos ambientais estaduais para a proteção do bioma Mata Atlântica”, declarou.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

17:38 · 17.09.2018 / atualizado às 17:38 · 17.09.2018 por

Bela Cruz- O prefeito de Bela Cruz, Eliésio Rocha Adriano, foi afastado do cargo público na última sexta-feira (14) durante seis meses, por determinação do Tribunal de Justiça do Ceará. A decisão foi requerida pelo Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE), por meio da Procuradoria dos Crimes contra a Administração Pública (Procap), em denúncia contra fraudes em contratações amparadas por decreto de emergência editado pelo prefeito, logo no início da sua gestão. Agora, um colegiado em sessão criminal decidirá sobre o recebimento da denúncia para dar início do processo.

Denúncia

A Procap aponta que foram constatadas ilegalidades em contratos referente ao serviço de coleta de resíduos sólidos com as empresas Valetim Locação e Serviços LTDA e M. L. Mouta ME. “Conforme apurações realizadas pelo TCM e pelo MPCE, constatou-se montagem de procedimentos, direcionamento, emprego de pessoas físicas e jurídicas interpostas com o objetivo de ocultar a identidade dos reais beneficiários da fraude, com superfaturamento e utilização das pessoas jurídicas apenas para viabilizar desvios de recursos, sendo o serviço integralmente prestado por moradores locais, escolhidos pelo Prefeito e seus indicados”, consta na denúncia apresentada à Justiça.

Sem informações

No afastamento liminar, o magistrado considera que “após diligência de busca e apreensão realizada na sede da Prefeitura, foram encontrados novos contratos de dispensa de licitação baseados no decreto de emergência. Está claro, neste momento, que o prefeito do Município de Bela Cruz sonegou informações durante a inspeção realizada na Prefeitura. Ao que se percebe, a permanência do senhor Eliésio Rocha Adriano na função de prefeito continua a apresentar risco a instrução processual, que em breve se iniciará caso a denúncia já apresentada venha a ser recebida”, finaliza o documento.

Investigação

No dia 29 de maio do ano passado, o MPCE cumpriu mandados de busca e apreensão na Prefeitura de Bela Cruz com o objetivo apurar supostas fraudes em licitações, com base em decretos de emergência executados no início do ano. Ainda, em de julho de 2017, foram cumpridos novos mandados de busca e apreensão da Prefeitura, como parte de uma nova etapa de colheita de provas. “Havia a suspeita de fraude, direcionamento, montagem e superfaturamento nos procedimentos destinados à contratação dos serviços de limpeza urbana, locação de veículos, transporte escolar e assessorias a diversas pastas do Município de Bela Cruz”, constatou o Ministério Público.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

08:15 · 17.09.2018 / atualizado às 08:15 · 17.09.2018 por
Corporação Musical Cemadipe, de Goiás, se apresenta em Sobral e outros municípios cearenses, de 14 a 19 deste mês (Foto: divulgação).

Sobral- Formada por jovens de Aparecida de Goiânia, cidade da região metropolitana de Goiânia, capital do estado de Goiás, a Corporação Musical Cemadipe traz à memória, a atuação das tradicionais bandas marciais que se apresentavam nos coretos das cidades, em datas comemorativas como aniversário do município e dos padroeiros. Nas festividades, aquele era um dos momentos mais esperados da programação, como ocorre ainda hoje em muitos municípios brasileiros. Este mês, essa memória nostálgica, para muitos, pode ser reavivada com as apresentações do Sonora Brasil, projeto do Sesc de circulação musical.

Agenda

As apresentações gratuitas serão realizadas nas cidades de Fortaleza (14/9), Sobral (15/9), Iguatu (17/9), Crato (18/9) e Juazeiro do Norte (19/9), quando o público irá conferir repertórios originais, históricos e recentemente compostos, inspirados na sonoridade das bandas de música que tanto contribuem para o acesso à cultura.

Formação

A história musical do conjunto teve origem no Centro de Educação Infantil Marista Divino Pai Eterno (Cemadipe), que desde 2001 atua com projetos sociais, atendendo a famílias do bairro Madre Germana, com vistas à atenção a seus direitos no campo da Educação. O Centro reúne alunos com perfil de profissionalização na área da música. Destes, os que não estão cursando faculdade de música, estão buscando esta oportunidade em circulação nacional pelo projeto Sonora Brasil.

Banda

O grupo é formado por Bruno Bernardes (Trompete), Hyago Tocach (Trompete), Ismael Trindade (Trompete), Lourrainy Cabral (Trompete), Jordânia Silva (Trompa), David Souza (Trombone), Alinne Sousa (Flugelhorn), Amanda Batista (Flugelhorn), Wellington Lemos (Eufônio), Cailton Silva (Tuba), Bruno Augusto (Percussão), Mauricio Silva (Percussão), Rivenilson Silva (Percussão), Matheus Cardoso (Percussão), e regido pelo maestro Rogério Francisco.

Sonora Brasil

Desde sua criação, em 1998, o projeto busca desenvolver a formação de novos ouvintes musicais, modificando a cada dois anos a temática das apresentações. A iniciativa já promoveu 5.319 apresentações de 80 grupos, alcançando cerca de 520 mil espectadores em todo o país. No biênio 2017/2018 foram escolhidos os temas: “Na pisada dos cocos” e “Bandas de Música: formações e repertórios”, desenvolvidos com a participação de quatro grupos cada um. No ano de 2017 o Ceará recebeu o circuito “Na pisada dos cocos” e em 2018, passam pelo estado os grupos que integram o tema “Bandas de Música: formações e repertórios”.

Serviço

Projeto Sesc – Sonora Brasil

Cidades: Fortaleza (14/09), Sobral (15/9), Iguatu (17/9), Crato (18/9), Juazeiro do Norte (19/9).

Acesso Gratuito

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

07:46 · 17.09.2018 / atualizado às 07:47 · 17.09.2018 por
Delegacia Regional de Sobral- CE; drogas e armas são resultado de prisão de quadrilha que atuava na região de Forquilha (Foto/ divulgação/ Delegacia Regional de Sobral).

Forquilha- Equipes da Delegacia Regional de Sobral, juntamente com o Núcleo de Homicídios, recuperaram 2 motocicletas roubadas na cidade, usadas por uma quadrilha para praticar roubos, tráfico de drogas e homicídios na região Norte, de acordo com os autos. O trabalho faz parte do desdobramento das investigações que levaram à prisão, na última quinta-feira (13), de 6 pessoas acusadas da prática de diversos crimes na cidade de Forquilha e seu entorno.

Quadrilha

As equipes policiais chegaram à quadrilha após uma série de investigações. Entre os presos está Francisco Wilton Gomes Siqueira, conhecido por Wiltinho, que se encontrava foragido da cadeia pública de Carnaubal, também na região Norte. De acordo com os agentes da Regional, “o Wiltinho é considerado altamente perigoso, sendo atribuído a ele a autoria de vários homicídios. O mesmo era, há muito tempo, procurado por toda a região, tendo sido preso, mas, fugindo e dando sequência à prática de crimes na região.

Apreensão

Na ação policial , além de Wiltinho, também foram tirados de circulação, Patrícia Maria de Lima Ferreira, um menor, Alexandro Felipe Gomes dos Santos, Aloilton Fernandes Carvalho e João Batista da Silva. Com eles foram encontrados  4 armas (3 revólveres calibre 38 e uma pistola calibre 380), 48 munições, além de 2 coletes balísticos. Também foram apreendidos com a quadrilha, 9 quilos de maconha prensada.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

07:11 · 17.09.2018 / atualizado às 07:11 · 17.09.2018 por
Forquilha- CE; telespectadores se preparam para acessar sinal digital na Zona Norte (Foto: Marcelino Júnior).

Forquilha- O desligamento do sinal de TV analógico em Sobral, Forquilha, Massapê e Santana do Acaraú, na região Norte, já começou. A qualquer momento, as emissoras podem desligar o sinal e a transmissão será feita apenas pelo sinal digital. “As famílias devem entrar em contato com a Seja Digital, o quanto antes para verificar se têm direito ao kit gratuito e já realizar o agendamento para a instalação, assim poderão assistir à programação da TV aberta com qualidade de imagem e som de cinema, antes mesmo do desligamento do sinal analógico”, comentou Carla Prata, consultora de mobilização da Seja Digital.

Agendamento

Para saber se está participando da distribuição, a população deve ligar para a central telefônica gratuita 147 ou acessar o portal www.sejadigital.com.br/kit com o NIS (Número de Identificação Social) em mãos. Se o nome estiver na lista, basta realizar o agendamento para retirada do kit gratuito, que também deve ser feito no site ou central telefônica. Cada família pode escolher o ponto de retirada mais próximo à sua residência, além da melhor data e horário para buscar os equipamentos.

Municípios

Nos municípios de Forquilha, Massapê, Santana do Acaraú e Sobral, o sinal analógico de TV será desligado a partir de 31 de outubro, quando todos os televisores devem estar adaptados para receber o sinal digital. A Seja Digital adianta que os telespectadores devem verificar se o modelo de TV que possuem é compatível com a nova tecnologia e, caso não seja, conectá-lo a um conversor digital.

Seja Digital

O processo de mudança de sinal teve início em abril de 2015 e, de acordo com cronograma definido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1.300 municípios terão o sinal analógico desligado até 2018. A Seja Digital (EAD – Entidade Administradora da Digitalização de Canais TV e RTV) é uma instituição não governamental e sem fins lucrativos, responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil. Criada por determinação da Anatel, tem como missão garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal.

A entidade também tem como objetivos aferir a adoção do sinal de TV digital, remanejar os canais nas frequências e garantir a convivência sem interferência dos sinais da TV e 4G após o desligamento do sinal analógico.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

12:14 · 14.09.2018 / atualizado às 12:19 · 14.09.2018 por
Acaraú- CE; o pescado apreendido estava acondicionado para posterior comercialização (Foto: divulgação/ Ibama).

Jijoca de Jericoacora– Ao longo da fiscalização, realizada nessa quinta-feira, dia 13, os gentes federais do Ibama apreendem 578kg de pescado ilegal, que abasteceriam o comércio nas praias do Preá e Barrinhas, ambas localizadas no município de Jijoca de Jericoacoara, no litoral oeste cearense. A ação foi possível por meio de denúncia anônima. No total, foram apreendidos 183kg de lagostas inteiras, 20 kg de lagostas imaturas e 375 kg de polvos.

Os animais, que estavam acondicionados em freezers, foram pescados de forma ilegal, ou seja, não apresentavam comprovação de origem, segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Os autos de infração expedidos pelos agentes, ao longo da fiscalização, totalizam R$ 32 mil.

Operação Arrasto

De acordo com Miller Câmara, chefe de Divisão Técnica do Ibama, as fiscalizações são planejadas ao final do ano para serem executadas, muitas vezes, com apoio de denúncias anônimas, além das ações de inteligência. “No caso da fiscalização ostensiva e da cadeia de custódia, que inclui a documentação do pescado, sua origem, processamento e exportação, temos conseguido uma atuação abrangente de cada situação apresentada no Estado”, explicou.

Acaraú- CE; os alimentos, comercializados ilegalmente, foram doados ao Mesa Brasil em Sobral (Foto: divulgação/Ibama).

Doações

Todo o pescado apreendido foi doado para o Mesa Brasil Sesc, em Sobral, na região Norte, que nesta sexta-feira (14) realiza o repasse dos alimentos para entidades sociais cadastradas pela iniciativa, logo após o processo de triagem e análise das condições de tudo que foi doado. Na área de abrangência do município, já foram distribuídos, de janeiro a agosto deste ano, 245.781 quilos de alimentos, atendendo pouco mais de 20.289 pessoas em situação de vulnerabilidade alimentar.

De acordo com Marília Rodrigues, supervisora assistencial do Mesa Brasil Fortaleza, “o Mesa Brasil trabalha em busca do protagonismo dessas pessoas em vulnerabilidade social e nutricional. Não fazemos apenas a entrega do alimento, mas realizamos todo um trabalho socioeducativo, como por exemplo, a atuação de oficinas de aproveitamento de tudo que é repassado como doação”, explica.

Abrangência

Ao todo, o Ceará possui quatro bancos de alimentos do Mesa Brasil, com cobertura nas regiões de Fortaleza, Caucaia, Sobral, Iguatu e Cariri, para a distribuição de gêneros alimentícios e produtos diversos. No ano passado, a iniciativa atendeu 524 entidades sociais com doações que chegaram às panelas de 206.396 pessoas. “Ao todo, foram entregues pouco mais de 3 milhões de quilos de alimentos”, reforça a supervisora assistencial. Desde sua criação, em 2001, o Mesa Brasil já garantiu a doação de 43.229,538 quilos de alimentos no Ceará.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

09:04 · 14.09.2018 / atualizado às 09:04 · 14.09.2018 por
Acaraú- CE; operação registra desmatamento para plantio de cocos no litoral oeste do Estado (Foto: divulgação/ MPEC).

Acaraú- O Balanço parcial da Operação Nacional Mata Atlântica em Pé, que envolveu Ministérios Públicos e órgãos ambientais de 15 estados, confirmou o desmatamento de 2.890 hectares de mata. Durante a operação, realizada de segunda a quarta-feira desta semana (10 a 12 de setembro), foram fiscalizadas 282 propriedades previamente definidas a partir de imagens de satélite. Foram apreendidos 5.089 metros cúbicos de madeira e emitidas multas no valor total de R$ 12.942.667. Outros dois estados (Santa Catarina e Rio Grande do Sul) ainda não totalizaram os dados.

Região Norte

A operação fiscalizou, no Estado, 18 polígonos nos municípios de Cruz, Acaraú, Paraipaba e Trairi. A operação constatou o desmatamento de 282,56 hectares. Ao final, foram emitidas 8 autuações, sendo 7 por desmatamento e 1 por danos à fauna, além da aplicação de multas no valor total de R$ 1.584.500. O município com maior incidência de desmatamento foi Cruz, na região Norte do Estado. O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) contou com o apoio da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), da Polícia Militar Ambiental e da Superintendência do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis no Ceará (Ibama), essenciais para o sucesso da operação.

Ceará

Segundo a promotora de Justiça Jacqueline Faustino, coordenadora do Centro de Apoio Operacional do Meio Ambiente (Caomace), no Ceará, a operação ocorreu no litoral oeste por ser uma região sensível e de intensa exploração econômica. “Os resultados foram muito significativos, os autos de infração serão encaminhados às Promotorias de Justiça para que deem seguimento ao procedimento judicial e responsabilização judicial dos infratores; e os órgãos de fiscalização, como Ibama e Semace, atuarão na esfera administrativo”, explica.

Ação educativa

A coordenadora destaca que a operação também teve um viés educativo. “Embora a vegetação remanescente não seja constituída por árvores exuberantes ou florestas, como é de conhecimento geral, elas fazem parte do bioma e merecem a mesma proteção. A população, em geral, desconhece que o bioma mata atlântica é constituída por vários ecossistemas como, por exemplo, mangues e restinga. Então, a nossa ação também teve cunho educacional, pra que a população e os órgãos públicos municipais tenham conhecimento de que esse bioma merece ser protegido”, reforça Faustino.

Parcerias

Além do Ceará, a Operação Nacional Mata Atlântica em Pé contou com a participação de polícias ambientais e órgãos públicos da área dos estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul, Goiás, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Bahia, Sergipe, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Piauí. A Operação busca a proteção e a recuperação do bioma a partir da identificação das áreas degradadas nos últimos anos e dos responsáveis pelas agressões, para cobrar a reparação dos danos e outras medidas compensatórias.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

17:53 · 12.09.2018 / atualizado às 17:53 · 12.09.2018 por
Itarema- CE; missa na Igreja Matriz encerrará VII Cavalgada em homenagem à Padroeira, Nossa Senhora de Fátima (Foto: divulgação)

Itarema- No dia 29 deste mês, os moradores de Itarema, devotos da padroeira, Nossa Senhora de Fátima, percorrem as principais ruas e avenidas da cidade, na 7ª Cavalgada, que mais uma vez promete reunir centenas de participantes. Todos os anos, a festividade, que já faz do calendário de eventos culturais do município, mobiliza a região e atrai muita gente.

De acordo com Rogério Rios, morador e criador de animais, de Itarema, na região Norte do Estado, “no ano passado tivemos cerca de 280 cavaleiro e amazonas, a expectativa para este ano é que possamos receber mais de 300 participantes”, adianta.

Percurso

Para que ocorra tudo dentro do programado, a organização do evento já solicitou apoio de equipes da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Secretaria da Saúde e demais parceiros. “A festividade é bastante segura, sendo considerada um evento para toda a família. A cavalgada será iniciada à 14 horas, do dia 29, com concentração na Praça dos Rios, no Centro da cidade. Sairemos pelas principais ruas e avenidas, passando por três igrejas, encerrando a festividade às 17h30”, na Matriz de Nossa Senhora de Fátima”, explica Rogério Rios.

Agenda cultural

Ainda, segundo Rogério Rios, “a tradicional cavalgada, além de atrair a atenção dos moradores e de cidades vizinhas, se coloca como opção de lazer e devoção. “Todos os anos, observamos o crescimento de um movimento que começou com um grupo de amigos, e se estende até os dias de hoje. É sempre emocionante ver a participação de todos”, comenta o organizador.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

 

17:00 · 12.09.2018 / atualizado às 17:00 · 12.09.2018 por
Santana do Acaraú- CE; preso, prefeito Marcelo Arcanjo consegue licença do cargo em sessão na Câmara Municipal (Foto/ divulgação).

Santana do Acaraú- Nessa quarta-feira (12), a sessão da Câmara Municipal de Santana do Acaraú, na região Norte, foi tomada por manifestantes. Os moradores foram acompanhar de perto o desdobramento da votação que decidiu sobre o pedido de licença de 60 dias, do prefeito Marcelo Arcanjo (MDB), preso preventivamente, desde o dia 3 de setembro, em Fortaleza, pelo assassinato a tiros de Cesar Augusto do Nascimento, ex-funcionário da prefeitura, no dia 29 de agosto.

Prisão

A confissão do prefeito foi feita em depoimento prestado ao delegado titular do Departamento de Polícia do Interior (DPI) Norte, que após a audiência determinou a prisão de Arcanjo, em cumprimento um mandado de prisão temporária por 30 dias, expedido pelo Tribunal de Justiça do Estado do Ceará.

Votação

No pedido de afastamento, apreciado ao longo da sessão, o então prefeito alegou questões pessoais. A situação dividiu a opinião dos vereadores e revoltou os moradores. Segundo o funcionário público Antônio Valdenir Pereira, “a cidade está aterrorizada com isso que ocorreu. Só quem perde é a população, que fica desassistida. Se na época o prefeito se achou prejudicado por alguma coisa, a Justiça está aí para resolver essas questões, não fazer uma barbaridade dessas”, reclama.

Resultado

Os vereadores se manifestaram. Foram 5 votos favoráveis à licença e 7 contra. Apesar do resultado, o pedido foi aceito, por não ter atingido a cota mínima de 9 votos para ser rejeitado. Para Célio Carneiro, presidente da Câmara, “o resultado foi de acordo com a lei orgânica. Por falta de legislação específica sobre esse tipo de caso, tivemos de aplicar, por analogia, o que diz o regimento interno da Casa, em seu artigo 105, reforçado pela decisão da presidência, sendo argumentos legalmente válidos”, explicou.

Contra

Para o vereador Domingos Sávio, um, dos sete que votaram contra a matéria, o resultado vai de encontro à decisão dos moradores de Santana. “ Essa votação, de maioria simples, sem o voto do presidente, para mim, sai prejudicada. Não estamos discutindo uma licença qualquer, mas aquela em que, no momento, o prefeito está preso, podendo assumir dentro de 30 dias, caso saia da cadeia. Isso só reforça o desmando administrativo na nossa cidade”, reclama o vereador.

Nova prefeita

Com o resultado da votação, Marcelo Arcanjo está oficialmente afastado do cargo de prefeito, deixando a vaga para sua vice, Maria Janderlucia, que a partir de hoje assume a cadeira. “ Eu assumo, e vou cumprir meu papel pelo tempo que for necessário”, disse. Para Regina Araújo, viúva da vítima, o resultado foi arbitrário. “Foi um absurdo. Para que uma licença comum, se ele não está tratando de assunto particular, como no caso de cirurgia ou doença? Ele cometeu um homicídio, e tem que pagar por esse ato. Eu esperava que não fosse dada a licença, mas pretendemos recorrer dessa decisão”, adianta.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.