Busca

Tag: Veículo de placas PMV 9319 (PI)


11:18 · 13.03.2018 / atualizado às 11:18 · 13.03.2018 por
Sobral-CE; R$ 51 mil foram recuperados durante ação policial à tentativa de assalto à casa lotérica no Centro da Cidade (Foto: PM/Sobral).

Sobral- Seguem presos, os membros da quadrilha que assaltou uma casa lotérica no Centro de Sobral, nessa segunda-feira (12), por volta das 19 horas, mantendo o dono do estabelecimento em seu poder, após sequestrá-lo, minutos antes. Francisco Leonardo Oliveira Rocha, de 26 anos, Maria Crislane Oliveira Sousa, de 20, e Renato Pereira da Costa, de 29 anos, que se encontra sob escolta policial, internado na Santa Casa de Sobral, por ter sido ferido à bala, após reação a abordagem policial, foram interceptados, logo ao sair da casa lotérica.

Sequestro

De acordo com a Polícia Militar, , quando foi preso, o grupo conduzia o veículo de placas PMV 9319 (PI) e o próprio carro do homem sequestrado, identificado apenas como João. Segundo o levantamento feito pela Polícia, o grupo sequestrou o dono da casa lotérica, nas proximidades de sua residência e rodou com ele pela cidade fazendo ameças e terror psicológico, dizendo que teria a filha de João também sequestrada, o que depois não foi confirmado pela vítima. Durante o trajeto, o grupo foi interceptado pela Polícia, que percebeu atitude estranha, por parte dos passageiros do veículo. Os sequestradores foram perseguidos, mas conseguiram escapar.

Roubo

O grupo subiu a Serra da Meruoca, a poucos quilômetros de Sobral, deixando abandonado o veículo da vítima e trocando de carro. Ameaçado por armas, o homem foi levado ao seu estabelecimento e forçado a entregar todo o dinheiro que estava no cofre, cerca de R$ 51 mil. Nesse instante, uma composição da Polícia Militar já havia sido acionada, se posicionando à frente da casa lotérica, quando foram feitos disparos, por parte dos bandidos. Após o conflito armado, uma negociação foi feita, preservando a integridade, tanto da vítima, quanto de seus algozes. Um dos sequestradores fugiu do cerco policial.

Alerta

De acordo com o tenente coronel Assis Azevedo, comandante do 3º Batalhão da Polícia Militar, “o que pode ter desencadeado toda essa ação criminosa frustrada, pode ter sido a exposição, por parte da vítima, de sua vida pessoal nas redes sociais. Os detalhes, que eles deixaram transparecer durante o sequestro, fizeram a vítima pensar nessa possibilidade. Daí, fica o alerta para o cuidado com o que se expõe nas redes sociais. O grupo sabia de muitos detalhes, inclusive os locais em que ele frequentava. Ao final, numa ação rápida, conseguimos recuperar o dinheiro e apreender as armas utilizadas na ação”, explicou.

Apreensão

Além da apreensão dos dois automóveis usados pelos bandidos, na operação foram apreendidos, ainda, dois revólveres calibre 38, com onze munições, aparelhos celulares, carteiras, notebooks e relógios. O caso foi levado à Delegacia Regional de Sobral. De acordo com o delegado Rafael Medeiros, “agora, o nosso esforço é o de seguir com as investigações para prendermos o quarto homem, que fugiu; e chegarmos ao mentor intelectual desse crime. Já temos elementos para dizer que sim, pelas formas da ação, eles conheciam bem a rotina da vítima”, afirmou. Funcionários e familiares de seu João não quiseram gravar entrevista.

Colabore com o Blog Zona Norte pelo WhatsApp 88 9 9659-4083.