Busca

Tag: Groaíras


14:27 · 24.11.2017 / atualizado às 15:12 · 24.11.2017 por
Jericoacoara-CE; o projeto Mandinga na Ribeira Itinerante passou por Jericoacoara, no Litoral Oeste, mesclando cultura popular variada.

Groaíras- Para facilitar o acesso do maior número de pessoas possível, aos bens culturais típicos da região Norte, abrindo espaço para todos os tipos de manifestações populares,  o Projeto Mandinga
na Ribeira Itinerante, da cidade de Groaíras, segue em sua quarta edição, comemorada com o lançamento, nesta sexta-feira (24), do documentário e catálogo fotográfico do projeto, que se estende a outros municípios.

Realizado no formato circuito de arte e cultura popular, o ‘Mandinga na Ribeira Itinerante’ contempla quatro macrorregiões do Ceará, com atividades realizadas nas cidades de Groaíras e Sobral (Vale do Acaraú), Viçosa do Ceará (Ibiapaba), Jijoca de Jericoacoara (Extremo Oeste) e Itapipoca (Litoral Oeste).

Projeto apresentado em na cidade de Groaíras, onde foi criado.

Itinerante

As atividades, que buscam cada vez mais a proximidade com o público, ocorrem nas praças, ruas e locais abertos das cidades contempladas, contando com participação direta de aproximadamente 700 pessoas, segundo os organizadores. Na prática, os grupos se dividem em ações realizadas durante as oficinas de danças folclóricas; ritmos; confecção de artesanato; palestras sobre cultura popular; participação em cortejos, como os tradicionais maracatus; além de mostras e apresentações artísticas, totalizando 300 horas de intensa formação cultural, incluindo as oficinas de capoeira, de onde nasceu o projeto para comemorar os 10 anos do Grupo de Capoeira Angola Comunidade, com cerca de 60 integrantes, que já trabalhava a união da cultura afro com outras  manifestações da cultura popular.

Projeto Mandinga na Ribeira Itinerante em Jericoacoara.

Público

De acordo com José Jones Sousa, o ‘Pretinho Jones’, idealizador do projeto, o “Mandinga na Ribeira Itinerante” levou encantamento e emoção ao público expectador, em torno de 16.000 pessoas, que puderam prestigiar a riqueza cultural característica da região Nordeste do Ceará. Foram momentos de partilha do saber tradicional popular, de valorização dos mestres da cultura popular e das festas e folguedos, muitas vezes esquecidos”, diz o mestre  capoeirista e acrescenta, “o documentário e o catálogo fotográfico representam esse registro das atividades realizadas em longo do ano de 2015”.

Documentário

Para o documentarista Fábio do Nascimento, responsável pela direção de arte do documentário, “a expressiva participação do público, pertencente a várias cidades, representa a concretização dos resultados esperados pelo projeto, ao qual eu faço parte, pois também sou capoeirista. Ao longo do projeto se observa a difusão da cultura popular cearense dentro do próprio Estado. A grande ideia aqui, é ter a capoeira como base para enveredarmos por outras linguagens. O formato audiovisual ajuda a mostrar que todas essas manifestações bebem da mesma fonte”, reforça. O projeto tem como parceiros a empresa Enel, a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e o Sesc Sobral.

Serviço

Lançamento do documentário e catálogo fotográfico do projeto Mandinga na Ribeira Itinerante
Hoje, dia 24
No Centro Cultural João Batista Feijão, Groaíras
Às 18h30

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

 

16:42 · 24.03.2017 / atualizado às 16:42 · 24.03.2017 por
Sobral-CE; representantes da SCidades e procuradorias dos municípios ligados ao Comderes (Foto: Divulgação/SCidades).

Frecherinha Nesta terça-feira, 21, foi dado mais um importante passo para a efetivação da gestão de resíduos sólidos que envolve diversos municípios da região Norte do Estado, a ser gerenciado pelo Consórcio Municipal para a Destinação Final de Resíduos Sólidos (Comderes), formado pelos municípios de Sobral, Forquilha, Meruoca, Moraújo, Santana do Acaraú, Alcântaras, Massapê, Coreaú, Frecheirinha, Graça, Groaíras, Senador Sá, Cariré e Pacujá.

Representantes da Secretaria das Cidades se reuniram com as procuradorias dos municípios integrantes do Consórcio de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos da Região Metropolitana de Sobral (CGIRS-RMS) para apresentação dos instrumentos legais atualizados pela empresa de consultoria RPG, contratada pela SCidades para tratar sobre o Consórcio de Sobral.

Documentação

Durante a reunião foi apresentado o estudo organizacional do Consórcio e entregues as minutas para cada município contendo o contrato, contrato de rateio, projeto de lei municipal de ratificação para análise e contribuições dos municípios. Realizado no Centro de Educação à Distância de Sobral, o encontro teve a participação de 11 representantes municipais, sendo coordenado por técnicos do Programa de Desenvolvimento Urbano de Polos Regionais (Vale do Jaguaribe/Vale do Acaraú- Cidades do Ceará II e pela Coordenadoria de Saneamento da Scidades. As discussões também foram levadas à Câmara de Vereadores de Sobral.

Comderes

O Governo do Estado, por meio da Secretaria das Cidades, tem incentivado os municípios cearenses para a formação de consórcios para a gestão de resíduos sólidos como uma alternativa que possibilita a redução de custo. Atualmente, o estado possui 26 consórcios formalizados, sendo os de Sobral (Comderes) e os Comares de Limoeiro do Norte e Cascavel os mais avançados em sua estruturação. Por meio da SCidades, o Governo do Estado já investiu R$ 2.129.207, na formalização dos consórcios.

Para além dos investimentos na formalização, a secretaria também presta consultoria técnica e contrata os projetos de engenharia para a construção de aterros sanitários aos consórcios. No caso das unidades de Sobral e Limoeiro do Norte, o Estado também está realizando toda a implementação da gestão integrada de resíduos.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

19:26 · 09.02.2017 / atualizado às 19:26 · 09.02.2017 por
Centro de Sobral, Sobral-CE; chuva de 8.00 mm cai sobre a cidade de Sobral. Poucas precipitações têm marcado os últimos dias de incidência de chuvas no município (Marcelino Júnior).

GroaírasPelo terceiro dia consecutivo, a região Norte é a que mais tem recebido chuvas no Ceará, liderando o ranking das precipitações. Os municípios mais banhados são os da Serra da Ibiapaba, ou de seu entorno. As informações são da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos do Ceará (Funceme), que colhe dados, diariamente, de nove regiões com diversos postos de medição pluviométrica espalhados pelos municípios. Esses postos, se localizam no Cariri, Ibiapaba, região Jaguaribana, do Litoral de Fortaleza, Litoral do Pecém, Litoral Norte, Maciço de Baturité e Sertão Central, além dos Inhamuns.

Maiores chuvas

Nesta quinta-feira, 9, foram 53, os municípios com chuva em todo o Estado. Groaíras registrou 57. 8 mm, o mais alto do ranking; seguido de Ibiapina (48.0 mm) e Pacujá (43.0 mm). Os dados foram extraídos às 14h55 do dia. Esse aumento, se deve à influência da Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), que volta a se aproximar do Estado, depois de um breve período localizada sobre o oceano Atlântico, o que gerou certa escassez de precipitações. A tendência é que seja mantida a frequência das chuvas, com aumento nessa segunda quinzena do mês de fevereiro, segundo os prognósticos da Fundação.

Aumento das chuvas

Para Raul Fritz, meteorologista da Funceme, “ a Zona de Convergência Intertropical, que tem se aproximado do Litoral, traz mais influência à instabilidade que ocasiona as chuvas. Se não houver bloqueios causados por altas pressões, teremos mais áreas de instabilidade atmosférica associadas à ZCIT”, informou Fritz e finalizou, “vivenciamos, nesse mês de fevereiro, um período dentro do histórico de transição, relacionado à pré estação e a principal estação das chuvas no Estado. A tendência é de mudança, com a proximidade do mês de março, o que pode gerar aumento nas precipitações”.

Funceme divulga as dez maiores chuvas do Estado, desta quinta, dia 9 (Fonte: Funceme).

Açude Jaburu

De acordo com o gestor ambiental Paulo Sérgio Lima Furtado, morador de Ubajara, na Serra da Ibiapaba, apesar das precipitações continuarem mantendo o município em boa colocação na lista dos mais banhados do Estado, nos últimos dias, “as chuvas têm se concentrado mais na Zona Rural, sem causar grandes impactos na sede do município, onde se localiza O Jaburu I, que segue com 12,8% de sua capacidade”, disse.

O Açude construído em 1983 entre os municípios de Tianguá e Ubajara é responsável por toda a oferta de água da Serra da Ibiapaba, ou seja, cerca de 320 mil habitantes. Ainda de acordo com o gestor ambiental, “o que tem caído de água no município, não tem sido suficiente para mudar o aspecto do Jaburu, que está numa situação crítica”. As chuvas são percebidas mais nos distritos e sítios.

Escassez

Localizado numa região de transição entre o Sertão, o Litoral e a Serra, o município de Sobral, um dos principais do Norte, não tem logrado êxito no que se refere às alterações climáticas dos últimos dias, que têm como resultado a incidência de chuvas. As precipitações têm sido tímidas, como as dessa última quinta-feira (8.00 mm), que se concentrou no Centro e num bairro ou outro da cidade, trazendo certa trégua ao intenso calor, tão característico do semiárido cearense.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

18:53 · 23.01.2017 / atualizado às 20:11 · 23.01.2017 por

chart-1Sobral- De acordo com as previsões da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), as previsões para o restante do dia de hoje,23, haverá nebulosidade variável com chuva em todas as regiões cearenses. A ocorrência de chuvas deverá se repetir em todas as regiões do Estado, ao longo de todo o dia da terça-feira, 24, ainda segundo os prognósticos da Funceme, resultados dos dados coletados às 16h56 de hoje.

Maior incidência

Dos 139 postos informados, 99 registraram a incidência de chuva, sendo Acopiara, o município mais banhado (74.0 mm); seguido de Senador Sá (57.6 mm), no Norte do Estado; Morada Nova (46.6 mm); Itatira (33. 4 mm); Quixelô (33.0 mm); Baixio (30.0 mm); além de Cariré (30.0 mm), Reriutaba (30.0 mm), Varjota (29.2 mm), e Groaíras (24.9 mm), também na região Norte, que fecham a lista dos dez municípios de maior aporte de chuvas do dia. Ao todo, 76 municípios cearenses registraram precipitações.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo whatsApp 88 9 9659-4083.

14:32 · 12.09.2016 / atualizado às 14:32 · 12.09.2016 por
Museu Dom José, Sobral-CE; um dos cartões postais de Sobral, o Museu Dom José possui um dos maiores acervos de artes sacras do País (Foto: divulgação/ PMS.
Museu Dom José, Sobral-CE; um dos cartões postais de Sobral, o Museu Dom José possui um dos maiores acervos de artes sacras do País (Foto: divulgação/ PMS.

Sobral A cidade de Sobral, no Norte do Ceará, vai acolher, entre os meses de setembro, outubro, novembro e dezembro deste ano, uma ampla e diversificada programação artística, interligada a processos formativos, apor meio de cursos e oficinas com intuito de formar tecnicamente profissionais aptos a atuar no mercado das artes. A partir do dia 22 deste mês, o projeto Cidade das Artes, iniciativa do Instituto Dragão do Mar e da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult-CE) abre suas inscrições.

Região Norte

Para compor parte da programação cultural, o Instituto Dragão do Mar lança Chamada Pública, onde mapeará e selecionará, mediante curadoria, projetos propostos por artistas, grupos artísticos, produtores culturais, agentes da cultura, brincantes e pesquisadores de Sobral e de outras cidades do Vale do Acaraú, como Alcântaras, Cariré, Coreaú, Frecheirinha, Forquilha, Graça, Groaíras, Hidrolândia, Irauçuba, Massapê, Meruoca, Moraújo, Mucambo, Pacujá, Pires Ferreira, Reriutaba, Santana do Acaraú, Senador Sá e Varjota.

As inscrições estão abertas até o dia 25 de setembro, pelo site: www.cidadedasartes.org.br. Poderão ser inscritos projetos nas áreas de Teatro, Dança, Música, Artes Visuais, Artes Urbanas, Culturas Populares, Audiovisual, Circo, Literatura, Fotografia e Patrimônio Histórico.

O projeto

Apoiado sobre as vertentes criação- difusão- formação, o projeto Cidade das Artes, que pretende descentralizar as políticas públicas de cultura, se propõe a valorizar e fortalecer a cultura do interior cearense, dinamizando equipamentos culturais, espaços públicos e sítios de valor histórico e cultural. Sobral, Aracati, Icó, Viçosa, Quixeramobim e Barbalha são as cidades que acolherão, ao longo de 2016, 2017 e 2018, uma ampla e diversificada programação artística.

Sobral é a primeira cidade-sede do projeto, com programação artística semanal, de setembro a dezembro deste ano com uma extensa programação, tudo a um só tempo, ocupando ruas e conectando espaços públicos referenciais, como o Teatro e a Praça São João, o Museu Dom José de Arte Sacra, a Ecoa, o Museu Madi e a Casa da Cultura, entre outros.

Inscrições

Para inscrever-se na Chamada Pública do Sobral Cidade das Artes, o proponente deve primeiro criar um perfil pessoal ou coletivo no Mapa Cultural do Ceará, plataforma da Secult-CE, disponível no endereço eletrônico www.cidadedasartes.org.br. O cadastro habilitará o agente cultural a participar de projetos e editais futuros da Secult-CE, além de integrar uma rede social da cultura, facilitando o networking.

Depois de cadastrado no Mapa Cultural do Ceará, o artista, grupo ou demais agentes da cultura poderão se inscrever na Chamada Pública do Sobral Cidade das Artes, disponível na mesma plataforma. Todas as três convocatórias (programação cultural, exposição fotográfica e vivência do Trajetos de Criação) obedecem a esse mesmo processo.

Serviço

Lançamento do projeto Sobral Cidade das Artes: 22 de setembro de 2016/Chamada Pública – Sobral Cidade das Artes

Inscrições para programação cultural: 1º a 25 de setembro; para exposição fotográfica e Audiovisual: 1º a 25 de setembro; para vivência Trajetos de Criação: 1º a 11 de setembro.

Sites para Inscrições: www.cidadedasartes.org.br

Dúvidas e sugestões: sobralcidadedasartes@gmail.com

Gratuito

Colabore com o Blog Zona Norte pelo whatsApp 88 9 9659-4083.

11:37 · 01.09.2016 / atualizado às 11:38 · 01.09.2016 por

Sobral- A Secretaria de Agricultura e Pecuária realiza, até essa sexta-feira, 2, uma capacitação sobre o processo de emissão de Certificado de Cadastro do Imóvel Rural (CCIR). O treinamento, direcionado para técnicos que atuam em Unidades Municipais de Cadastramento (UMC), está sendo realizado em parceria com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Capacitação

De acordo com Luiza Barreto, secretária da Agricultura e Pecuária de Sobral, “a partir deste treinamento, os técnicos da Seagri estarão aptos a emitir o CCIR, documento necessário para desmembrar, arrendar, hipotecar ou vender propriedades rurais”, explicou. “Além disso, este documento permite o acesso à aposentadoria e empréstimos bancários”, concluiu a secretária.

Emissão de cadastros

No município, a UMC funciona desde 2011, e já emitiu cerca de 500 Cadastros para produtores. A atividade é direcionada às prefeituras que renovaram, este ano, o termo de cooperação técnica, como Alcântaras, Coreaú, Graça, Groaíras, Forquilha, Frecheirinha, Meruoca, Meruoca, Moraújo, Morrinhos, Reriutaba e Santana do Acaraú.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo whatsApp 88 9 9659-4083.

20:23 · 30.08.2016 / atualizado às 20:23 · 30.08.2016 por
Sobral-CE; tendo à frente representantes da Secretaria das Cidades, a reunião com representantes da indústria e do setor de reciclagem de Sobral divulgou as vantagens de instalação de um Condomínio Verde na Região Norte (Foto: Marcelino Júnior).
Sobral-CE; tendo à frente uma equipe da Secretaria das Cidades, a reunião com representantes da indústria e do setor de reciclagem de Sobral divulgou as vantagens de instalação de um Condomínio Verde na Região Norte (Foto: Marcelino Júnior).

Sobral- Reunidos, nessa terça-feira,30, numa sala do Centro de Educação a Distância de Sobral, representantes do setor industrial e empresários do ramo de reciclagem, participaram de uma palestra sobre a instalação de um Condomínio Verde, ou um Mini Parque Industrial no município, onde todo o material com potencial reciclável possa ser aproveitado em grande escala.

Além de dar um destino correto aos resíduos, a ideia é gerar oportunidade de negócios e renda, num setor ainda pouco explorado. O Condomínio Verde faz parte do Consórcio de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos (CGIRS), projeto orçado em cerca de R$ 50 milhões, com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que reúne os municípios de Sobral, Alcântaras, Cariré, Coreaú, Forquilha, Graça, Groaíras, Frecheirinha, Massapê, Meruoca, Moraújo, Pacujá, Santana do Acaraú e Senador Sá.

Projeto

 

Sobral-CE; parte do material reciclável coletado em Sobral é transportado para outros estados; mas muitos resíduos ainda ficam sem destinação correta (Foto; Marcelino Júnior).
Sobral-CE; parte do material reciclável coletado em Sobral é transportada para outros estados; mas muitos resíduos ainda permanecem sem destinação correta (Foto: Marcelino Júnior).

O palestrante e consultor Ruy Marques veio de Portugal para desenvolver o modelo de negócio que vai gerir o Condomínio Verde. E de acordo com ele, “esse é um equipamento de natureza industrial que permite reunir um conjunto de empresas ligadas à reciclagem, com a missão de reencaminhar ou transformar os materiais em novos produtos com valores acrescentados. O Condomínio agrega ao Consórcio, mas com certa independência, podendo ser gerido pelas empresas ou pela forma que os municípios consorciados achem mais adequada. Após esta reunião, passaremos à parte de coleta de informações, com questionário enviado às empresas para se avaliar o potencial desse mercado; no final de outubro teremos um novo encontro para analisarmos esses resultados”, finalizou. Veja a matéria completa no Jornal Diário do Nordeste.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo whatsApp 88 9 9659-4083.

16:09 · 08.04.2016 / atualizado às 16:13 · 08.04.2016 por

Sobral- O Governo do Ceará, por meio da Secretaria das Cidades, recebeu da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) a licença ambiental que autoriza o início das obras do projeto de implantação do Aterro Sanitário Consorciado de Sobral. Além do município sede, o equipamento atenderá as cidades de Alcântaras, Cariré, Coreaú, Forquilha, Frecheirinha, Graça, Groaíras, Massapê, Meruoca, Moraújo, Mucambo, Pacujá, Santana do Acaraú e Senador Sá. O documento, assinado na última segunda-feira, 4, tem validade de dois anos e pode ser renovado.

Instalações

O aterro será instalado em um terreno de 100 hectares na zona rural de Sobral, acerca de oito quilômetros da área urbana. O empreendimento prevê a implantação de sete estações de transferências de resíduos sólidos nos municípios de Cariré, Coreaú (sede), Coreaú (Ubaúna), Forquilha, Massapê, Pacujá e Santana do Acaraú. Esses espaços receberão e armazenarão temporariamente os resíduos das coletas em virtude da grande distância entre os centros geradores e o local de disposição final.

A vida útil do Aterro Consorciado de Sobral será de, no mínimo, 20 anos. De acordo com o estudo ambiental apresentado à Semace, foram identificados 38 impactos ambientais nas áreas de influência do equipamento durante as fases de projeto, instalação, operação e desativação. Desse total, 20 são considerados positivos, o que representa 52,6%.

Benefícios

De acordo com a Secretaria das Cidades, a disposição adequada dos resíduos sólidos é um ganho para o meio ambiente e para a sociedade. Os estudos constataram que aproximadamente 60% dos impactos benéficos ocorrerão no meio socioeconômico. Segundo o gerente de licenciamento ambiental da Semace, Carlo Alberto Mendes, “a implantação de um equipamento desse porte traz incremento na qualidade de vida e geração de emprego e renda para a população, além de atrair atividades econômicas relacionadas ao setor”, afirmou.

Impactos ambientais

Ainda de acordo com a Secretaria, com relação aos efeitos adversos, o que se verificou na etapa de levantamento de dados foi que eles deverão surgir com maior intensidade no meio biofísico, em decorrência da alteração dos elementos que compõem a paisagem local e por causa dos riscos que podem surgir, por causa de alguma falha na implantação, funcionamento e monitoramento do empreendimento. Contudo, uma série de medidas mitigadoras e planos de controle ambiental devem ser colocados em prática para minimizar esses impactos negativos.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.

21:23 · 03.12.2014 / atualizado às 21:23 · 03.12.2014 por

O Grupo de Fiscalização Rural da Superintendência Regional do Trabalho e Emprego no Ceará, o Ministério Público do Trabalho (MPT) e a Polícia Rodoviária Federal resgataram 26 trabalhadores, em situação de trabalho análogo a escravo em razão das condições degradantes a que estavam submetidos, em fiscalização realizada numa fazenda localizada no município de Groaíras (CE).

 

Os trabalhadores estavam alojados precariamente em duas casas no interior da fazenda fiscalizada
Os trabalhadores estavam alojados precariamente em duas casas no interior da fazenda fiscalizada

 

Os trabalhadores estavam alojados precariamente em duas casas no interior da fazenda fiscalizada. Os trabalhadores resgatados foram contratados nos municípios de Morrinhos e Santana do Acaraú e levados na carroceria de um caminhão tipo gaiola para o local de trabalho. Além dos riscos de acidente no transporte desses trabalhadores, o empregador descumpria de forma generalizada toda a legislação trabalhista. Todos os trabalhadores trabalhavam sem CTPS assinada, sem exames médicos admissionais, equipamentos de proteção individual, instalações sanitárias, local para preparo dos alimentos, água potável, entre outras irregularidades.

Os trabalhadores desenvolviam atividades relacionadas à extração do pó da carnaúba.

A presente operação é um desdobramento de ações já realizadas no final do ano passado e que tem por finalidade buscar a regularização do uso da mão de obra na cadeia produtiva advinda da extração do pó da palha da carnaúba, que tem em sua etapa final, produto economicamente viável e de extrema importância na balança comercial no Estado do Ceará.

 

Com informações do MPT CE

 

09:56 · 12.11.2013 / atualizado às 09:56 · 12.11.2013 por
Já consolidado como evento microrregionão, o aniversário da Igreja Batista de Groaíras busca estimular o comércio por meio do turismo religioso e a ação social com arrecadação de alimentos. Fotos Artenio Thydi.
Já consolidado como evento microrregionão, o aniversário da Igreja Batista de Groaíras busca estimular o comércio por meio do turismo religioso e a ação social com arrecadação de alimentos. Fotos Artenio Thydi.

O Município  realizará nos próximos dias 15 e 16 de novembro da Primeira Igreja Batista de Groaíras em comemoração aos dez anos de organização de uma igreja local. Dentre as atrações, haverão apresentações musicais locais e grandes nomes da musica Gospel do Nordeste, como o cantor Rildo Freitas e o ex-Calcinha Preta Daniel Diau, além de apresentações coreográficas. A organização espera promover na cidade uma grande movimentação de visitantes de varias cidades da região norte, gerando dessa forma o turismo religioso, outro objetivo da organização é alavancar uma campanha de arrecadação de alimentos, que tem por objetivo ajudar famílias carentes do município, a distribuição das cestas será feita em parceria com o CRAS da cidade, baseado no cadastro que a assistência social tem de famílias carentes existente no município.

O evento estima um público de aproximadamente quatro mil pessoas, e marca o crescimento do trabalho evangélico no município. O evento contará com a presença de varias igrejas evangélicas da cidade e região vizinha, e com presença de autoridades, como o Prefeito Adail Melo, Vereadores e secretários do município. (mais…)