Busca

Categoria: Embrapa Caprinos


09:07 · 19.10.2016 / atualizado às 09:07 · 19.10.2016 por
 A mostra de queijo produzidos com leite caprino /Foto: Embrapa

 Sobral- Nesta quinta-feira (20), na programação da Semana Nacional de Ciência & Tecnologia em Sobral (CE). Queijos do tipo coalho, produzidos com leite caprino, serão apresentados na mostra territorial “Ciência e Derivados da Caprino cultura”, que acontece das 16 às 20 horas, no Memorial da Educação Superior de Sobral (avenida Doutor Guarany, nº 535).

Na mostra, a Embrapa apresentará os queijos de coalho natural e adicionados com produtos como orégano, canela e pimenta, todos produzidos com tecnologias desenvolvidas pela empresa. A mostra, aberta ao público, acontecerá em parceria com a Faculdade Luciano Feijão, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) e Prefeitura de Sobral, trazendo também produtos de agricultores da comunidade rural São Domingos, que serão vendidos no local.

    Sede da EMBRAPA de Sobral/ Foto: internet

Já na manhã da quinta-feira, na sede da Embrapa Caprinos e Ovinos, estudantes de nível médio, graduação e pós-graduação conhecerão detalhes sobre boas práticas agropecuárias e de fabricação na obtenção de leite de cabra e derivados. Os participantes conhecerão orientações sobre a ordenha higiênica de cabras leiteiras, técnicas para análise da qualidade do leite de cabra e os processos de pasteurização e produção de queijo coalho, derivado do leite caprino.

Pesquisa-  Na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos desenvolvidas pela Embrapa Caprinos e Ovinos são responsáveis pela geração de conhecimentos e processos para fabricação de diversos produtos derivados do leite de cabra. Além da diversidade de queijos, também podem ser produzidos iogurtes, doces, sorvetes e bebidas lácteas, inclusive com propriedades funcionais, como os queijos e bebidas probióticos.

As recomendações sobre as boas práticas na ordenha também consistem em preocupação da Embrapa, que tem difundido essas informações em capacitações para produtores rurais e técnicos, além de facilitar a adoção do Kit Embrapa de Ordenha Manual, composto por itens de fácil acesso e que podem ser encontrados pelos produtores no mercado e montado nas propriedades rurais.

Durante o evento um kit,  será apresentado aos estudantes na Embrapa que tem como objetivo auxiliar a realização de uma ordenha que reduza a possibilidade de contaminação por micro-organismos, garantindo um melhor padrão de qualidade para o leite caprino, especialmente no caso de criadores em regime de agricultura familiar.

Semana Nacional de Ciência & Tecnologia

A 13ª Semana Nacional de Ciência & Tecnologia acontece em todo o Brasil no período de 17 a 23 de outubro deste ano, com a participação de instituições de ensino e pesquisa, escolas, órgãos governamentais, agências de fomento, empresas de base tecnológica, sociedades científicas e entidades da sociedade civil. O tema da edição deste ano é “Ciência Alimentando o Brasil”, em virtude da decisão da Assembleia Geral das Nações Unidas, que proclamou 2016 como o Ano Internacional das Leguminosas.

Para mais informações:
Telefone: (88) 3112.7413

08:41 · 28.12.2011 / atualizado às 13:20 · 02.10.2013 por

Diário do Nordeste – OVINOCAPRINOCULTURA

Embrapa lança Cordeiro Acaraú

27.12.2011

  • Clique para Ampliar
Animais têm conforto ambiental durante o período de manejo em campo
Clique para Ampliar

ADÍLSON NÓBREGA
Os primeiros passos para o projeto já foram dados. As experiências realizadas na fazenda da Embrapa servirão de referência para que os produtores possam uniformizar os procedimentos, garantindo maior qualidade ao produto final

Produzir carne de ovino em condições de bem-estar animal é uma das metas de projeto lançado em Sobral

Sobral Cordeiro Acaraú. Esta é marca de uma proposta inicial de projeto tocado a quatro mãos na Zona Norte do Ceará. A proposta vai se transformar, a partir de 2012, em Projeto de Desenvolvimento da Cadeia de Carne Ovina de Qualidade na Região de Sobral. A ideia é que exista uma produção de ovinos para suprir o mercado e que os produtores sejam beneficiados, fazendo com que não haja apenas animais para exposição, mas também para consumo humano.

“Queremos que os produtores possam produzir as técnicas desenvolvidas na Embrapa Caprinos e Ovinos e parceiros um cordeiro de qualidade que gere negócios, emprego e renda”, revela o chefe adjunto de Transferência de Tecnologia da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) Caprinos e Ovinos, Francisco Selmo Fernandes Alves.

A proposta já cumpriu algumas etapas, neste ano, com a identificação de mercado e caracterização dos produtores. Para 2012, deve seguir já com possibilidade de um maior envolvimento das instituições e dos produtores escolhidos.

Centrais

Serão criadas centrais de terminação, onde o animal, após a engorda, será abatido para beneficiamento. A localização dessas centrais de terminação está ainda sendo escolhida em Sobral. “A princípio, temos ideias para a localização das centrais tendo em vista aquelas que viabilizem o processo, mas nada impede de avaliar outros locais”, esclarece Selmo Alves.

O que as entidades envolvidas na proposta Cordeiro Acaraú querem é que o animal seja bem tratado para um beneficiamento de qualidade. As exigências para o bem-estar animal é uma forte tendência de mercado. Em países da Europa, por exemplo, produtos de origem animal só podem ser comercializados com a certificação do bem-estar das espécies, ou seja, os animais não passaram por situação de dor ou sofrimento na geração do produto.

“Isto, desde que siga o modelo que estamos estabelecendo de direcionamento de uma inspeção animal, selecionando frigoríficos e uma organização de unidade de corte” salienta Selmo.

As centrais de terminação serão aglomerados de produtores organizados que podem criar separados ou mesmo em ambiente em conjunto com objetivo de terminação dos cordeiros.

Os primeiros passos para a proposta do Cordeiro Acaraú já foram dados. O marco zero foi o diagnóstico do setor em Sobral. Houve uma análise de mercado da carne caprina e ovina comercializada no Município. Foi feito levantamento de sete estabelecimentos que comercializam o produto (restaurantes, supermercados e açougues). Os técnicos agora cruzam os dados para organizar um relatório que deve ser discutido em um encontro com todos envolvidos.

A Embrapa, a Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria de Agricultura e Pecuária, e as instituições em Sobral fazem parte do Comitê Gestor que coordena a proposta com objetivos de tratar assuntos tecnológicos e não tecnológicos.

Alinhamento

A proposta visa especialmente desenvolver a cadeia produtiva da ovinocultura de corte da Zona Norte, desde o produtor rural até o consumo final. Nas reuniões já realizadas, foi discutida a proposta para promover o alinhamento entre Embrapa, Ematerce, Instituto Agropolos, Adagri, Sebrae, Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA), Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE), Associações de criadores, Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado do Ceará (Fetraece), Prefeitura de Sobral (Secretaria de Agricultura e Pecuária), Governo do Estado (Secretaria de Desenvolvimento Agrário) e Banco do Nordeste do Brasil.

Com a identificação das características do mercado consumidor e das necessidades tecnológicas dos produtores rurais, a proposta partirá para a formatação final do projeto, capacitação dos técnicos e, em seguida, dos produtores. O projeto poderá colaborar de forma participativa para planejar as políticas públicas para o desenvolvimento desse segmento.

Já transformado em projeto, o Cordeiro Acaraú pretende também realizar um evento para divulgar e validar as informações obtidas pelas instituições parceiras, aos técnicos e produtores rurais, agentes de desenvolvimento e comercialização.

Metodologias

“Essa é a ideia de que o projeto tenha como dono todas as instituições e os produtores envolvidos. Por isso, vamos discutir com todos as formas de entendimento do projeto, validação de metodologias, a captação de recursos para realizar as ações, planejar de forma participativa as capacitações aos técnicos e produtores rurais”, salienta Francisco Selmo Alves.

A busca por recursos para viabilizar o projeto será a próxima etapa. “Com os recursos, as ações integradas acontecerão desde reuniões entre os parceiros e produtores ao planejamento e monitoramento das atividades realizadas e tomada de decisões estratégicas”, enumera.

Há ainda, na proposta, toda definição da gestão dos recursos financeiros e a elaboração de relatórios e estratégias de divulgação dos resultados obtidos.

Festival do Borrego será estratégia de divulgação

Sobral Entre as estratégias de divulgação do Cordeiro Acaraú, está a realização anual do Festival do Borrego. “Vamos realizar o festival gastronômico para conhecimento dos pratos que podem ser derivados do Cordeiro Acaraú”, informa a secretária de Agricultura e Pecuária de Sobral, Luíza Barreto.

Luíza Barreto destaca que o Cordeiro Acaraú começou a ser gestado em março passado. “Vamos envolver inicialmente 200 produtores de pequeno e médio porte para gerarmos animais para o corte. Queremos o selo Cordeiro Acaraú, oferecendo uma carne de qualidade e uniforme. O projeto se propõe, então, a organizar a cadeia produtiva da ovinocaprinocultura de corte na região e desenvolver a médio prazo um projeto, que produza cordeiros padronizados e, no futuro, com selo com identificação geográfica”, diz a secretária.

A implantação de um núcleo de melhoramento genético de ovinos na Embrapa consta na proposta. Também está na unidade a seleção de produtores multiplicadores na Região de Sobral. Outro ponto de destaque é a implantação de escrituração zootécnica nas propriedades de produtores multiplicadores. Há ainda a previsão, como condição fundamental, de avaliação genética constante dos rebanhos.

Para a transferência de tecnologia, a proposta estabelece a capacitação continuada para técnicos, viagens técnicas para os produtores e técnicos multiplicadores. “Lá eles vão visitar arranjos produtivos com projetos de sucesso na área”, afirma o chefe adjunto de Transferência de Tecnologia da Embrapa Caprinos e Ovinos, Selmo Alves.

Ele aposta no sucesso do programa citando um pensamento de Brandão: “A grande vocação e a maior aventura humana residem no aprender a saber, no partilhar o saber, e no transformar vidas pessoais e mundos sociais por meio de um saber tornado ação, e uma ação coletiva vivida como processo de formação”.

Mais informações

Embrapa Caprinos e Ovinos
Fazenda Três Lagoas
Estrada Sobral-Groaíras Km 4
Zona Norte do Estado
Fone: (88) 3112.7455

Blog Bem-Estar Pet

Sobre animais de estimação ver o blog Bem-Estar Pet http://blogs.diariodonordeste.com.br/bemestarpet Facebook Valeria Feitosa

LAURIBERTO BRAGA
REPÓRTER

09:13 · 08.12.2011 / atualizado às 09:13 · 08.12.2011 por

A Embrapa Caprinos e Ovinos de Sobral vai ganhar um laboratório de pesquisas avançadas em respirometria , um galpão de implementos agrícolas, uma rede de esgotamento sanitário e uma rede de água potável. A informação é do chefe geral da Embrapa Sobral, Evandro Vasconcelos Holanda Júnior.

22:00 · 15.11.2011 / atualizado às 22:01 · 15.11.2011 por

A Embrapa Caprinos e Ovinos e a Universidade Estadual Vale do Acaraú (Uva), com o apoio da Capes, promovem de 22 a 24 próximos, o I Workshop de Nutrição de Pequenos Ruminantes. O evento faz parte do programa de Pós-Graduação em Zootecnia (Uva/Embrapa Caprinos e Ovinos) e será realizado, no auditório da Embrapa Caprinos, em Sobral.

Confira a programação:
22 de novembro (terça-feira)
Credenciamento
“Estratégias de alimentação de pequenos ruminantes no Semi Árido”.  Palestrante: Marcos Cláudio Rogério – Graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual do Ceará (Uece). Mestrado em Zootecnia e Doutorado em Ciência Animal pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), na área de Nutrição de Ruminantes. Pesquisador da Embrapa Caprinos e Ovinos.
23 de novembro (quarta-feira)
“Interação interface planta-animal”.  Palestrante: James Muir. Graduação em Biology (Ecology) pelo Wheaton College. Mestrado e Ph.D. em Agronomy pela University of Florida. Experiência em interação planta-animal. Professor do Texas AgriLife Research (EUA).
24 de novembro (quinta-feira)
“Nutrição e qualidade da carne e da carcaça ovinas”. Palestrante: Roberto Sains. Graduação em Animal Science pela Cornell University e em Agronomia pela State University of New York. Mestrado em Animal Science pela University of California at Davis. Ph.D. em Nutritional Biology pela University of California at Davis. Experiência em nutrição e alimentação animal. Professor titular da University of California e pesquisador da Embrapa, ocupando a chefia da Secretaria de Gestão Estratégica.
Mesa redonda: “Avanços e estratégias para promoção da produção de caprinos e da qualidade da carne e da carcaça ovinas”.  Moderador: Olivardo Facó. Graduação em Medicina Veterinária pela Uece. Mestrado e Doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Experiência em genética e melhoramento dos animais domésticos. Pesquisador da Embrapa Caprinos e Ovinos, professor do Programa de Pós-Graduação em Zootecnia da Uva/Embrapa Caprinos e Ovinos.