Categoria: Metrô de Sobral


12:40 · 17.12.2011 / atualizado às 12:40 · 17.12.2011 por
Avançam as obras do Metrô de Sobral pela Avenida John Sanford
14:28 · 15.12.2011 / atualizado às 14:32 · 15.12.2011 por
As estações do Metrô de Sobral avançam e ele deve entrar nos trilhos em setembro de 2012
13:03 · 07.12.2011 / atualizado às 16:22 · 07.12.2011 por

Os moradores da Avenida John Sanford reclamam da impossibilidade de entrar em suas casas com seus carros com a passagem do Metrô de Sobral. O prefeito Clodoveu (Veveu) Arruda rebate esta acusação. “O Metrô não vai impedir ninguém de entrar em suas casas. O Metrô é uma obra fundamental para Sobral. É uma obra estruturante para o sistema de transporte coletivo da Cidade. Com ele nós vamos poder organizar o sistema urbano de transporte coletivo integrado. Vamos integrar o sistema tanto do ponto de vista físico, operacional como tarifário”, garante.

A Prefeitura de Sobral vai montar os ônibus com base nas 11 estações do Metrô. Segundo Clodoveu, a Prefeitura vai poder a partir de um estudo identificar quanto ônibus são e as quais são as linhas para facilitar o deslocamento das pessoas. Especificamente sobre a Avenida John Sanford, o prefeito destaca que o governador Cid Gomes deve um cuidado especial.

“O projeto original previa desapropriações. O governador retirou. Mandou fazer um novo estudo que resultou em duas ou três desapropriações. Portanto insignificante diante do que poderia acontecer. O Metrô é como um ônibus que vai passar na John Sanford. Não haverá problema nenhum de acesso”, assegura Clodoveu Arruda.

Ele informa que vai conversar pessoalmente com os moradores da John Sanford. “Evidentemente que eu conversarei pessoalmente com cada um dos moradores da John Sanford. Primeiro para ouvi-los de alguma incerteza, alguma dúvida, alguma necessidade de esclarecimento; para depois explicar a eles o que vai acontecer; pois o Metrô é um benefício para todos e especialmente para os moradores da John Sanford”.


17:37 · 29.11.2011 / atualizado às 17:43 · 29.11.2011 por

Obras da Estação Coração de Jesus do Metrô de Sobral com previsão de entrar em funcionamento em setembro de 2012

O Governo do Estado deve entregar, em setembro de 2012, o Metrô de Sobral. A obra, que foi iniciada em março deste ano, está recebendo um investimento de R$ 71 milhões. O metrô vai transportar 5 mil pessoas por dia em cinco composições. Serão, ao todo, 64 viagens ligando diversos bairros da cidade em 12,1 quilômetros de ferrovias. A execução das obras chegou a 20% em novembro. Os recursos são do Governo do Estado (R$ 50 milhões) e União (R$ 21,6 milhões), por meio da Companhia Brasileira de Transportes Urbanos (CBTU).

O Metrô de Sobral, que está sendo construído pela Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor), terá dois ramais e onze estações. Atualmente, seis delas já estão sendo edificadas. “A construção das estações está bem avançada. Estamos iniciando a implantação da linha nova, que liga a Grendene ao Junco, bem como a construção do Centro de Manutenção, que fica localizado depois da Grendene”, afirma Edilson Aragão, diretor de Desenvolvimento e Tecnologia do Metrofor.

O sistema de VLT de Sobral terá dois ramais que irão passar pelas principais concentrações populacionais da cidade. Os dois ramais formam dois “U” invertidos, que se tangenciam numa estação de integração. Um dos ramais já existe e possui 6,4 quilômetros de extensão. Este ramal irá compartilhar a linha de cargas e que, hoje, é administrada pela Transnordestina Logística. O segundo ramal será implantado ligando Grendene à Cohab III, com 5,7 quilômetros, que vai atender o bairro mais populoso de Sobral, Dr. José Euclides, e grandes pólos geradores de viagens, como a Grendene e o Centro de Convenções.

O Metrô de Sobral é uma iniciativa do Governo do Ceará de requalificar o transporte ferroviário de passageiros no Interior do Estado e de estruturar as cidades de médio porte, aliando investimentos públicos à melhoria da qualidade de vida da população destes municípios. O empreendimento terá um investimento total de R$ 70,1 milhões.

Exposição

O primeiro Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) do Metrô de Sobral já chegou à cidade. O equipamento está em exposição nas imediações da rotatória da Avenida Doutor José Euclides com Avenida Pimentel Gomes, no bairro Coração de Jesus. A iniciativa da Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos é permitir que a população conheça de perto o equipamento que deve começar a operar em 2012.

O VLT faz parte de um conjunto de cinco composições fabricadas pela empresa Bom Sinal, que tem sede em Barbalha, na Região do Cariri. O Governo do Ceará investiu na compra dos equipamentos cerca de R$ 22,4 milhões. Cada VLT é formado por dois carros, tem movimentação bidirecional e capacidade de transporte de 358 passageiros.

O que é um VLT

O VLT é um Veículo Leve sobre Trilho com capacidade para 230 passageiros. As composições medem 29 metros de comprimento e alcançam uma velocidade máxima operacional de 60 km/h. Os VLTs que serão utilizados em Sobral estão sendo fabricados pela empresa Bom Sinal, em Barbalha. Ao todo, serão fabricados cinco veículos automotrizes, com motorização diesel, tração hidráulica, movimentação bidirecional, duas cabines de comando e ar condicionado.

(Com informações da Assessoria de Imprensa do Metrofor/MárcioTeles).

12:49 · 23.11.2011 / atualizado às 13:03 · 23.11.2011 por

Após ser solto, Anderson Santos voltou hoje a protestar contra a construção do Metrô de Sobral. O protesto solitário de Anderson acontece na Avenida John Sanford, em frente sua ponto de comércio. Ele se manifesta contra o Metrô, dizendo que ele não vai permitir entrar na loja de carro, nem tampouco estacioná-lo na frente do prédio.

Na última segunda-feira, após quatro dias de protesto, Anderson foi preso pelo Ronda do Quarteirão e levado para Delegacia Regional de Sobral. Lá  foi feito um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO), onde Anderson responde por tentar impedir a construção de uma obra pública. Ele foi liberado para protestar, desde que não atrapalhe as obras.

A obra do Metrô de Sobral tem previsão de término em setembro de 2012. Terá dois ramais totalizando mais de 12 quilômetros ligando os principais bairros da cidade.

09:59 · 21.11.2011 / atualizado às 09:59 · 21.11.2011 por
Anderson Santos (chapéu) resistiu a ordem do Ronda do Quarteirão para acabar o protesto e foi recolhido à Delegacia Regional de Sobral (foto Wilson Gomes)

O morador de Sobral, Anderson Santos, está preso na Delegacia Regional, após realizar protesto de três dias contra a construção do Metrô da cidade. Uma equipe do Ronda do Quarteirão foi acionada hoje para retirar o protestante do local onde estava há três dias (Avenida John Sanford). Os policiais tentaram convencê-lo a desistir do protesto, mas Anderson resistiu e acabou sendo recolhido a Delegacia. O comandante do Ronda do Quarteirão, tenente-coronel Cláudio Mendonça, ao justificar a prisão disse que “nenhum cidadão pode atrapalhar uma obra pública”.

Na Delegacia Regional estão ainda funcionários do consórcio que constrói o Metrô de Sobral para testemunhar contra Anderson. O protestante alega que o Metrô vai impedir o direito de ir e vir dos moradores da área.

14:04 · 19.11.2011 / atualizado às 14:04 · 19.11.2011 por

Foto Bené Fernandes

O protesto do morador de Sobral, Anderson Santos, contra o Metrô, entra no segundo dia.

 

15:50 · 15.11.2011 / atualizado às 15:50 · 15.11.2011 por
As obras do Metrô de Sobral prevista para terminar em setembro de 2012 estão em ritmo lento. Nenhuma nova estação foi terminada ainda

Pesquisar

Faça uma busca em nosso blog:

Diário Zona Norte

Fatos diários do Sertão Central e do Maciço de Baturité em infraestrutura, polícia, economia, política, esporte e cultura. Por Alex Pimentel.

VC REPÓRTER

Flagrou algo? Envie para nós

(85) 98887-5065

Tags